IMG-20190725-WA0105
Os prefeitos de quatro municípios – Olinda, Abreu e Lima, Igarassu e Aliança – decretaram estado de emergência por conta da grave situação em decorrência das chuvas torrenciais caídas nos últimos seis dias e que provocaram a morte de doze pessoas. Equipes do Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco resgataram os corpos das vítimas fatais e conseguiram retirar uma com vida e que está em observação médica.
O coronel Lamartine Barbosa, secretário executivo de Defesa Social de Pernambuco, explicou que todos as solicitações serão examinadas pelos técnicos da Comissão de Defesa Civil de Pernambuco (CODECIPE) e serão encaminhadas para a Defesa Civil Nacional, para que aconteça a liberação dos recursos federais para que sejam usados na realização de obras.
Na manhã de hoje, aconteceu uma reunião no Palácio do Campo das Princesas, no Recife, sobre a coordenação do governador Paulo câmara (PSB), quando foram discutidas as medidas a serem tomadas para atendimento das centenas de pessoas que estão desabrigadas ou desalojadas. Também foram discutidos assuntos ligados à obras estruturadoras para diminuição das consequências das fortes chuvas.
O coronel Manoel Cunha, comandante do CBMPE, explicou que as guarnições que trabalharam nos locais onde houve os desabamento terminaram os trabalhos, após a localização da 12ª vítima fatal. Segundo o oficial, os grupamentos vão permanecer em estado de alerta, dentro da “Operação Inverno”, iniciada desde o mês de maio, inclusive com a realização de palestras com orientação das comunidades onde existe risco.
Nos últimos seis dias, nas cidades da Região Metropolitana, foram registradas chuvas superiores a 200 mm, o que corresponde ao esperado para 20 dias do mês de julho.

IMG-20190725-WA0106

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar