IMG-20180725-WA0156

Apesar das bravatas e das propostas mirabolantes do seu candidato, o PSL é a legenda mais fiel ao ilegítimo Michel Temer nas votações da Câmara dos Deputado em 2018. Os parlamentares do partido, incluindo Jair Bolsonaro, seguiram o governo golpista em quase 70% das votações.
O levantamento do Jornal do Brasil (JB) aponta que o comportamento do PSL contrasta com as críticas que Bolsonaro faz ao atual governo. O MDB, partido do ilegítimo, fica em segundo lugar no quesito fidelidade, seguido pelo PSDB do pré-candidato Geraldo Alckmin.

Os números da fidelidade são: PSL – 67,73%; MDB 64,34%; PSDB 63,05%. Os demais partidos com candidaturas à presidência aparecem com menos de 30%. O PDT de Ciro Gomes, por exemplo, acompanhou o governo em apenas 23% das votações, enquanto a Rede, de Marina Silva, em 18,4%, e o PT, em 5,27%

Fonte blog do Esmael.

IMG-20180725-WA0088

A notícia de que a Revista TOTAL e o Blog Revista TOTAL vão anunciar no próximo dia 10 de agosto , o nome do provável vencedor das eleições para o Governo do Estado que irão acontecer em 2018, deixou o mundo político e empresarial em suspense. Todos comentam a ousadia da TOTAL em fazer a previsão e elogiam a competência da equipe que tem acertado mais de 95 por cento de seus prognósticos.

Um dos primeiros políticos a admirar, reconhecer e elogiar publicamente a equipe de Marcelo Mesquita pelo trabalho, foi o ex-governador Eduardo Campos, que sempre se mostrou surpreso com a precisão dos levantamentos feitos para identificação dos prováveis ganhadores dos pleitos majoritários e proporcionais em Pernambuco.

COMENTÁRIOS – Essa semana, muitas personalidades comentaram a informação. Uma delas foi o empresário e líder sindical, Alex Costa, presidente do Sindileite, que disse estar surpreso com a antecedência com que o trabalho está sendo feito, ressaltando que ainda faltam 70 dias  para o pleito. “Essa equipe liderada por Marcelo Mesquita é muito ousada”, afirmou.

O prefeito de Vitória de Santo Antão, Aglaílson Junior (PSB), reconheceu a competência da equipe da TOTAL que faz o levantamento sob a coordenação de Mesquita. “Esse método usado pela TOTAL é realmente impressionante, pois eles conseguem captar de forma precisa as intenções dos eleitores, de forma diferente dos institutos de pesquisa de opinião pública”.

Para o advogado Arnaldo Desmondes, que tem intensa atuação em Araripina. sua cidade natal, e em Jaboatão dos Guararapes, onde tem sua atividade profissional, o trabalho da TOTAL é digno dos maiores elogios. “Conheço muita gente que fica admirada com a precisão com que os prognósticos da Revisa são feitos”.

A admiração pelo trabalho de previsão também é elogiado pelo prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque (PT), que adiantou ter ficado surpreso quando a Revista publicou a notícia de que ele seria o vencedor do pleito em sua cidade. “Na ocasião, conversei com meus amigos mais próximos e procurei saber como o trabalho havia sido feito e fiquei impressionado”.

Outro político que manifestou-se sobre as previsões eleitorais feitas pela TOTAL foi a prefeita Madalena Brito (PSB), de Arcoverde. Ela disse que os responsáveis pela publicação têm muita coragem, pois enquanto os institutos de pesquisa são contestados em todas as eleições, a Revista mostra muita competência e acerta a maioria dos nomes. “É um trabalho de muito fôlego e merece os elogios”.

 

IMG-20180725-WA0095

Num evento prestigiado que aconteceu na tarde desta quarta, no Recife, e que reuniu lideranças políticas, prefeitos, deputados, vereadores, secretários, empresários e representantes do setor jurídico, o deputado e pré-candidato ao Senado, Jarbas Vasconcelos (MDB-PE), mostrou força e representatividade. Com a presença do governador do Estado, Paulo Câmara, do prefeito do Recife, Geraldo Julio, e o Vice-governador e presidente estadual do MDB, Raul Henry, Jarbas comemorou 47 anos de vida pública. A homenagem, que contou com a presença de cerca de 300 pessoas, foi promovida pelo Caxangá Ágape.

“Estamos vendo de forma recorrente manifestações que colocam em xeque a atuação política e a própria democracia que conquistamos a duras penas. Por isso, poder receber uma homenagem por 47 anos de vida pública me deixa feliz e motivado pra continuar lutando por dias melhores para Pernambuco e para o País”, disse Jarbas.

