O Copom reduziu a taxa Selic para 11,25% ao ano, considerando um cenário global desafiador e a desaceleração da economia doméstica. O Comitê destaca a importância das metas fiscais para a condução da política monetária e reforça a necessidade de cautela devido à incerteza internacional. A decisão de redução em 0,50 ponto percentual visa convergir a inflação para a meta ao longo de 2024 e 2025, buscando estabilidade de preços, suavização da atividade econômica e fomento do emprego. Os membros preveem reduções similares nas próximas reuniões, ajustando o ciclo de flexibilização conforme a dinâmica inflacionária.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar