Tag: Recife

familia-motta

 

Miguelzinho, como era conhecido, sofreu um traumatismo craniano durante a colisão que aconteceu na noite do último domingo (26)

Por: Portal PE em 27/11/17 às 15H58, atualizado em 27/11/17às 16H15

Morreu, na tarde desta segunda-feira (27), no Hospital Santa Joana mais uma vítima do acidente ocorrido no último domingo (26), no bairro da Tamarineira, na Zona Norte do Recife. O menino Miguel, de 3 anos e 11 meses, sofreu um traumatismo craniano e não resistiu aos ferimentos. A criança estava no banco de trás do carro da família, junto com a irmã dele, Marcela, de 5 anos, que segue internada no mesmo hospital.

Leia também
Motorista apresentou declaração de internamento em clínica para dependentes químicos
Corpos de mulheres vítimas de acidente na Zona Norte serão sepultados nesta segunda
Jovem que provocou grave acidente no Recife é encaminhado ao presídio
“Meus pequenos estão no hospital por conta de um irresponsável”, diz babá de crianças

O acidente ocorreu no cruzamento da rua Cônego Barata com a avenida Rosa e Silva. O Ford Fusion, de placas NMN-3336, era conduzido pelo estudante de engenharia João Victor Ribeiro, de 25 anos. Ele trafegava em alta velocidade e havia ingerido bebida alcoólica. O motorista colidiu com o Toyota RAV4, de placas DEZ-9493, onde estava uma família composta pelo pai, Miguel Arruda da Motta Silveira Filho, de 45 anos, mãe, Maria Emília Guimarães, de 39 anos, as duas crianças e uma babá. As duas mulheres morreram no local.

Os sobreviventes da família – Marcelinha e o pai dela – estão internados no Hospital Santa Joana. Depois do acidente, João Victor Ribeiro, que teve apenas ferimentos leves, foi encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Caxangá. Nesta segunda (28), ele passou por audiência de custódia e foi levado para o Centro de Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima. Antes mesmo do começo da audiência, o advogado de João Victor renunciou ao caso e um defensor público assumiu a defesa do estudante.

IMG-20171127-WA0097

O governador Paulo Câmara (PSB) defendeu durante a abertura da 72ª Reunião Geral da Frente Nacional de Prefeitos (FNP).a urgente revisão do Pacto Federativo, de forma que os Estados e Municípios recebam mais recursos que permitam a implementação de obras e ações que permitam a melhoria das condições e qualidade de vida dos brasileiros. A concentração excessiva de verbas no Governo Federal vem sendo duramente criticada.

Reunindo gestores municipais de todo o País no Recife, o encontro, que vai até o dia 29 de novembro, no Sebrae, no Recife, tem o objetivo de debater temas importantes para a municipalidade e para a melhoria da prestação do serviço público. Os prefeitos estão tendo sérios problemas para administrar as cidades por conta da expressiva diminuição de recursos repassados através do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

IMG-20171127-WA0099

Paulo Câmara disse que os governadores e prefeitos estão com sérios problemas para administrar as finanças. “Nunca tivemos tanta concentração de recursos junto à União. Isso precisa ser debatido. Precisamos elaborar alternativas, porque os Estados têm responsabilidades, os Municípios têm responsabilidades e, hoje, o recurso precisa ser melhor aplicado. Essa discussão é fundamental, e a gente conta aqui com esses dois dias de encontro no Recife para que a FNP possa também ajudar a discutir o futuro do Brasil. E esse futuro passa pelas cidades e pelos Estados”.

SEMINÁRIO – O Nordeste volta a sediar uma Reunião Geral da FNP após quase 10 anos. No Recife, os prefeitos e gestores irão construir, a partir de discussões, uma carta com temas importantes para viabilizar o avanço dos municípios. O objetivo é ter um documento final, em 2018, para entregar aos candidatos à Presidência da República e ao Congresso Nacional. Entre os temas que serão abordados estão: Reforma tributária; descentralização dos ressarcimentos dos planos de saúde; Lei de Improbidade Administrativa; agentes comunitários de saúde; contribuição de Intervenção de Domínio Econômico (Cide) municipal; precatórios; gestão fiscal; merenda e uniforme escolar; pacto federativo e prazo para o fim dos lixões.

