Na última segunda-feira, 17 de junho, o Governo de Pernambuco, através do Complexo Industrial Portuário de Suape, assinou um memorando de entendimento com a empresa francesa Arhyze para desenvolver um projeto industrial focado na produção de hidrogênio verde, amônia verde e e-metanol. Este projeto visa a descarbonização e a transição energética, com um investimento privado de aproximadamente R$ 2 bilhões. A primeira fase, prevista para 2028, produzirá 100 mil toneladas de e-metanol anualmente.

Suape foi escolhida por sua localização estratégica no Nordeste do Brasil, facilitando a produção e exportação de hidrogênio de baixo carbono. O projeto promete gerar empregos, promover inovações e integrar Pernambuco na cadeia de valor global.

A assinatura contou com a presença de várias autoridades e executivos de Suape e Arhyze, reforçando o compromisso com a energia sustentável e a redução de emissões de carbono, posicionando Pernambuco como um importante ator na transição para um futuro mais limpo e sustentável.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar