Autor da proposta afirma que o objetivo é “enriquecer o conhecimento dos alunos

 

634811

O deputado estadual de Goiás Jeferson Rodrigues (PRB) apresentou um Projeto de Lei que visa autorizar os professores e alunos do seu estado a lerem trechos da Bíblia em salas de aula.

O parlamentar, que também é pastor da Igreja Universal, justifica na proposta que essa leitura não viola os princípios do Estado laico. Ele acredita que essa leitura facultativa tem como objetivo “enriquecer o conhecimento dos alunos” e “proporcionará fundamentos históricos” e ensinar “valores cívicos, sociais, morais e espirituais”, uma vez que a Bíblia “não pertence a nenhuma religião.

 

Fonte: gospelprime

Presidenciável do PSL aparece consolidado com larga vantagem em relação ao adversário do PT

BOLSONARO AGORA

Bruno Peres – Metrópoles

Na reta final da disputa pela sucessão presidencial, o candidato Jair Bolsonaro (PSL) segue consolidado com 60% das intenções de voto contra 40% de Fernando Haddad (PT), conforme pesquisa encomendada pelo banco BTG Pactual ao Instituto FSB.

Os percentuais desconsideram votos em branco, nulo e de indecisos. Comparativamente à última pesquisa BTG/FSB, Bolsonaro oscilou um ponto para cima, enquanto a movimentação de Haddad foi de igual ponto percentual para baixo.

Os dados divulgados nesta segunda-feira (22/10) mostram que, quando são considerados todos os votos, o militar da reserva tem 52% enquanto o petista aparece com 35%.

A rejeição de Haddad é maior (52%) do que a de Bolsonaro (38%). Ao analisar as razões de voto do eleitor no segundo turno, 10% dos eleitores do militar da reserva querem impedir a vitória de Haddad. Entre os que querem eleger o petista, 18% buscam evitar a vitória do militar da reserva.

Em relação ao sentimento com o processo eleitoral, os eleitores estão, em alguma medida, decepcionados (73%), com medo (62%), sem empolgação (56%) e desesperançados (30%).

O levantamento foi feito no fim de semana (20 e 21/10) com 2.000 eleitores nas 27 unidades da Federação. A margem de erro da pesquisa, registrada no TSE sob o número BR-03689/2018, é de dois pontos percentuais.

Às 9:13, o dólar recuava 0,23 por cento, a 3,7061 reais na venda, depois de encerrar a sexta-feira em queda de 0,28 por cento, a 3,7147 reais
Dólar abriu a última semana antes das eleições presidenciais em queda (Dado Ruvic/Illustration/Reuters)
Dólar abriu a última semana antes das eleições presidenciais em queda (Dado Ruvic/Illustration/Reuters)

Por Reuters

 

 

O dólar abriu a última semana antes das eleições presidenciais em queda, após nova pesquisa confirmar o favoritismo de Jair Bolsonaro (PSL) perante o eleitorado, mas também de olho no exterior diante de alívio com a Itália e promessa de estímulo estatal à economia chinesa.

Às 9:13, o dólar recuava 0,23 por cento, a 3,7061 reais na venda, depois de encerrar a sexta-feira em queda de 0,28 por cento, a 3,7147 reais. O dólar futuro tinha baixa de cerca de 0,25 por cento.

Pesquisa de intenção de votos encomendada pelo BTG Pactual à FSB Pesquisas mostrou, nesta segunda-feira, uma liderança de 20 pontos de Bolsonaro sobre Fernando Haddad, do PT, entre os votos válidos, consolidando o cenário do mercado financeiro de que o deputado do PSL deve vencer o pleito no domingo e impor uma agenda de ajuste fiscal, privatizações e enxugamento da máquina pública.

O Banco Central realiza nesta sessão leilão de até 7,7 mil swaps cambiais tradicionais, equivalentes à venda futura de dólares para rolagem do vencimento de novembro, no total de 8,027 bilhões de dólares.

Se mantiver essa oferta diária e vendê-la até o final do mês, terá feito a rolagem integral.

ANTONIO SOUZA

 

A empresa Ativa System, que faz a vigilância monitorada da Escola Estadual Maria Cavalcante, localizada no Bairro Brasil Novo, zona norte de Macapá, no Amapá, conseguiu identificar e capturar dois dos suspeitos de uma onda de furtos dentro da instituição de ensino. A empresa integra o Grupo Ferreira Souza, comandando pelo empreendedor social Antonio Souza. “Acredito que todo empreendedor tem que ter à frente da sua ação o compromisso social. E é isso que procuro disseminar nas empresas do grupo. Nosso objetivo primeiro é melhorar a vida das pessoas”, pontuou.