IMG-20171127-WA0098

“Espero que a Carta do Recife seja efetiva e olhe o futuro. Eu não tenho dúvidas, diante da minuta que já vi, que os tópicos estão em consonância com os anseios da população brasileira. E a nossa responsabilidade é essa: trabalhar cada vez mais com transparência, com responsabilidade e olhando os anseios de uma população tão sofrida”, comentou Paulo Câmara.

Vice-presidente de mudanças climáticas da FNP, o prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), ressaltou a necessidade de reformas para uma distribuição mais igualitária dos recursos entre os governos. “Prefeitos do Brasil inteiro estão aqui pra discutir temas importantes pra população. Fortalecer a prefeitura, a administração municipal, é melhorar as condições de vida da população. Não só no Recife, mas no Brasil inteiro. Muita gente nos últimos três anos perdeu, por exemplo, plano de saúde. Muitos alunos saíram das redes particulares para estudar na rede municipal na sua cidade. A crise econômica aperta as receitas, mas amplia a necessidade de prestação de serviço à população”.

O presidente da FNP e prefeito da cidade de Campinas (SP), Jonas Donizette, aproveitou a oportunidade para relembrar o principal objetivo da entidade e agradecer o apoio do governador Paulo Câmara nas causas municipais de Pernambuco. “É muito honroso para a FNP estar aqui em Pernambuco. Nós sabemos de toda a força política que existe aqui. Pernambuco é um Estado que levanta a sua voz para defender as causas populares, e neste momento, defender o municipalismo, defender o novo pacto federativo, é defender a população. Quero também deixar o meu agradecimento ao governador Paulo Câmara pela valorização dos municípios. Tenho conversado com prefeitos de várias cidades e eles me dizem que o Governo de Pernambuco é um governo solidário, que tem se envolvido com as questões municipalistas e procurado ser um parceiro das cidades na busca de soluções”.

Firmado em 2016, o acordo cooperativo entre o Sebrae e a FNP tem o objetivo de apoiar os municípios na implementação de uma intervenção focada no desenvolvimento por meio da melhoria do ambiente de negócios e eficiência da gestão. Entre os principais pontos da parceria entre as entidades, estão o apoio a formação da Rede de Prefeitos G100-PE; a contribuição para a modernização gerencial e de eficiência fiscal dos municípios; promoção da modernização da legislação municipal com vistas a favorecer a cultura empreendedora, a competitividade dos negócios e a atração de investimentos. Na oportunidade,

O Sebrae vai lançar durante o evento, a 10ª edição do prêmio Prefeito Empreendedor, que visa incentivar ações positivas para o empresariado nos municípios e estimular as atividades de desenvolvimento. A premiação é uma ação nacional realizada em todos os Estados.

Fotos: Hélia Scheppa/SEI

FB_IMG_1511801019419

Diário de Pernambuco

O trágico acidente entre os dois veículos na noite deste domingo, provocado pelo motorista João Victor Ribeiro de Oliveira, de 26 anos, deixou duas mulheres mortas e quatro pessoas feridas, entre elas duas crianças.

As vítimas fatais foram: Maria Emília Guimarães, 39 anos, e Rosiane Maria de Brito Souza, que estava grávida.

O advogado Miguel Filho Motta Silveira, marido de Maria Emilia e pai das crianças, está sendo operado neste momento no Hospital Santa Joanna. Não corre risco de morte.

No momento, Marcela Guimarães Motta Silveira, de 5 anos, com traumatismo craniano, teve equilibrado seus sinais vitais e passa por uma cirurgia no Hospital Restauração.

Miguel Neto, de 6 anos, está sendo submetido a uma cirurgia de emergência no Santa Joanna. http://bit.ly/2A79VgO

FB_IMG_1511744540887
Dois carros se chocaram por volta das 19h40 deste domingo, no cruzamento da Rua Cônego Barata com a Estrada do Arraial, no bairro da Tamarineira. Em um dos carros estavam duas mulheres e duas crianças. No outro veículo – que, de acordo com testemunhas, estava em alta velocidade – apenas um homem. As duas mulheres morreram e as crianças foram socorridas para o Hospital da Restauração. Ainda não há informação sobre o estado de saúde delas. O homem teve ferimentos leves e foi levado para a UPA da Caxangá.

