IMG-20180815-WA0001

Uma eleição depende de uma série de variáveis para determinar um candidato como favorito, uma delas é a pesquisa, outra é o quesito rejeição, mas a política é fundamental para dizer se um projeto tem viabilidade ou não. No ano passado se iniciou um movimento do senador Fernando Bezerra Coelho em tomar o MDB de Jarbas Vasconcelos, se ele conseguisse pegar o maior partido do Brasil teria tempo de televisão de sobra para compor com a oposição e tornar-se candidato a governador de Pernambuco. Independentemente de qualquer ressalva a Fernando, é indiscutível a sua capacidade de trabalho e determinação para atingir seus objetivos, ciente disso, o Palácio incentivou Raul Henry e Jarbas Vasconcelos lutarem até às últimas consequências para evitarem que o partido fosse para Fernando, e atingiu seu objetivo que era tirar o senador da disputa.

Nas pesquisas anteriores se iniciou uma onda que apontava Marília Arraes como um nome que ameaçava a hegemonia do PSB e que perdurou até a semana que antecedeu as convenções. O Palácio iniciou uma operação que culminou na sua retirada do páreo, com méritos a serem colocados na conta da articulação política do PSB, que fez uma jogada com reverberação nacional que indubitavelmente foi de tirar o chapéu. Com a saída de Fernando e de Marília, o governador garantiu PT e MDB na sua coligação, ficando com o maior tempo de guia eleitoral e de inserções no rádio e na TV.

Mas o principal resultado foi obrigar a oposição a repetir o seu candidato que foi derrotado quatro anos antes. Armando Monteiro apesar de ter suas credenciais e ser um quadro de respeito na política e fora dela, tem suas forças e fraquezas conhecidas pelo PSB, pois o partido já lhe enfrentou e derrotou nas urnas. Enfrentar Armando Monteiro era o principal objetivo do Palácio, que tinha evidências que seria o melhor adversário por já ter sido derrotado.

Como se não bastasse, Paulo Câmara dividiu a eleição entre o palanque de Lula e o palanque de Temer, pois Armando Monteiro passou a ter em sua chapa dois ex-ministros de Temer, o que naturalmente lhe deu as condições políticas de disputa. Se Paulo Câmara estava sendo visto como inviável eleitoralmente por causa do desgaste da sua gestão, as suas chances voltaram a existir pelos sucessivos acertos na política na reta final das convenções. A disputa pelo Palácio do Campo das Princesas começa oficialmente amanhã, mas independentemente de pesquisas eleitorais, Paulo Câmara inicia em vantagem porque acertou consideravelmente na política e avançou algumas casas na disputa de 2018.

 

Blog do Edmar lyra

IMG-20180814-WA0198IMG-20180814-WA0199IMG-20180814-WA0190

O deputado federal Bruno Araújo (PSDB) está com sua vaga garantida entre os dois senadores de Pernambuco a tomarem posse no próximo ano. Ele conta com um excelente apoio entre os diversos setores do eleitorado por representar um político jovem, sem denúncias de prática de improbidade (o que está sendo levado em consideração por expressiva parte dos eleitores) e com trânsito nos setores de centro-direita e centro-esquerda.
​O primeiro levantamento feito pela equipe do Blog Revista TOTAL indica que Bruno Araújo é considerado como um candidato merecedor do voto e tem o apoio de importantes lideranças políticas, empresariais e comunitárias. Prefeitos e vice, além dos presidentes das Câmaras de Vereadores das principais cidade do Estado já definiram seu voto no candidato tucano.
​Observamos que, mesmo fazendo parte da chapa comandada por Armando Monteiro (PTB), ele deverá receber muitos votos juntos com os dois candidatos da Frente Popular, tanto Humberto Costa (PT) quanto Jarbas Vasconcelos (MDB), o que vai alavancar a sua votação.
​No próximo dia 20, a Revista TOTAL vai anunciar a previsão sobre o vencedor da disputa para o Governo do Estado. O anúncio vem sendo aguardado com expectativa pelos políticos e analistas, uma vez que as previsões da Total têm alcançado nos últimos dez anos, um acerto em torno de 97 por cento.