A captura foi feita no início deste mês de outubro pelos patrulheiros da empresa, após a dupla ser identificada por meio do sistema de monitoramento novamente furtando sete ventiladores na escola. Em um registro feito pelas câmeras de vigilância da Ativa, é possível ver um dos infratores cometendo o delito em plena luz do dia.

Segundo moradores, os criminosos agiam sem se inibir e chegavam a vender os objetos subtraídos da escola de porta em porta. De acordo com informações da Secretaria de Estado da Educação (Seed), os ventiladores serão repostos pelo seguro da empresa Ativa System, que realiza o trabalho de segurança. Os infratores foram identificados. Um deles é Vitor Mendes Lima Gonçalves, 19 anos; e o outro, um adolescente de 17 anos. Ambos foram apresentados ao Centro Integrado de Operações de Segurança Pública do Pacoval (Ciosp).

Histórico – A Ativa System nasceu em 1997, quando Antonio Souza começou a empreender com a inauguração da Maceió Alarmes. Em 2004, sua primeira empresa foi ampliada e se transformou na Ativa System Brasil. A corporação concentra cinco empresas com atuação nos segmentos de desenvolvimento de aplicativos de controle e verificação de documentos, certificação de origem e procedência, autoatendimento público e de segurança social. Além de projetar, implantar e dar manutenção no monitoramento de segurança dos principais órgãos públicos brasileiros.

Atualmente Antonio Souza é um dos mais importantes empreendedores nas áreas de segurança e tecnologia, com participação em feiras, palestras nacionais e internacionais. Revolucionou o setor com novos produtos e aplicações. Além de ser pioneiro em monitoramento e lousas digitais.

Manifestação, em apoio à Operação Java-Jato, à atuação do juiz Sérgio Moro, contra o foro privilegiado para autoridades, a favor da punição da prática de Caixa 2 nas campanhas eleitorais. Brasília, 26/03/2017 - Foto Orlando Brito
Manifestação, em apoio à Operação Java-Jato, à atuação do juiz Sérgio Moro, contra o foro privilegiado para autoridades, a favor da punição da prática de Caixa 2 nas campanhas eleitorais. Brasília, 26/03/2017 – (Foto Orlando Brito)
Por Itamar GarcezOs Divergentes

Uma parcela significativa dos eleitores que marcharão em direção às urnas neste domingo, 7 de outubro, não carregará o estandarte da esperança. Confirmada a polarização apontada pelos oráculos modernos e vivenciada em velhos e novos palcos, os das ruas e redes sociais, os votantes vão apontar sua ira em direção aos adversários.

O século XXI não dissipou os tempos extremos de Eric Hobsbawm, que assim alcunhou o século XX. Aqui, em terras brasilianas, não estamos isolados. Também cultuamos as ideias mais distantes do centro, geralmente quimeras.

De um lado, a ideia mítica do salvador que vai livrar os pobres e miseráveis do capitalismo opressor. Do outro, o mito de armas em riste que igualmente ostenta a miragem salvacionista contra a tirania sinistra.

Intolerância ao contraditório

Não são iguais. Oscilam entre a sofisticação política às simplificações toscas. Das receitas de alfarrábios a preconceitos arraigados.

Manifestações explosivas. Foto Orlando Brito
Manifestações explosivas (Foto Orlando Brito)

Mas ambos são genuínos e legítimos. Não representam a si mesmos. Expressam vontades e pensamentos de rincões e querências Brasil adentro.

Entre outros, o que os difere dos demais é o culto à ira. Se não estiver comigo, está contra mim. Revivem um bordão de sombria lembrança: ame ou odeie minha ideia.

“Os dois lados têm

a perigosa certeza de

que somente eles sabem o que

é melhor para o povo.”

As receitas de ambos contêm soluções divergentes. Antagonizam-se em questões programáticas, mas convergem no ódio a tudo que contrarie suas crenças de demiurgos.

Repartição pública. Foto Orlando Brito
Repartição pública (Foto Orlando Brito)

De um lado, o ódio à diversidade, aos direitos humanos, à integridade humana. Do outro, o ódio ao contraditório, à livre iniciativa, ao Estado enxuto.

Um lado se levanta contra os valores tradicionais. O outro quer preservá-los a qualquer custo.

Dos dois lados, militantes que não se toleram. E que têm a convicção cega dos fanáticos.

Traço comum a ambos, o desprezo à liberdade como valor absoluto. Compartilham, aberta ou veladamente, tendência ao autoritarismo onde governar rima com ordenar.