Ao final dos discursos, que foram abertos com a fala de Raul Henry relembrando toda a trajetória política, o presidente do Caxangá Ágape, Braga Sá, quebrou o protocolo da entidade e ao microfone fez questão de declarar que votaria em Jarbas na próxima eleição. “Não costumamos nem de longe fazer isso mas não vou me furtar a dizer que o senhor terá meu voto ao senado na próxima eleição”, disse.

 

Escrito por Edmar Lyra

IMG-20180725-WA0094

NUNCA na história deste município se viu tantos absurdos cometidos por um GESTOR, que INSATISFEITO em “agredir” MORALMENTE os PROFESSORES da rede municipal, com a proposta humilhante e indecente de 0% de reajuste (6,81% é o piso estabelecido pelo MEC), apelou para a barbárie e a força física!!!

Simmmm!!! O Prefeito perdeu totalmente o controle, o equilíbrio e a compostura de chefe do executivo, e inconformado com os protestos realizados pela categoria nas ruas e na prefeitura (CASA DO POVO), que buscam cobrar seus DIREITOS de forma PACÍFICA, ao entrar na prefeitura AGREDIU um PROFESSOR (FREDERICO) que estava sentado no chão e de costas para ele (AGRESSOR, VAVÁ RUFINO)!

A foto abaixo, mostra o momento em que as pessoas seguram o PREFEITO, após ele ter batido no professor EFETIVO e CONCURSADO desta rede!!!

LEMBRAMOS:
A CATEGORIA de Professores SEMPRE fez protestos pacíficos DENTRO da prefeitura com outros gestores, sem NUNCA agredir pessoas ou destruir o patrimônio público (que é do povo, que é nosso…)!
Já chegamos a fazer vigília dentro daquele espaço público e nunca vivenciamos tal barbárie!

E como se não bastasse, os CARGOS COMISSIONADOS agrediram os professores verbalmente, chamando-os de VAGABUNDOS (ver vídeos circulando nas redes sociais!)! Isso é inaceitável e inadmissível!!!
Mostra que o Gestor está acessorado por pessoas despreparadas e desequilibradas, que recebem seus salários para tratar mal, aqueles que de fato pertencem aquela casa, que entraram naquela casa por méritos próprios…

O prefeito prejudica os nossos alunos e a sociedade morenense!!!

Este prefeito está se mostrando NOCIVO a nossa sociedade!

Não é deste jeito que se faz política!
Um cidadão que foi eleito para defender, cuidar… da população que o elegeu, não pode “surtar” diante de protestos e mobilizações LEGÍTIMAS de categorias sindicalizadas que buscam seus direitos!!!

A greve, foi o CAMINHO que ELE nos apresentou para tentar fazer com que se CUMPRA A LEI DO PISO!
Os professores (o sindicato), mostraram que havia e há outros caminhos!!!

O prefeito oferece 0% aos PROFESSORES… De contrapartida, oferece aos ALUNOS uma educação inferior ao que eles têm direito!

Sociedade! Pais! Alunos!
Vocês merecem MAIS que isto!

Neste momento, o único 0,0 (zero) aplicado, deverá ser para a NOTA do PREFEITO, pela incompetência em administrar o município do MORENO!

OS PROFESSORES NÃO QUEREM SER AGREDIDOS A SOCOS PELO PREFEITO…

OS PROFESSORES QUEREM O REPASSE DOS 6,81% estabelecido pelo MEC!!!

Sinpremo:

“A força da coletividade no resgatando direitos, respeito e credibilidade sindical!”

IMG-20180725-WA0090
O prefeito do Brejo da Madre de Deus, Hilário Paulo (PSD), está entusiasmado com o ritmo das obras do Ramal do Agreste que levará água através do Eixo Leste da Transposição do Rio São Francisco, para o município localizado no Agreste Central de Pernambuco. Com um orçamento de cerca de R$ 30 milhões, essa é a maior obra hídrica já executada no Brejo da Madre de Deus e de acordo com o chefe do executivo municipal, deve acabar definitivamente com o problema no abastecimento de água na cidade.
Hilário Paulo adiantou que todo o esforço feito valeu a pena. “Essa obra acabará definitivamente com o problema no abastecimento de água em Brejo da Madre de Deus. Quando estive reunido com o governador Paulo Câmara e com o presidente da COMPESA, Roberto Tavares, apontava na oportunidade, a necessidade de um investimento desse aporte, para resolvermos definitivamente a questão hídrica do nosso município”.