A ação é fruto de parceria da Secretaria de Turismo de Pernambuco, da Prefeitura do Recife, do Catamaran Tours e do Centro Escola Mangue e foi realizada por 35 crianças da comunidade de Brasília Teimosa

IMG-20171126-WA0016

Recife, 24 de novembro de 2017 –

A cidade do Recife é conhecida mundialmente por suas pontes, mangues e rios que são seus principais cartões postais. Pensando na preservação do meio ambiente que abriga a capital pernambucana, a Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco – por meio da Empetur – promoveu mais uma edição do projeto Horizonte Cultural, em celebração ao Dia Mundial do Rio. Esta edição contou com a parceria do Centro Escola Mangue, da Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer do Recife e do Catamaran Tours. A ação aconteceu nesta sexta-feira (24), no Catamaran Tours, no bairro de São José.

IMG-20171126-WA0015

A ação foi realizada durante num cortejo pelas águas do Rio Capibaribe, com um plantio de mil mudas de mangue vermelho, preto e branco, nas margens do bairro do Cabanga. O percurso foi realizado em um barco disponibilizado pelo Catamaran Tours com apresentação do Maracatu Nação Estrela do Mar, além de alunos-atletas de Remo, todos participantes do projeto Remangue (Centro Escola Mangue), da comunidade de Brasília Teimosa. Ainda houve a participação de monitores bilíngues da Prefeitura do Recife que informaram aos participantes sobre a necessidade da preservação do Rio – principal fonte de renda de muitas famílias e abrigo de diversas espécies de animais.

IMG-20171126-WA0018

“Esta edição do projeto Horizonte Cultural não poderia ter um tema mais adequado que o da celebração do Dia Mundial do Rio. As águas do Capibaribe e do Beberibe moldaram a região que serviu de berçário para o Recife e nossa cultura brotou do mangue em abundância. Promover a conscientização da preservação deste meio ambiente é um dever de todos e o setor do Turismo é diretamente afetado por ele”, comenta o secretário de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco, Felipe Carreras.

CENTRO ESCOLA MANGUE – O Centro Escola Mangue é uma associação civil, sem fins lucrativos, fundada em 2003. E tem como objetivo desenvolver uma Escola Ambiental que tenha a cultura como eixo pedagógico e que valorize o saber ancestral das comunidades, conectado-o aos saberes acadêmicos, na perspectiva da promoção da sustentabilidade do meio ambiente. As ações são voltadas para crianças; adolescentes; jovens; mulheres, pescadores; marisqueiras, estudantes e professores em geral. Entre as atividades estão: Pesquisas e diagnósticos dos mangues; Educação ambiental e cultural; Moda mangue; Produção e plantio de mudas; Cinemangue; minicursos e oficinas; ações de dança e música, além de Ecoturismo de base comunitária.

IMG-20171126-WA0017

CATAMARAN TOURS – Pioneira no segmento de passeios náuticos em Pernambuco, é uma empresa que se destaca no cenário turístico local por todos os avanços conquistados durante os seus anos de atuação, 20 deles em pleno coração da capital pernambucana. Foi a empresa, comandada pela família Britto, que tornou a navegação turística pelos rios que cortam o centro do Recife em um dos programas mais procurados por locais e turistas, provando, a exemplo de outras cidades brasileiras e estrangeiras, que é possível reinventar a relação entre população e os afluxos de águas. A empresa começou suas atividades com apenas um tipo de tour e atualmente conta com sete passeios fixos na programação, com horários de embarque variados. Cinco deles mantidos no Recife (Catamaran Assombrado, Ilha De Deus, Piratas do Capibaribe, Recife e seus Bairros e Recife e suas Pontes) e dois nas praias de Carneiros e Suape, duas das mais deslumbrantes praias pernambucanas. A sede da empresa conta Restaurante Catamaran com iguarias pernambucanas e cardápio assinado pelo chef Tallys Bastos, abriga ainda conta com diversos espaços internos e externos para a realização de eventos de negócios, festivos e culturais, com vista privilegiada.

IMG-20170731-WA0071

As Polícias Militar, Civil e Científica receberam 83 novas viaturas que irão reforçar o trabalho de policiamento preventivo e investigativo em 20 municípios da Zona da Mata, Agreste e Sertão do Estado, além dos 14 que integram a Região Metropolitana do Recife (RMR), no combate à criminalidade. A ação faz parte do Plano Estadual de Segurança Pública de Pernambuco, que prevê investimentos na ordem de R$ R$ 290,8 milhões na área.