Afinal, os dois lados têm a perigosa certeza de que somente eles sabem o que é melhor para o povo. Como, às vezes, a democracia atrapalha este desígnio, vez e outra buscam atalhos a ela.

Canto das cigarras

Não há solução certa ou errada. Há escolhas como a que os brasileiros farão neste domingo.

Alguns eleitores lançarão os números à sorte como um sortilégio para as nossas mazelas. Para muitos, os algarismos digitados na urna buscarão entronizar um mito e destruir o outro.

No meio do caminho ficarão as ideias apaziguadoras e a moderação. Confirmadas as tendências, os votantes elegerão um candidato que é o mais amado e o mais odiado ao mesmo tempo.

Até aqui, insuflados por candidatos raivosos, uma parcela dos eleitores optou pela ira como conselheira. Fizeram suas escolhas.

Tempo quente. Orlando Brito
Tempo quente (Orlando Brito)

Como nossa terra é fértil, em se plantando, tudo dá. Principalmente ervas daninhas.

Neste 2018, fugindo ao padrão, as chuvas antecederam o tradicional canto das cigarras no cerrado brasiliense. Porém, galhos e troncos molhados não impediram que elas entoassem sua notável cantoria. Parecem indiferentes aos extremismos que crispam o horizonte. Talvez porque, para elas, nada vai mudar. Assim como os que cultuam a temperança prosseguirão apreciando o concerto de Bach.

DILMA ENCONTRADA

Otto Dantas – Articulista e Repórter

 

A coordenação da campanha de Fernando Haddad conseguiu fazer um contato com a ex-presidente Dilma Rousseff, que permanece em absoluto isolamento, desde o dia em que conheceu o resultado das urnas em Minas Gerais, onde amargou a quarta colocação na eleição senatorial.

Extremamente abalada, sem querer falar com ninguém e nem tampouco receber quem quer que seja. É o estado precário em que se encontra a petista.

Dilma nunca sofreu tanto quanto agora, com o revés eleitoral e permanece inconformada.

Nem no impeachment ela demonstrou tamanho abatimento. É o comentário reinante entre pessoas que participaram de sua campanha.

De qualquer forma, o PT quer a participação da ex-presidente nesta última semana do 2º turno.

Dilma garantiu participação num evento de Haddad em Minas.

Ninguém acredita que ela vá realmente aparecer. Não parece disposta a atender nenhum tipo de chamamento.

Todavia, em breve terá que atender ao chamado do juiz Sérgio Moro.

otto@jornaldacidadeonline.com.br

Aliado de Bolsonaro, Magno Malta veio a Pernambuco pedir empenho na reta final da campanha (Foto: reprodução/@mendoncafilhope)
                                     Aliado de Bolsonaro, Magno Malta veio a Pernambuco pedir empenho na reta final da campanha (Foto: reprodução/@mendoncafilhope)

Por Marcos Lima Mochila

O Senador Magno Malta (PR), um dos principais apoiadores de Bolsonaro, participou neste sábado (20/10), de um encontro de apoiadores do presidenciável,  onde pediu empenho na reta final da campanha.

MAGNO MALTA EM PE M 3O evento, organizado pela deputada estadual eleita Clarissa Tércio, uma nova liderança que surge com muita força, no nosso Estado, realizou-se no Hotel Golden Beach, em Piedade, Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana. O auditório, com capacidade para 850 pessoas, ficou completamente lotado e muita gente ficou de fora, mas permaneceu no espaço de acesso paa, pelo menos, ouvir os discursos. MAGNO MALTA EM PE M 4

Participaram do ato os deputados federais Mendonça Filho (DEM) e Bruno Araújo (PSDB), o deputado federal eleito André Ferreira (PSC), que tem votos no segmento evangélico, a deputada estadual eleita Clarissa Tércio (PSC), o vereador do Recife Renato Antunes (PSC) e o Pastor Francisco Tércio, presidente do Ministério Novas de Paz, que comanda a Rádio Novas de Paz.

Ao discursar, Magno Malta minimizou a denúncia da oposição contra Bolsonaro depois que o jornal Folha de S. Paulo noticiou que empresários ligados ao candidato do PSL teriam gasto até R$ 12 milhões para disparar mensagens com críticas ao PT no WhatsApp. “Eu tô em Recife agora e acabei de encontrar o caixa dois de Bolsonaro. Quem é caixa dois aí? Quem é caixa dois aí? Não é marionete do ladrão”, disparou.

cc2a5e0f-bca8-47cc-8fbb-e39e1311a51bEmpenho

Cotado para retornar ao Ministério da Educação, Mendonça prometeu empenho na semana decisiva. “Eu nunca me enverguei. Nunca na minha vida dei um voto ao Partido dos Trabalhadores e também não condeno quem o fez”, assegurou.