IMG-20180814-WA0197

IMG-20180814-WA0188

O publicitário e escritor José Nivaldo Junior vai comandar a campanha ao Governo do Estado da coligação “Pernambuco que você quer”, liderada pelo advogado e ex-deputado federal Maurício Rands (PROS).
​José Nivaldo é considerado como um dos mais competentes profissionais da área do Marketing Político, já tendo realizado vitoriosas campanhas em Pernambuco, como a Carlos Wilson para o Senado Federal e João Paulo para prefeito do Recife, e no Brasil, como a de Cristovam Buarque para governador do Distrito Federal e Marta Suplicy para Prefeitura de São Paulo.
Ele estava sendo cotado, juntamente com Edson Barbosa, da Link Propaganda, para comandar a campanha para o Governo do Estado da vereadora Marília Arraes (PT).
​Maurício Rands concorre ao Governo, que tem como vice a ex-vereadora Isabella de Roldão e Sílvio Costa (Avante) e Lídia Brunes (PROS), candidatos ao Senado Federal.
​A chapa é considerada pelos analistas como a “terceira via” e deverá contar com o apoio da Marília Arraes, que é candidata a uma vaga na Câmara Federal.

Rands é candidato a governador pela chapa ‘Pernambuco Que Você Quer’, que tem como vice Isabella de Roldão, e os candidatos ao Senado Sílvio Costa (AVANTE), e Lídia Brunes (PROS).
​José Nivaldo nem o advogado Maurício Rands confirmaram a decisão, mas o Blog Revista TOTAL garante que está tudo definido entre as duas partes.

IMG-20180814-WA0152IMG-20180814-WA0153

Os casos de roubos continuam a cair em todo o Estado, completando uma sequência de 11 meses com números inferiores em relação ao ano anterior. No mês de julho, a segurança pública registrou um total de 7.742 casos de Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVPs) em Pernambuco, o que representa uma redução de 28,36% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram notificadas 10.807 ocorrências do tipo, ou seja, 3.065 assaltos deixaram de acontecer. Além de ser o período com o menor registro de CVP em 2018, o mês passado só perdeu, em números absolutos, para dezembro de 2015, quando se registraram 7.469 ocorrências.

Com essa redução, os dados acumulados de CVP entre os meses de janeiro a julho de 2018 também apresentam redução quando comparados ao mesmo período de 2017. No total, são 57.864 ocorrências registradas neste ano, contra 74.642 casos entre janeiro e julho do ano passado, o que representa retração de 22,48% no número de registros. Ao todo, computaram-se 16.778 casos a menos de roubos em 2018, queda que foi verificada em todas as regiões do Estado, principalmente no Recife e Região Metropolitana ? ambos com 24% de queda no número de CVPs entre janeiro e julho. No Recife, computaram-se 19.627 ocorrências nos primeiros sete meses deste ano, contra 25.781 no ano passado (-24%). Em julho de 2018, a queda na capital foi de 31% (2.624 ocorrências no mês passado, contra 3.806 no ano anterior).

O secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua, disse que no Recife vem se registrando uma redução acentuada em diversas áreas. “A Área Integrada de Segurança 2 (composta de 21 bairros, entre eles Graças, Aflitos, Espinheiro, Rosarinho, Derby, Campo Grande, Torre e Madalena) apresentou o menor número de assaltos em 43 meses. As 422 ocorrências do mês nessas localidades só ficaram acima das verificadas em dezembro de 2014. A AIS 4 (24 bairros, entre eles Ilha do Retiro, Afogados, Canxangá, CDU, Várzea, Bongi, Enganho do Meio) registrou o menor quantitativo de CVPs em uma série de 41 meses, perdendo apenas para fevereiro de 2015. Isso é resultado de planejamento focado na prevenção, aumento de policiamento e inteligência. Como exemplo, citamos a operação Agamenon Magalhães, que traz uma redução de 50,5% nos assaltos no entorno da maior artéria da capital na comparação dos primeiros sete meses de 2018 com 2017. Não comemoramos, porque buscamos avançar mais na prevenção da violência”.
EGIÕES – Nos sete primeiros meses de 2018, a queda no número de roubos nos municípios do Agreste chegou a 21%: 10.503 casos, neste ano, contra 13.365, no mesmo período de 2017. A AIS 14, composta por 15 municípios da região e com sede em Caruaru, teve o julho com menos CVPs em uma série 37 meses. Foram 631 roubos nessa área, acima apenas de junho de 2015.

