O Instituto Datafolha divulgou um levantamento sobre a aprovação do governo Jair Bolsonaro e confirmou o que o meio político já havia detectado, que foi o crescimento do presidente da República em todas as classes sociais.

Bolsonaro saltou de 32% para 37% de aprovação e viu sua rejeição cair dez pontos, de 44% para 34%, os números são os melhores desde que assumiu o mandato em janeiro de 2019. O crescimento de Bolsonaro acontece num momento de pandemia da Covid-19 e de grande perseguição midiática apontando as dificuldades do seu governo diariamente em rede nacional. A justificativa é muito simples: é a economia. A população passou a contar com o auxílio emergencial e com isso seguiu girando o comércio. Apesar de o país amargar uma queda abrupta no seu PIB por conta da pandemia, a população viu o governo injetar dinheiro diretamente na veia da economia, o que justifica o crescimento do presidente em todos os estratos sociais, sobretudo entre os mais pobres e no eleitorado do Nordeste, que em outrora foram refratários ao presidente e simpáticos ao PT.

Talvez possamos afirmar que o pior do governo Bolsonaro já passou, e que agora com a iminente criação do Renda Brasil, o presidente manterá uma forte base eleitoral que lhe impulsionará até 2022. Antes disso, permitirá que o presidente tenha papel importante nas eleições municipais, e que seus adversários pensem duas vezes em hostilizá-lo durante a campanha eleitoral. Bolsonaro girou a chave e quem menosprezar o crescimento do seu governo poderá sofrer reveses significativos nos próximos meses.

Fonte Edmar Lyra

Em uma live de bastante sucesso na última terça-feira o Prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (MDB) disse que o projeto político do PSB está saturado tanto no estado quanto no Recife. Miguel disse que respeita a decisão do MDB de apoiar o deputado federal João Campos na corrida pela prefeitura do Recife, mas discorda. “Eu defendi junto com o senador Fernando que ele o MDB fosse protagonista no Recife” disse. Miguel Coelho defende a unidade das oposições no Recife.

O Prefeito também fez questão de ressaltar o apoio ao Prefeito Anderson Ferreira (PL) na cidade de Jaboatão dos Guararapes e Raquel Lyra na cidade de Caruaru. Miguel Coelho é um dos nomes lembrados para disputar o governo de Pernambuco em 2022. O Prefeito fez uma grande prestação de contas de seus 3 anos e sete meses de mandato no governo de Petrolina nas áreas de saúde, educação, segurança e social. “Petrolina hoje vive um novo momento e eu tenho a alegria de ter contribuído com o desenvolvimento de nossa cidade. Petrolina desde 2017 é a segunda cidade que mais gera emprego em Pernambuco e nós somos a primeira do interior” pontuou. Miguel disse que a grande quantidade de investimentos e conquistas para a cidade de Petrolina se deve ao fato de uma força política grande e de muito trabalho e conversas junto aos governos em busca de recursos para a cidade. Miguel Coelho disse que Bolsonaro ajudou muito o estado de Pernambuco e os municípios durante a pandemia do covid-19.

“Veio muito dinheiro seja através de auxílios emergenciais ou até mesmo de socorro ao municípios. Foram mais de 2 bilhões de reais, ninguém pode reclamar disso. Muitas cidade poderiam estar se beneficiando se deixasse de tanto mi mi mi demagogia”disse o prefeito.

Fonte blog do Silvinho

Por Marcos Lima Mochila

.

Em Vitória de Santo Antão o prefeito Aglailson Junior cada vez mais se posiciona como um autêntico gestor.

Mesmo em meio ao enfrentamento à pandemia, que tem consumido a maior parte do seu tempo, com providências sérias e eficazes para preservar a saúde e, sobretudo, a vida das cidadãs e cidadãos vitorienses, o prefeito Aglailson Junior não se descuida da outras áreas que são necessárias para a continuidade da injeção de desenvolvimento ao município.

Uma prova disso é o grande volume de obras que estão sendo implementadas em Vitória de Santo Antão, como as que foram concluídas recentemente no Jardim Ipiranga e as que estão sendo iniciadas para levar o asfalto ao Maués, fazendo a ligação do Lídia Queiroz ao Mário Bezerra, como também ligando o Amparo e Balança ao Lídia Queiroz.

Assim, com a visibilidade focada no macro das necessidades da cidade, Aglaílson consegue envolver todas as secretarias numa só missão: defender a população e não permitir que o crescimento da cidade sofra solução de continuidade.

O ex-ministro e pré-candidato a prefeito, Mendonça Filho, reuniu-se em Brasília com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, e o diretor geral do DNIT, general Santos Filho e diretores, para tratar sobre mobilidade no Recife. Mendonça defendeu grandes intervenções viárias para melhorar o trânsito: a triplicação da entrada do Recife, com a construção de uma terceira faixa no acesso do curado até a Avenida Abdias de Carvalho, e obras na BR-101, como a construção de viadutos, para resolver o trânsito caótico de bairros populosos como Jordão e Ibura (URs). “Para melhorar a mobilidade e as condições de tráfego no Recife é preciso planejamento, projeto, liderança e decisão política”, afirmou.

Mendonça disse que é gritante o descaso das gestões do PSB/PT com o trânsito e a mobilidade no Recife. “Expõe a falta de cuidado com a cidade, com as pessoas e, fundamentalmente, de liderança do prefeito Geraldo Júlio. Como também da ausência de ação do Governo do Estado para apresentar projetos e buscar recursos federais para mudar a qualidade de vida dos recifenses”, criticou. Questionando em seguida: quem no Recife já não teve que passar horas no trânsito da Abdias até o Quartel do Bombeiro no Curado? Segundo Mendonça, a solução para esse problema é requalificar as saídas do Recife, com abertura de novas faixas. O pré-candidato lembrou que o ministro Tarcísio Freitas já morou em Pernambuco, conhece nossa cidade e recebeu com entusiasmo as propostas, abrindo a possibilidade de incluí-las no planejamento do Ministério de Infraestrutura.

“Temos quase dois anos de governo do presidente Bolsonaro e é inadmissível que as gestões do PSB, por mesquinharia política, não tenham apresentado projetos e buscado recursos para a mobilidade e para o transporte público no Recife e na Região Metropolitana”, criticou. Na reunião com o ministro Tarcísio Freitas, Mendonça defendeu, ainda, que o DNIT faça projetos de obras de passagem de nível e viadutos na BR 101, para melhorar as condições de vida da população que se desloca com muita dificuldade por avenidas como a Dois Rios, que dá acesso ao Jordão, Ibura (URs). “Essa é uma região populosa e que demanda, há muito tempo, atenção e ações concretas de intervenção viária. A cada dia que passa a situação piora. O prefeito Geraldo Júlio não pode fazer de conta que esse problema não é com ele”, criticou.

Outro assunto tratado na reunião com o ministro da infraestrutura e a equipe do DNIT, foi o projeto de um mini arco metropolitano, em substituição ao arco metropolitano, prometido pelo Governo Paulo Câmara (PSB) e que não saiu do papel. A proposta visa integrar várias rodovias federais que passam ou se iniciam no Recife, como a BR 101, a BR 408 e a BR 232. “Esse é um projeto metropolitano muito importante para a mobilidade e o deslocamento das pessoas no Recife. Para acontecer precisa de liderança, articulação e decisão política para trabalhar pela nossa cidade”, afirmou.

Fonte Edmar Lyra

Rafaela Felicciano/Metrópoles

O presidente Jair Bolsonaro tem a melhor avaliação desde que começou o mandato, com um crescimento da aprovação e uma queda na rejeição, mostra pesquisa Datafolha divulgada na noite desta quinta-feira. O índice dos que consideram seu governo ótimo ou bom subiu de 32%, no levantamento de junho , para 37%, número de agosto. Já os que avaliam a gestão como ruim ou péssima caíram de 44% para 34% no mesmo período. O presidente faz um administração regular para 27% (eram 23% em junho).