O governador Paulo Câmara (PSB) disse que todo esforço está sendo feito no combate à criminalidade. “As viaturas irão dar condições para que os policiais desenvolvam um trabalho melhor, com veículos novos e modernos. Nós estamos investindo também em motos. Ao longo deste ano, irão chegar 700 novas motocicletas, pois o trânsito na RMR exige respostas mais rápidas para as ocorrências. Temos também uma expectativa positiva de que todo o interior de Pernambuco receba novas frotas de veículos”.

IMG-20170731-WA0073

Dos veículos entregues nesta segunda, 10 são do modelo Hilux, que serão incorporados aos grupos táticos da Polícia Militar nas áreas das Diretorias Integradas do Interior (DINTER) I e II. Também foram entregues 16 veículos de modelo Spin, para o policiamento ostensivo em geral, e 16 Hilux 4×4 para as delegacias de Polícia Civil do Agreste e Sertão abrangidas pelas DINTER I e II.

Para o Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil (GOE) foram destinados quatro modelos Amarok 4×2. Outras sete unidades do mesmo tipo atenderão às Polícias Militar e Civil em batalhões e delegacias. Já os cinco veículos Citröen Aircross, adquiridos por meio de convênio com a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), auxiliarão os trabalhos de levantamentos e perícias da Polícia Científica no Instituto de Criminalística (IC). Tiveram, ainda, 25 motocicletas de modelo XRE 300 entregues para a CIPMOTO/ROCAM do Recife e Região Metropolitana.

 IMG-20170731-WA0072

PauloCâmara ainda deu detalhes sobre as contratações de novos agentes que integrarão as corporações das Polícias Civil, Militar e Científica, alguns, já a partir de setembro deste ano. “Temos 1.500 novos PMs já na Academia, que acaba agora no final de agosto, e irão para as ruas em setembro. Nós temos mais 1.300 PMs que vão entrar na Academia em setembro, para, no início de 2018 irem às ruas. São 2.800 novos agentes. O concurso da Polícia Civil está se encerrando também no final do ano. Então, irão entrar mais 140 novos delegados, 600 agentes e quase 400 policiais da Polícia Científica. Estamos trabalhando muito para, efetivamente, criar condições de prevenir a ocorrência de crimes e, ao mesmo tempo, buscar prender quem continuar a cometer atos de infração em Pernambuco”, finalizou.

O secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua, considerou importante a aquisição dos novos equipamentos no fortalecimento à segurança do Estado. “Estamos aqui reafirmando o nosso compromisso com a população, entregando viaturas novas, equipamentos modernos para reequipar nossas polícias. Todo o Estado será contemplado. O nosso compromisso é com a segurança. O Governo do Estado está empenhado em diminuir os atuais números, colocando à disposição novas ferramentas de trabalho, com a substituição dos equipamentos que até então nós usávamos, as novas motos, os novos veículos e a chegada dos novos policiais, Tudo isso será determinante para que a gente consiga vencer a violência”.

IMG-20170731-WA0072

PLANO – Anunciado pelo governador Paulo Câmara em abril de 2017, as medidas do Plano Estadual de Segurança Pública de Pernambuco incluem ações efetivas com objetivo de reduzir os índices de criminalidade do Estado. Entre elas, a renovação da frota das Polícias, com 320 novas viaturas, 700 motocicletas e 2 helicópteros. Além disso, 4.500 novos PMs serão nomeados, dos quais 1.500 já começam a atuar em setembro deste ano. Outros 1.300 iniciarão as atividades no início de 2018 e outras turmas serão formadas ao longo dos próximos 2 anos.

Outras medidas também foram anunciadas, como a  criação do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), criação do 1º Batalhão Integrado Especializado de Policiamento (BIESP), em Caruaru, e a das  Companhias Independentes da PM nos municípios de Araripina e Tamandaré, que atuarão no policiamento ostensivo dos municípios, além da promoção de oficiais, subtenentes e sargentos da PMPE.

IMG-20170731-WA0075

O governador anunciou que o Corpo de Bombeiros Militar (CBMPE) também terá a sua frota renovada e ampliada, com a entrega de 61 novos veículos para atuação em todo o Estado.