Já na Zona da Mata, cuja redução foi de 20%, a soma de ocorrências entre janeiro e julho de 2018 chegou a 7.301, contra 9.103 no mesmo período do ano passado. Por fim, o Sertão somou 3.400 CVPs este ano, contra 3.948 em 2017, o que representa uma queda de 14%. A AIS -26 (Petrolina, Afrânio e Dormentes) registrou 184 roubos em julho, o menor patamar em 28 meses (ficou acima apenas de março de 2016). Com retração de 24%, a RMR registrou 17.033 crimes patrimoniais nos sete primeiros meses do ano, contra 22.445 no mesmo período de 2017.

Comparando apenas julho de cada ano, a redução foi ainda maior, liderada pelos municípios do Agreste (-35%). Ao todo, as polícias receberam 1.312 queixas de roubos no mês passado, contra 2.034 registradas em julho de 2017. Já na RMR (exceto capital), a queda alcançou 28% (2.318 em 2018 e 3.232 em 2017), enquanto os dados do Sertão decresceram 22% (de 559 para 438). Na Zona da Mata, que teve um total de 1.050 casos registrados neste ano, contra 1.176 notificados no ano passado, a queda foi de 11%.

PRISÕES E APREENSÕES ? Ao mesmo tempo em que os números dos mais diversos tipos de crimes caem em todo o Estado, o trabalho reforçado das policias Civil, Militar e Científica vem resultando em mais prisões e apreensões. Só no mês de julho, 2.885 pessoas acabaram presas em flagrante delito. Em todo ano, já são 18.602 prisões em flagrante. Além disso, no mês passado, as forças de segurança pública do estado apreenderam 501 armas, alavancando para 3.698 o número total de apreensões este ano. Em todo o ano de 2018, as polícias atuaram em 3.137 ocorrências de tráfico de drogas, sendo que julho foi o mês de maior produtividade, com 514 operações ? superando junho (481).

MENOS ASSALTOS A ÔNIBUS ? Os casos de assalto em transporte coletivo mantiveram a tendência de queda em 2018. Em julho, as polícias totalizaram 89 registros, o que representa diminuição de 34% em relação ao mês correspondente em 2017 (julho do ano passado teve 135 investidas a coletivos). No acumulado do ano, a redução já chega a 46%: entre os meses de janeiro a julho de 2018, houve 528 roubos a ônibus, enquanto em 2017, no mesmo período, foram 979. Uma das estratégias exitosas no combate a essa modalidade de CVP é a Força-Tarefa Coletivos, cujas ações coordenadas já resultaram na prisão de 161 assaltantes de ônibus este ano, sendo 22 somente no mês passado.

AUMENTO DE CELULARES RECUPERADOS ? Ao contribuir para a redução dos roubos de celulares em Pernambuco, o programa Alerta Celular tem alavancado, igualmente, a recuperação de celulares roubados ou furtados no Estado. Entre janeiro e julho de 2018, as polícias apreenderam 3.575 aparelhos, 501% a mais do que no mesmo período de 2017. Só em julho deste ano, foi possível reaver 485 telefones. Quanto às estatísticas de roubo de celular, esse tipo de crime manteve a sequência de declínio em julho de 2018, somando 3.104 ocorrências, -31,9% na comparação com julho de 2017 (4.558 registrados).