De O Globo

Na foto, a descontração do Angelo Manassés, Jota Soares e o “Matuto” Ademir Gomes

Recém inaugurada, a Rádio Nova Canaã iniciou suas operações no último mês de junho. Com programação voltada para o público cristão, ela está presente nas frequências 91.3 FM (Grande Recife), 106.3 FM (Goiana e Região) e 107.5 FM (Limoeiro e Região), mesclando uma programação com horários religiosos, louvores, devocionais e notícias de forma leve e agradável. Além da abrangência geográfica, alcançando várias cidades em Pernambuco, a Nova Canaã montou um time de comunicadores já conhecidos no meio.

O empreendimento tem a direção do ex-deputado pastor Gilvan Costa, idealizador da primeira cruzada “Cristo é a Resposta”, estratégia de evangelismo que percorreu várias cidades com uma carreta de som levando uma caravana de cantores e pregadores.

A gerência comercial da Nova Cannã fica por conta da experiente Leninha Dias, que tem no currículo o feito de ter colocado a Maranata no circuito comercial, ou seja, rádio conhecida entre as agências e líder por anos no segmento gospel.

Na equipe estão o jornalista Angelo Manassés (com passagens pela Maranata e Novas de Paz), Jota Soares (que atuou na Rede Brasil), Ademir Gomes (vindo da Maranata e conhecido como o Matuto de Jesus, uma espécie de “Mução” evangélico), Nadege Melo (ex-Novas de Paz e Mais Vida), Jackeline Santos (também com passagens pela Novas de Paz e Maranata) e Lucas Silva (ex-Novas de Paz).

Operando com as três frequências, a Rede transmite, simultaneamente, 24h de programação. “O projeto é grande, a estrutura moderna, com novos estúdios, equipamentos de primeira linha e digna condição de trabalho. A Nova Canaã não deixa nada a desejar, no quesito técnico e profissional, se comparada com tradicionais rádios da região. Aqui trabalhamos com excelência, paz e alegria. Irmãos unidos com o mesmo propósito: abençoar vidas através do rádio”, afirma o âncora do noticiário Café com Notícias, Angelo Manassés.

Com os investimentos em estrutura, equipe e a amplitude da transmissão, há uma grande expectativa no rápido crescimento da audiência. As primeiras sondagens já demostram essa tendência. No horizonte de crescimento da Rede estão também a possibilidade de chegar em Caruaru no Agreste e Petrolina no Sertão, municípios em que o pastor Gilvan Costa já comanda outras concessões radiofônicas.

“A Nova Canaã não chegou para competir com ninguém. Ela nasceu com o objetivo de ser diferente, proporcionando uma opção de qualidade, com conteúdo criativo, vibrante e, principalmente, coerente com a fé que propaga. O universo cristão em Pernambuco é muito próspero e os fiéis ouvintes são criteriosos. Continuo crendo que sempre vai ter espaço para quem sabe fazer diferente”, detalha Manassés.

Além das atuais frequências no rádio, também é possível acompanhar a programação da Rede Nova Canaã de forma online via aplicativo disponível gratuitamente na plataforma (Playstore) ou ainda no site: www.redenovacanaa.com.br

O Prefeito de Serra Talhada Luciano Duque (PT) concedeu uma entrevista ao Blog do Silvinho onde fez uma grande prestação de contas de seu mandato. O prefeito disse que apesar da pandemia da covid-19, a cidade de Serra Talhada foi uma das que mais cresceu nos últimos anos, se tornando a segunda maior economia da região ficando atrás apenas de Petrolina. Luciano disse que o segredo para tantas transformações na cidade é a dedicação e o trabalho em equipe.