Após o encerramento do evento, Mendonça Filho reiterou que se integrou completamente à candidatura de Bolsonaro.

“Vim aqui para manifestar minha posição com relação à sucessão presidencial: eu vou votar em Jair Bolsonaro para presidente da República”, afirmou.

Mendonça enfatizou que Bolsonaro representa esperança. “A gente tem Jair Bolsonaro, que representa a esperança e um governo que restaure a ordem e respeito ao cidadão. Então, eu confio e acredito que essa é a melhor alternativa para o Brasil. E votarei em Jair Bolsonaro para presidente assim como espero que faça a grande maioria do povo brasileiro”.

O ex-ministro da Educação também criticou o PT. “De um lado a gente tem o PT, que marcou a sua história recente em 13 anos de governo pela corrupção e a má gestão, levando o Brasil pro fundo do poço, milhões de desempregados e uma recessão histórica. Do lado de cá, vemos um candidato preocupado em restaurar a dignidade do povo brasileiro, combater a corrupção e a violência de uma maneira mais incisiva. Então, temos que optar por esse novo lado para termos um Brasil melhor para o brasileiro”, finalizou Mendoncinha.

Movimentos de Direita 

Neste domingo (21), o Vem Pra Rua, o Direita Pernambuco, o Movimento Brasil Livre (MBL) e o Endireita Pernambuco realizam o ato “PT Não” na Avenida Boa Viagem. A concentração está marcada para as 14h30, em frente à Padaria Boa Viagem.

SHOPPING GUARARAPES 25 ANOS 2

Por Marcos Lima Mochila

No próximo mês, o Shopping Guararapes completará 25 anos, com um motivo extra para comemorar. o Balanço de 2018 deve fechar com um crescimento de 6% nas vendas e no fluxo de público, em relação ao ano passado.

O ano de 2018 foi particularmente favorável ao centro de compras localizado em Jaboatão dos Guararapes. 29 novas operações (lojas e quiosques) foram abertas, entre as quais a Academia Smart Fit, a Drogasil, a Futurista, a Império Móveis e Eletro, Red Bake,  Salão de Beleza Zion e a Tabira.

Dora Linhares e Newton Souza (Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco)
Dora Linhares e Newton Souza (Foto: Ed Machado/Folha de Pernambuco)

Newton Souza, superintendente do Guararapes,  afirma que o resultado é uma taxa de vacância (lojas não ocupadas) muito baixa, em torno de três lojas. “Praticamente não temos vacância. O desafio é atender ao pedido de empresários por loja maiores, de 500 m², ou mais, como tem ocorrido”, detalha Souza.

Segundo o superintendente, os bons resultados são frutos dos investimentos feitos, tanto pelos empreendedores, quanto pelos lojistas, que chegam aos R$ 13 milhões. Além do incremento no mix, o mall recebeu obras de infraestrutura e modernização como a troca de cúpulas, melhorias nos jardins e substituição da iluminação interna e externa por LED, além do aumento de eficiência no sistema de refrigeração.

O Shopping Guararapes registra média diária de público de cerca de 50 mil pessoas e 12 mil veículos.

SHOPPING GUARARAPES 25 ANOS

Natal

O Guararapes vai iniciar sua comemorações de Natal já em novembro. A partir do dia 1˚ será aberta ao público a decoração natalina do mall com a tradicional chegada de Papai Noel. Uma árvore de Natal de oito metros de altura, balanços, janelas com animação contemplativa, sinos iluminados, onde a pessoa poderá escolher a cor da luz para se fotografar, fazem parte das atrações.

No dia 15 do mesmo mês, o Guararapes lança uma atração inédita. Um parque temático, montado na área externa do shopping, com 3 mil m² de área, todo voltado para os motivos natalinos.

O parque terá, além da decoração típica, brinquedos e atrações para crianças. Para ter acesso será preciso adquirir ingressos com valores entre R$ 5 e 5 e R$ 10 por brinquedo.

A gerente de marketing do Shopping Guararapes, Dora Linhares revela que no dia 15 de novembro haverá o lançamento de um game de realidade aumentada, desenvolvido especialmente para uso dentro do shopping.