No acumulado do ano, a queda de roubos de celulares já chega a 26,6%. O total de aparelhos subtraídos de seus donos entre janeiro e julho deste ano foi de 22.209, isto é, 8.065 roubos a menos que no mesmo período de 2017, quando houve 30.274 ocorrências.

ROUBO DE VEÍCULOS E CARGAS ? Assim como os demais Crimes Violentos contra o Patrimônio, os roubos de veículos e cargas permaneceram em retração no mês de julho. O quantitativo de queixas por roubo de veículos, por exemplo, teve uma redução de 21% em relação a julho do ano passado, que teve 1.651 casos. No último mês, foram 1.301. Já no período de janeiro a julho de 2018, houve 9.742 roubos, contra 12.137 em 2017, ou seja, uma redução de 19%.

No que diz respeito às cargas roubadas, a frequência de roubos diminuiu 18% nos primeiros sete meses deste ano (433 para 357). Especificamente em julho, a baixa foi de 25% (63 para 47).

CRIMES CONTRA BANCOS ? As investidas consumadas contra agências bancárias, carros-fortes e caixas eletrônicos somaram, no período de janeiro a julho de 2018, 46 ocorrências, 25% a menos em relação ao mesmo período do ano passado, quando se registrou 61 casos. ?Em 2018, a Força Tarefa Bancos prendeu 27 assaltantes de bancos em Pernambuco e há diversas investigações em curso para a desarticulação de outras quadrilhas especializadas nessa modalidade de crime. Destacamos, em julho, a operação que resultou na prisão de um suspeito de assaltar agências bancárias em São Bento do Una e morte de outros dois em confronto com nossas forças de segurança?, disse o secretário.

 

 

IMG-20180814-WA0105

Morre, aos 84 anos, o ator José Pimentel, conhecido por interpretar Jesus na Paixão de Cristo do Recife. Ele passou o aniversário de 84 anos, no último dia 11, internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Esperança, no bairro da Ilha do Leite, área central do Recife. Boa parte dessas mais de oito décadas de vida foi dedicada às artes cênicas.

O ator foi internado na semana passada, após chegar de Serra Talhada, no Sertão, onde dirigia o espetáculo “O Massacre de Angico – A Morte de Lampião”. A princípio, foi detectada uma obstrução no fígado, mas o caso se agravou devido a uma série de problemas de saúde. Notícia do falecimento foi anunciada nas redes sociais pela filha do ator, Lilian Pimentel, às 9h32. “Gente, meu painho, o amor da minha vida, acaba de nos deixar. Painho Faleceu. Ele agora está com Deus. Eu queria dar essa notícia a vocês, que sempre estiveram com a gente”, compartilhou, em sua página no Facebook.
Nascido em Garanhuns, desde a década de 1950, encenou, dirigiu e escreveu diferentes espetáculos teatrais. Mas seu trabalho mais reconhecido, que o transformou em figura folclórica do imaginário popular pernambucano, foi mesmo como Jesus Cristo, papel que interpretou durante 39 anos.

Em 1956, Pimentel foi levado por um amigo – Octávio Catanho – a participar dos espetáculos da Paixão de Cristo, em Fazenda Nova, Brejo da Madre de Deus. Começou em pequenos papéis e acabou promovido a diretor da montagem em 1969. Com a saída do ator Carlos Reis, em 1978, interpretou o papel do filho de Deus pela primeira vez.

Desentendimentos com os produtores de Nova Jerusalém fizerem Pimentel deixar o espetáculo em 1996, mas não o papel. No ano seguinte, estreou a Paixão de Cristo do Recife, que começou no Estádio do Arruda, sendo transferido para o Marco Zero em 2001.

A última vez que o público viu Pimentel em seu personagem mais icônico foi em 2017. Na ocasião, ele resolveu subir ao palco mesmo após passar por uma cirurgia de hérnia inguinal e chegar a ficar na UTI. A saúde debilitada, no entanto, o fez “dar o braço a torcer” e passar o papel para um ator mais jovem.

A temporada 2018 da Paixão de Cristo do Recife chegou a ser cancelada, por falta de recursos. A produção voltou atrás e, pela primeira vez, a peça foi apresentada sem seu idealizador em cena.

O espetáculo de Páscoa, no entanto, não é a única obra de destaque no currículo de Pimentel. Junto ao Teatro Adolescente do Recife (TAR), em 1956, ele integrou o elenco da primeira montagem de “O auto da compadecida”, de Ariano Suassuna, que obteve reconhecimento nacional.

Como diretor e dramaturgo, produziu muitas peças sobre personagens e acontecimentos históricos, como “A batalha dos Guararapes”, “O calvário de Frei Caneca” e “O massacre de Angico – A morte de Lampião”, seu último trabalho realizado.

A televisão também esteve na trajetória deste pernambucano. Ele esteve no elenco de “A moça do sobrado grande”, telenovela de sucesso produzida pela TV Jornal, em 1967, e que chegou a ser exibida em São Paulo. Na década de 1970, em plena ditadura militar, na mesma emissora. No início deste ano, a história de Pimentel foi contada na biografia “José Pimentel – Para além das paixões”, publicada pela Cepe Editora e escrita pelo jornalista pernambucano Cleodon Coelho.

 

Folha de Pernambuco

IMG-20180814-WA0103

O prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque (PT) anunciou durante participação num programa de rádio nesta segunda feira (13), que fará um evento político no município para lançar oficialmente a candidatura de Marília Arraes (PT) à deputada federal.
O evento acontecerá dia 25 de agosto, o local ainda não foi divulgado e o prefeito revelou que coordenará a campanha da candidata petista na região.
“A Campanha que eu vou coordenar aqui é a de Marília Arraes a deputada federal. Vamos fazer um evento para lançar sua candidatura oficial em Serra Talhada dia 25”.
A caminhada de Marília Arraes, que lutou para ser candidata à governadora pelo Partido dos Trabalhadores, começou em Serra Talhada e com o prefeito Luciano Duque (PTB), que lançará agora Marília como sua candidata a federal.

 

Gazeta do Araripe

IMG-20180814-WA0102

Em uma nota divulgada em sua rede social, o Deputado Estadual Júlio Cavalcanti (PTB) confirmou que não irá disputar as eleições deste ano quando iria em busca de um terceiro mandato.

Na nota, o parlamentar trabalhista agradece o apoio do irmão e deputado federal Zeca Cavalcanti (PTB) e de sua esposa e presidente do PTB, Nerianny Cavalcanti, além de lideranças, familiares e ao senador Armando Monteiro, reafirmando a determinação de trabalhar para sua eleição a governador.
Eleito pela primeira vez em 2010 com o apoio do irmão, então prefeito de Arcoverde, Júlio Cavalcanti se reelegeu em 2014 com mais de 47 mil votos. Na nota ele diz que não será candidato por questões de foro pessoal e familiar, mas reafirma que continuará presente em Arcoverde e região. Veja abaixo a nota na íntegra.

NOTA DE ESCLARECIMENTO E AGRADECIMENTOS

Meus amigos e minhas amigas,
Desde 2011, quando assumi o meu primeiro mandato como deputado estadual, desenvolvi um trabalho constante na Assembleia Legislativa de Pernambuco em defesa dos municípios do nosso Estado. Chegando ao último ano do meu 2º mandato, tenho a consciência tranquila de que dediquei cada dia, do meu trabalho e da minha luta, em defesa do desenvolvimento das cidades e de cada pessoa que sempre me confiou o seu voto e o seu apoio.

Vim de Arcoverde, minha terra natal, a qual tenho a enorme gratidão de ter me confiado, ainda em 2010, a honra de representar esta cidade e toda a região na Assembleia Legislativa. Municípios como Buíque, Pedra, Itaíba, Tupanatinga, Sanharó, Sertânia, Custódia, Ibimirim e Venturosa, além de cidades no Pajeú, como Afogados da Ingazeira e Carnaíba, entre tantas outras, uniram vozes e apoios nesta caminhada vitoriosa.

Consegui, ao longo destes sete anos e meio de mandato, conquistas que vão ficar na história da nossa querida Arcoverde: a escola técnica Professor Jonas Feitosa, a UPA de Especialidades, o Campus da UPE, a volta do Corpo de Bombeiros, a estrada do CEDEC, além de mais de R$ 2,7 milhões de emendas parlamentares destinadas para ações na saúde, como o ônibus do TFD, infraestrutura e na melhoria da qualidade de vida do povo de Arcoverde.
Nunca, em tão pouco tempo, um deputado estadual fez tanto por sua terra e por sua gente como fiz ao longo destes dois mandatos. Trabalho este que se estendeu pelos diversos municípios aonde sempre estive atuando, levando ações, obras e conquistas.

Cumpri a minha jornada como parlamentar, como deputado estadual filho de Arcoverde, e neste dia 31 de dezembro, quando se encerra o período legislativo para o qual fui eleito em 2014, estarei deixando a Assembleia Legislativa em definitivo.

Não sou candidato a reeleição no pleito que se aproxima. É uma decisão que tomei de forma tranquila, serena, ouvindo os amigos, familiares, e que tem como razão o desejo de cuidar de questões da minha vida pessoal e familiar. Tenho hoje consolidada a minha posição e o meu trabalho em mais de 45 cidades pernambucanas – as quais agradeço a enorme confiança – as quais já teriam me dado garantias de marchar mais uma vez juntos neste pleito de 2018. Seria uma honra, mas o destino me reserva outro caminho. Meus agradecimentos!

Aos arcoverdenses, quero deixar uma palavra amiga, um agradecimento especial ao povo que me confiou, por duas vezes, o seu voto, a sua força, as suas esperanças.

Quero agradecer ao deputado federal e meu irmão, Zeca Cavalcanti, e a sua esposa e presidente do PTB, Nerianny Cavalcanti, que acreditaram no meu potencial e para o qual vou dedicar agora os esforços, para que esteja mais uma vez representando a nossa terra na Câmara Federal.

Agradeço também ao senador Armando Monteiro Neto, com o qual estarei junto nesta caminhada para mudar Pernambuco, pela sua atenção. Aos amigos prefeitos, às amigas prefeitas, vereadores, lideranças – que não vou citar para não cometer injustiças – um grande abraço de agradecimento pela confiança em mim e no meu trabalho ao longo dessa caminhada. Agradeço, ainda, aos colegas de parlamento, com quem aprendi muito, seja no plenário, seja na Mesa Diretora. Meu muito obrigado!

Estou deixando um espaço de lutas, mas cumprirei até o último dia o meu mandato confiado pelos pernambucanos. Não vou me ausentar, estarei sempre junto ao povo de Arcoverde e de toda região para que possamos ver um novo Pernambuco nascer, para que possamos verdadeiramente mudar Pernambuco e ver a nossa terra caminhar rumo ao desenvolvimento e também a um novo tempo. Estarei contribuindo para essa transformação, em outros campos de lutas.

Encerro, agradecendo o apoio da minha mãe e das minhas irmãs, os meus familiares, que sempre estiveram ao meu lado nesta jornada; a eles os meus agradecimentos sinceros. A minha esposa e filhos, aos quais quero dedicar ainda mais minha atenção, os agradecimentos do fundo do meu coração. Que Deus nos ilumine, sempre, guiando os nossos caminhos e renovando as nossas esperanças.

Arcoverde, 13 de agosto de 2018.
Júlio Cavalcanti
Deputado Estadual – PTB

 

Blog Edmar Lyra

IMG-20180814-WA0052

 

O prefeito Ricardo Ramos, inaugurou nesta sexta-feira, (10), a adutora do sítio Pocinho, região do povoado do Jatobá, que disponibiliza um sistema de abastecimento de água do rio São Francisco sem intermitência, beneficiando cerca de 52 famílias.

A obra faz parte do calendário de inaugurações do Governo Municipal com o programa “Obra da Semana”. O presidente da Associação dos Agricultores do referido sítio, esteve participando do cerimonial de inauguração, e em nome de todos que fazem parte da diretoria, agradeceu ao prefeito Ricardo Ramos pela obra e enalteceu em suas palavras o desempenho do prefeito no comando dos destinos de Ouricuri em apenas um ano e oito meses de mandato.

A presidente da câmara de vereadores Adelucia Cléa, esteve presente com o vereador Ivaldo Jota, e expressou em sua fala que a cada dia tem mais certeza que este é o Governo que mais atende aos anseios da população. O município vive um ritmo acelerado de obras, eu já perdi as contas de quantas adutoras, ruas pavimentadas, novas praças, e escolas reformadas vi serem entregues por Ricardo Ramos, hoje foi a vez do sítio Pocinho receber essa grande obra. E cada água que chega às casas dos cidadãos representa uma nova perspectiva, porque água é vida”, comentou a presidente do Legislativo Municipal de Ouricuri.

Durante o pronunciamento, o prefeito Ricardo Ramos, agradeceu ao apoio recebido pelo Governador Paulo Câmara e pelo Deputado Federal Tadeu Alencar na implantação desse grande programa de adutoras, e outras obras em várias áreas do município de Ouricuri. Fico muito feliz porque vejo que hoje Ouricuri está passando por um grande momento. Só nesta gestão, já implantamos mais de 100 km de adutoras, levando abastecimento de água para a população. A adutora aqui do sítio Pocinho é uma obra grande, ela não é só de captação de água, mas de implantação de rede de abastecimento que contempla de inicio 52 famílias, em um momento que a seca é grande, mas estamos dando qualidade de vida ao nosso povo que não vão mais precisar de estar mendigando por uma carrada de água através de carro pipa, e também de uma importância fundamental, é que estamos levando água do Rio São Francisco para mais uma comunidade do nosso município. Então, agora vocês do sítio Pocinhos e sítios vizinhos têm água para beber e para trazer desenvolvimento também”, pontuou o prefeito.

IMG-20180814-WA0050

IMG-20180814-WA0026

A Prefeitura de Ouricuri continua trabalhando de forma intensa na manutenção e recuperação das estradas rurais. As comunidades estão sendo contempladas praticamente nos quatro cantos do município, que recebe os serviços de terraplanagem em trechos importante das vias, e recuperando estradas que a muito tempo os agricultores necessitavam, com o propósito de oferecer condições para que os produtores, moradores e alunos, que utilizam as estradas do interior, tenham segurança e conforto para o tráfego.

As estradas vicinais no município de Ouricuri possuem extrema importância econômica, além de social e ambiental, bem como garantem o acesso da população rural a serviços básicos como educação, saúde e lazer.

A Prefeitura de Ouricuri, procura sempre manter um olhar especial ao setor rural do município melhorando as condições de trafegabilidade, para os moradores dessas comunidades, destacou o Diretor de Transportes, Júnior.

IMG-20180814-WA0027

IMG-20180814-WA0023

Uma Solene Celebração Eucarística nesta quarta-feira(15) marcará a passagem de aniversário da construção da estátua do Frei Damião, localizada no alto do Cruzeiro em São Joaquim do Monte, Agreste pernambucano.

Com cerca de dez metros de altura, a imagem do frade capuchinho tem assinatura do artista plástico José Caxiado cuja execução e finalização durou quatro meses. Padre Isael Torres, pároco da cidade, rezará uma missa na capela de São Sebastião localizada no Cruzeiro do Frei Damião, às 19:00hs. “Além de comemorar, será também um momento de preparação para a 25ª edição da Romaria do Frei Damião que inicia no próximo dia 30”, explica o pároco.

A estátua, que pode ser avistada ao longe, é ponto alto da peregrinação dos romeiros devotos do frade que fazem pedidos e agradecimentos aos pés da imagem.

IMG-20180814-WA0024

Fechar