Fotos: Wagner Ramos/SEI

G1
Estudo da Secretaria de Aviação Civil ouviu 64.539 usuários em 2014.
Eles avaliaram os 15 maiores terminais do país, em nove categorias.

aeroO Aeroporto Internacional dos Guararapes/ Gilberto Freyre, do Recife, foi eleito o melhor do Brasil em uma pesquisa realizada pela Secretaria de Aviação Civil (SAC) ao longo de 2014. A SAC ouviu 64.539 usuários dos 15 maiores terminais aéreos do país para chegar a esta conclusão.

Na cerimônia da divulgação da pesquisa, o terminal de Pernambuco ganhou o título de Aeroporto + Brasil. Esta é a primeira vez que a classificação é concedida com base em uma pesquisa anual. Antes, a Secretaria de Aviação Civil só elegia os melhores terminais do país segundo os estudos trimestrais. Segundo a SAC, a mudança pretende estimular a melhoria da prestação de serviços aeroportuários.

A secretaria ainda informou que a pesquisa realizada em 2014 avaliou os aeroportos em nove categorias diferentes, pedindo para os usuários classificarem cada um desses itens dentro de uma escala de notas que vai de 1 a 5. Ao abrir a cerimônia, na quarta (8), o ministro da Aviação, Eliseu Padilha, comemorou o resultado geral do estudo. Segundo ele, oito dos 15 terminais avaliados receberam notas superiores a quatro.

O Aeroporto de Congonhas, localizado em São Paulo conquistou a melhor avaliação em quatro dos nove itens avaliados. Por isso, levou os títulos de check-in e raio-x mais eficientes, além de aeroporto mais cordial e mais confortável do país. Já o Aeroporto Internacional Afonso Pena, de Curitiba, foi eleito o terminal com mais facilidades aos passageiros.

O estudo realizado em 2014 ainda premiou outros três aeroportos brasileiros. O Santos Dumont, no Rio de Janeiro, teve a restituição de bagagem mais eficiente; e o Internacional Tancredo Neves, em Confins, Minas Gerais, o serviço público mais eficiente. Já o título de mais limpo do país foi para o Aeroporto Internacional Governador Aluízio Alves, da cidade de São Gonçalo do Amarante, no Rio Grande do Norte.

 

G1 PE

agencia_do_trabalhoA Agência do Trabalho do Recife tem oportunidades para quem quer trabalhar no comércio. Nesta quinta-feira (4), são oferecidas 60 vagas para vendedor pracista, o profissional que circula pela cidade ou pelo estado para visitar clientes e vender o produto. O candidato deve ter pelo menos seis meses de experiência e ensino médio incompleto. O salário não foi informado. Veja tabela com todas as vagas abertas no estado neste link.

Para as pessoas com deficiência, a agência disponibiliza 150 vagas para operador de telemarketing. É preciso ter concluído o ensino médio, e o salário é de R$ 880. E há mais 30 para porteiro, com ensino fundamental completo e experiência mínima de um mês. A remuneração é de R$ 930.

Ainda para os portadores de deficiência, há 15 vagas para motorista de ônibus. O candidato deve ter experiência de seis meses e ensino fundamental completo. O salário é de R$ 2.113. Estão disponíveis também mais 15 vagas para cobrador de transporte coletivo. A única exigência é ter ensino fundamental completo. A remuneração é de R$ 971,97.

Já a Agência de Paulista tem oportunidades na indústria. Há vagas disponíveis para alimentador de linha de produção. É preciso ter concluído o ensino médio e experiência mínima de seis meses na área. O salário não foi informado.

A Agência do Trabalho do Recife fica no Sistema Público de Emprego, na Avenida Rio Branco, número 155, no Bairro do Recife, Centro da cidade. Candidatos também podem procurar a sede da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação, na Rua da Aurora, número 425, no bairro da Boa Vista, também no Centro.

G1 PE

 

materiaO último domingo (31) de julho foi um dia marcado por protestos na capital pernambucana com relação ao impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff. O ato favorável ao processo aconteceu durante a manhã na Avenida Boa Viagem, na Zona Sul do Recife, reunindo 20 mil pessoas, segundo a organização. Já a manifestação contra o afastamento da chefe do Executivo nacional ocorreu à tarde, na área central da cidade, e contou com 2 mil pessoas, de acordo com os organizadores. A Polícia Militar de Pernambuco não divulgou estimativas de público para nenhum dos eventos.

A concentração do primeiro ato do dia, em apoio à Operação Lava Jato e a favor do impeachment de Dilma, teve início às 10h em frente à Padaria Boa Viagem. Acompanhados de um trio elétrico, os participantes caminharam até o Segundo Jardim do bairro. No trajeto, não faltaram críticas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva: “Lula, ladrão! Seu lugar é a prisão!”, cantaram os manifestantes, que também homenagearam o juiz federal Sérgio Moro, cantando parabéns para ele, que aniversaria na segunda-feira (1), e através de um boneco gigante, que atraía a atenção das pessoas, que paravam para tirar fotos.

‘Moro, o povo se orgulha de você’, ‘Com Moro, não tem namoro, nem tem ilusão, vai tudo para a prisão’ e ‘Moro, prenda os corruptos que o povo agradece’ eram algumas mensagens presentes em cartazes do ato. “Querem derrubar o Moro”, mas não vamos deixar”, afirmou a aposentada Alberlita Silva, de 77 anos, que participou da manifestação junto com as irmãs Alice e Ana Paspich, de 72 anos.

Segundo os organizadores da manifestação no Recife, o objetivo da mobilização é criticar a corrupção na política nacional. “Viemos à rua para mostrar que continuamos na luta contra a corrupção no país. Queremos reforçar a importância de o Senado legitimar o impeachment de Dilma. Também apoiamos a Lava Jato e a todos os juízes federais empenhamos em prender todos os políticos corruptos, independentemente do partido”, ressmoroaltou Dulce Sampaio, porta-voz da organização do ato na capital pernambucana.

No protesto, um grupo de manifestantes pediu o retorno do governo militar no Brasil. ‘Nós queremos as Forças Armadas já’ e ‘Eu quero intervenção cívico-militar’ eram algumas das frases expostas em faixas. A manifestação terminou por volta das 12h40, quando os participantes cantaram o Hino de Pernambuco diante de um grande boneco inflável representando o ex-presidente Lula com vestes de presidiário.

Segunda manifestação
Por volta das 15h, apresentações culturais marcaram o início do ato ‘Fora Temer’ na Praça do Derby, no Centro do Recife, denominada pelos participantes de ‘Praça da Democracia’. Vestidos de vermelho, os manifestantes cantaram músicas e declamaram poemas contra o impeachment de Dilma Rousseff, referindo-se ao processo como ‘golpe’.

apoio_ljEntre os cartazes expostos no local, mensagens de apoio à presidente afastada, como ‘Volta, querida!’. Faixas também estampavam críticas ao presidente interino do Brasil. ‘Fora, Temer! Vaza, traíra! Não tem perdão’ e ‘Fora, golpista’, expressavam algumas delas. “O objetivo deste ato é demarcar politicamente a defesa da democracia, que foi rompida com o golpe que ocorreu neste ano no Brasil, e o combate ao conservadorismo crescente na sociedade brasileira”, ressaltou Severino Alves, representante da Frente Povo Sem Medo, que organizou a mobilização pró-Dilma no Recife.

Entre os participantes do ato, chamava a atenção um senhor vestido com uma capa vermelha e uma gaiola na mesma cor, onde se lia uma placa com a palavra ‘democracia’. “Essa fantasia representa a democracia engaiolada para uma parcela da população do Brasil. É o que aconteceu com meu voto: a pessoa em que eu votei foi tirada de maneira arbitrária do poder”, explicou o artista plástico Wolder Wallace.

Por volta das 17h, os participantes do ato iniciaram uma caminhada pelas ruas centrais da capital. Após cruzar a Avenida Agamenon Magalhães, gaiolapassaram por toda a Avenida Conde da Boa Vista, atravessaram a Ponte Duarte Coelho e a Avenida Guararapes até chegar ao Bairro do Recife. No trajeto, manifestantes entoaram palavras de ordem como ‘Governo golpista não me representa’ e ‘O povo na rua, a luta continua’. A dispersão do protesto aconteceu por volta das 18h30, na Praça do Arsenal.

12
Fechar