Luciano disse que na área da saúde fez uma grande transformação. “Durante oito anos de gestão do ex-prefeito, ele entregou uma UBS, nós após oito anos estamos entregando até o mês de dezembro vinte e oito UBS’s. Avançamos na educação, e também na Assistência Social” pontuou Luciano Duque. O Prefeito disse que durante seu mandato diversas empresas foram chegando a cidade como Assaí, Shopping entre outras. “Foi um grande trabalho de geração de emprego e renda”.

Foi na gestão de Luciano Duque que foram entregues mais ruas calçadas em Serra Talhada. De acordo com o prefeito ele espera chegar ao mês de dezembro com quase 300 ruas calçadas. “Foi um crescimento de mais de 100% que a antiga gestão que governou a cidade de Serra Talhada em um tempo bom quando era Lula e Eduardo que comandavam e a economia era de um crescimento de 11%” afirmou Luciano.

O Prefeito que indicou Márcia Conrado para a sua sucessão disse não ter dúvidas do sucesso eleitoral. “Quando a população conhecer a realidade e saber que Márcia representa tudo o que nós conquistamos não tenham dúvidas de que vamos ter uma votação histórica na cidade. Para citar um exemplo, nós apoiamos Armando Monteiro ele tinha 7% e fizemos ele ser eleito com 58% dos votos. Marília tinha 3% para deputada e ficou quase empatada com o candidato da terra. Isso mostra que o nosso grupo tem força e tem raça para vencermos” declarou Luciano.

Planos para 2022 – O Prefeito Luciano Duque ao ser questionado sobre seus planos políticos para 2022 disse que o futuro a “Deus pertence” mas que fica lisonjeado em ter seu nome sempre lembrado para disputar um mandato eletivo e representar o sertão.

Por Marcos Lima Mochila

.

Durante estadia em Natal (RN), o diretor-presidente do Grupo Total, Marcelo Mesquita, tem aproveitado para visitar muitos amigos que tem naquele Estado.

Uma dessas visitas foi ao coronel da Reserva do Exército Brasileiro, José Ori Dolvim Dantas – Coronel Dolvim -, pré-candidato a prefeito de Parnamirim, a chamada Cidade Branca do Nordeste, que fica a 12 km de distância da capital potiguar. Além de rever o amigo, Marcelo também fez questão de lhe entregar em mãos alguns exemplares da Edição 108 da Revista Total, que deverá em breve estar circulando também naquele Estado.

Com uma população estimada pelo IBGE, em 2019, de 261.469 habitantes, Parnamirim deverá ser submetida ao maior crescimento de seus 62 anos de fundação (a completar em 17 de dezembro deste ano), com a vitória do Coronel Dolvim nas próximas eleições municipais.

O coronel, um militar bem preparado, tendo realizado mais de 20 cursos no Brasil, nos Estados Unidos e na Europa, tem a simpatia do Presidente Jair Bolsonaro e do vice-presidente, General Mourão, nessa empreitada e, quando eleito, ele terá de ambos o apoio necessário para transformar Parnamirim, com uma onda de desenvolvimento em todos os seus segmentos: na Saúde, na Educação e em obras que a população há muito deseja ver incrementadas em sua cidade.

Além de ser considerado o gestor ieal para promover as mudanças necessárias a Parnamirim, por mais de 70% da população, o Coronel Dolvim, evangélico, tem a simpatia dos mai de 40 mil evangélicos da cidade.

Não resta, portanto, a menor dúvida de que ele será o próximo prefeito parnamirinense, atendendo ao desejo de mudança da maioria absoluta da população que está cansada da velha política e querem um novo tempo, administrado por um mentor da nova política, como é considerado o coronel.

Em entrevista à rede de televisão Record News na noite da última quarta-feira (12), o deputado federal Fernando Monteiro (PP-PE) conversou sobre temas em andamento no Congresso Nacional, incluindo a derrubada de vetos do presidente Jair Bolsonaro, entre eles, os que evolvem o novo Marco Legal do Saneamento, que devem ser votados na próxima semana. As discussões em torno das reformas administrativa e tributária também foram destacadas.