MENDONÇA FILHO

Renata Cafardo – Estadão Conteúdo

 

O ex-ministro da Educação no governo de Michel Temer, Mendonça Filho (DEM-PE), está colaborando com a equipe do candidato Jair Bolsonaro (PSL). O nome de Mendonça estaria, inclusive, sendo cogitado para voltar ao mesmo ministério que deixou em abril para se candidatar a senador por Pernambuco. Ele não se elegeu.

Além dele, o nome do empresário Eduardo Mufarej, do grupo RenovaBR, também está sendo considerado para o cargo.

Mendonça teve reuniões com o deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS) em que apresentou o que foi feito na pasta durante a sua gestão e deu sugestões na área para um eventual governo Bolsonaro. Onyx deve assumir a Casa Civil se Bolsonaro for eleito.

Segundo interlocutores, Mendonça teria enfatizado a importância do ensino em tempo integral e a reforma do Ensino Médio, que Temer aprovou por meio de medida provisória e tem sido a grande bandeira do governo em Educação.

Em seu programa, Bolsonaro não menciona a reforma do Ensino Médio e tem dito que pretende fazer uma “mudança curricular” para tirar questões como gênero e sexualidade das escolas.

A gestão de Mendonça – continuada pelo atual ministro Rossieli Soares – também foi responsável pela finalização da Base Nacional Comum Curricular (BNCC). O documento começou a ser elaborado no governo de Dilma Rousseff e teve várias versões. Na que foi aprovada, no fim de 2017, menções a gênero e sexualidade foram retiradas do texto.

Segundo o Estadão apurou, outro nome que estaria sendo cotado para o Ministério da Educação é o do empresário Eduardo Mufarej, ex-presidente do grupo Somos Educação, e que está à frente da ONG RenovaBR. A entidade tem o objetivo de formar lideranças para a política. Ele seria uma indicação de Paulo Guedes, economista de Bolsonaro. Guedes não gostaria que a pasta fosse ocupada por um militar.

Em entrevista ao Estadão, o general Aléssio Ribeiro Souto, que está no grupo de discussões sobre Educação, do candidato do PSL, disse que a bibliografia deveria mudar para que professores exponham a “verdade” sobre o “regime de 1964”.

O ex-funcionário da Fundação Getúlio Vargas e especialista em Educação à Distância, Stravos Xanthopoylos, também faz parte do grupo e foi cogitado para o cargo. Mas não há consenso de que ele deva assumir o ministério.

OURICURI ATUAL 5

A Prefeitura de Ouricuri, através da Secretaria Municipal de Saúde, entregou na manhã desta sexta-feira (19), equipamentos e móveis para a Unidade Básica de Saúde (UBS), José Pimentel no Centro da Cidade.

OURICURI ATUAL 2

Foram entregues para a UBS os seguintes equipamentos e móveis: Autoclave; Mesa de Escritório; Armário Vitrine; Arquivo; Maca Simples; Mesa Ginecológica; Ar Condicionado; Longarina; Bebedouro; Braçadeira; Cadeira Odontológica; Cadeiras avulsas; Compressor; Armário Vertical; Prateleiras; Geladeiras; Mesa de Escritório; Macas; Biombos; Suporte de soro; Mesa; Lixeira; OURICURI ATUALCarrinho de curativo; Balança Adulto e Infantil e outros.

“Gostaríamos de agradecer ao Prefeito Ricardo Ramos, que não mede esforços para melhorar cada vez mais a saúde do nosso povo. Os projetos foram elaborados pela equipe da Secretaria de Saúde, de acordo com a demanda. É uma gratificação diária participar desse desenvolvimento da Saúde, no município. Trabalhamos a cada dia para melhorar”, declarou a Secretária de Saúde, Gardielle Andrade.

“Nós estamos iniciando um processo de reestruturação e queremos fazer muito mais para a população. Hoje, nós estamos entregando esses equipamentos que é de extrema importância para que a população possa ter um atendimento de qualidade. É preciso lembrar que nós estamos há OURICURI ATUALmenos de 2 anos à frente da administração e temos feito todos os esforços para melhor a saúde do nosso povo, o que é nossa prioridade. Nosso próximo passo é conseguir regularizar os medicamentos em todos os postos de saúde, e não vou descansar enquanto isso não acontecer, e queremos fazer muito mais”. Vamos concentrar os esforços para melhorar as nossas unidades. Dar condições para que o profissional possa trabalhar e também para que o paciente se sinta bem e acolhido quando vier em busca de atendimento. As unidades de saúde terão que ser como as nossas casas. Todo mundo se sente melhor quando chega em um lugar limpo, com estrutura e tudo funcionando direitinho”, destacou o prefeito Ricardo Ramos.

Fechar