“É preciso que os debates amadureçam, com o Congresso e a Presidência da República juntos pelo mesmo objetivo. Um ano e meio é pouco tempo, mudanças ainda são possíveis. Vejo um clima de construção e de diálogo”, resumiu Fernando Monteiro. O deputado reafirmou que é necessário que exista humildade e capacidade de se escutar todos os lados envolvidos, “afinal, ninguém é dono absoluto da razão”. Ainda de acordo com o parlamentar, sua expectativa é de que avanços concretos sobre a reforma administrativa ocorram até fevereiro.

O deputado federal também disse defender que o Congresso conte com ao menos duas reformas paralelas em andamento, o que permitiria prazos maiores para o aprofundamento dos pontos de cada projeto. Como exemplo, citou as mais de 50 audiências realizadas para a construção do novo marco do saneamento que, segundo ele, “permitiram o conhecimento necessário para a construção de um projeto embasado”.

NOVO MARCO DO SANEAMENTO
Fernando Monteiro reiterou sua preocupação com o acesso à água e esgoto pelas cidades brasileiras e disse acreditar que os vetos ao projeto serão derrubados. “Só assim conseguiremos avanços significativos nos próximos 30 anos. Existem capitais do Nordeste que precisam de mais de R$ 2 bilhões numa obra de drenagem que será utilizada cinco vezes ao ano, por exemplo. Neste caso, serão necessários recursos da União, municipais ou estaduais. Precisamos ter esta visão de parceria entre o público e o privado”, afirmou.

Por Redação

.

Eudo Magalhães Júnior, 43 anos, natural de Palmares, empresário do ramo imobiliário, como corretor e construtor, vem sendo apontado como favorito nas próximas eleições para prefeito de Belém de Maria, o que foi constatado também nos estudos técnicos realizados pela equipe da Revista Total.

Eudo, que é formado em Gestão Pública e é palestrante internacional sobre Direito Imobiliário e Construção Civil, vem apresentando um novo ciclo de projetos de desenvolvimento que prevê implantar em Belém de Maria, com propostas inovadoras que visam, sobretudo, a melhoria da qualidade de vida da população.

Município distante a apenas 120 km da Capital, Belém de Maria tem sofrido, nos últimos 20 anos, com enchentes que assolaram a cidade e precisa urgentemente de projetos que qualifiquem a contenção do Rio Panelas, às margens do qual se localiza, para que possa se precaver contra futuros transbordamentos, como sofreu nos anos de 2000, 2010 e 20917, principalmente.

O atual prefeito, Rolph Eber Casale Jr está muito desgastado, principalmente pelo fato de que, segundo a população, quem controla tudo na cidade é o seu pai, sendo ele apenas uma figura decorativa.

Com uma população em torno de 12 mil habitantes, de acordo com estatística do IBGE em 2014, o município tem um IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) de 0,578, considerado baixo e seu PIB, de apenas R$ 54.617 mil, segundo o IBGE (2010), é o 5.373º do país (que possui 5.570 municípios) e o 178º do Estado (que conta com 184), o que mostra que a cidade precisa de um grande impulso de desenvolvimento e de qualidade de vida e é a isso que Eudo Jr. se prontifica.

Eudo Magalhães Júnior é casado com Bruna Magalhães e o casal tem duas filhas: Marina (de 25 anos) e Mirella (de 18 anos). Dono de uma enorme vontade de trabalhar para implementar as mudanças que a cidade necessita, o empresário, que é considerado um idealista, com grande experiência no segmento administrativo e dono de um DNA político do seu pai, Eudo Magalhães e de seu irmão, o deputado estadual de 4º mandato, Clodoaldo Magalhães, atual 1º secretário da Assembleia Legislativa de Pernambuco.

Atualmente, Eudo é o presidente municipal do Avante e contará em sua campanha com um deputado federal forte, Sebastião Oliveira, e 20 pré-candidatos a vereador no município, além de ter também a seu favor uma larga vantagem pelo desgaste do atual prefeito, com o povo demonstrando que quer mudança de verdade.

Fechar