IMG-20180725-WA0090

O gestor explicou que está acompanhando o andamento das obras e tem constatado que o trabalho está acontecendo em ritmo acelerado e tem certeza que em breve tempo, a população de sua cidade estará livre do problema que a atinge há décadas.
​Durante a última visita ao canteiro de obras, ele também falou do andamento dos serviços de colocação da tubulação da Adutora do Alto Capibaribe que levará água para o Distrito São Domingos. “Veja que estamos vivendo novos tempos, pois além dos investimentos que tem sido feitos aIMG-20180725-WA0091través da Prefeitura Municipal em todas as áreas, de uma só vez, o Governo do Estado trabalha para resolver o problema hídrico do Brejo e também de São Domingos. Sentimos orgulho em ter contribuído com essas conquistas, cobrando em reuniões e solicitando ações concretas para a solução do problema”.

 

IMG-20180725-WA0023Em Pernambuco, o pré-candidato da Rede, Júlio Lóssio, negocia apoio ao PT, um partido da “polarização”, como integrantes da Rede costumam se referir à legenda. “Penso que as questões regionais têm que ser respeitadas”, afirmou Lóssio, que admite a possibilidade de sair como vice na chapa da vereadora do Recife Marília Arraes, caso o PT decida mesmo lançá-la candidata ao governo.

IMG-20180725-WA0005A pouco mais de uma semana da convenção nacional e ainda sem partidos em sua coligação, a Rede liberou os diretórios estaduais para tocarem suas próprias alianças, e já trabalha com a possibilidade de palanque duplo em alguns Estados. O partido entende que a prioridade, além de eleger Marina Silva presidente, é garantir a sobrevivência da sigla elegendo um número suficiente de deputados federais para ultrapassar a cláusula de barreira – um mínimo de nove em nove Estados.

Em ao menos sete diretórios as negociações passam por seis siglas – PT, PCdoB, Podemos, PRTB, PPL e PSC – que têm pré-candidatos próprios ao Planalto. Além deles, PPS e PSB, que apesar de ainda não terem anunciado apoio oficialmente, estão mais próximos de outros presidenciáveis. “Ainda que por ventura tenhamos discordância, o partido tem autonomia para tomar suas decisões (locais) levando em consideração a avaliação do próprio Estado”, disse Marina na segunda-feira, 23, em entrevista coletiva.

O diretório da Rede em Santa Catarina, que pretende lançar o professor Rogério Portanova ao governo, também admite conversas com PPS, PPL, Podemos e PCdoB – dos presidenciáveis João Vicente Goulart, Alvaro Dias e Manuela d’Ávila, respectivamente. O próprio Portanova participou de um encontro suprapartidário com Dias há duas semanas e disse que “não tem problema nenhum em ter mais de um presidenciável”.

“O ideal é priorizar a candidatura de Marina, mas eles sabem que se for melhor para a Rede no Estado, pode-se admitir (duplo palanque)”, disse o porta-voz no Estado, Nelson Zunino.

No Espírito Santo, o porta-voz André Toscano traça cenários em que candidatos locais participem de eventos com Marina Silva e Manuela d’Ávila. “Pode acontecer que a gente consiga, por exemplo, acomodar o PCdoB com a candidatura a deputado estadual e senador. Não precisa ser governador. Aí a gente consegue acomodar a Manuela no palanque”, afirmou. No Estado, a Rede conversa ainda com PV, PHS e PSC.

A dificuldade da Rede em fechar alianças também reflete nas negociações com o PSB nos Estados. No Distrito Federal e no Amazonas, os diretórios estaduais desistiram de lançar pré-candidatos ao governo em troca de uma aliança com o PSB, visando aproximar as siglas nacionalmente – o que acabou não ocorrendo. “O PSB está dividido, mas no Amazonas estamos em harmonia. Eles aqui são ‘marineiros’, não querem votar no PT e muito menos no Ciro Gomes (PDT)”, disse o coordenador do diretório amazonense, João Lúcio.

Já o PPS, apesar de o presidente da sigla, deputado Roberto Freire (SP), declarar apoio ao presidenciável tucano, Geraldo Alckmin, pode estar em ao menos três coligações com a Rede – em Rondônia e Santa Catarina. O partido apoiou Marina em 2010 e 2014 e o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) já chegou a dizer que Freire seria “um bom vice” neste ano.

Ao menos em Rondônia, a chapa Rede-PPS está mais próxima de se concretizar. “Estamos bem afinados. Está praticamente acertado. Para nós, não vejo nenhum problema em dividir palanque com Marina ou outro nome com quem o PPS decida coligar nacionalmente”, disse o presidente da sigla no Estado, Jaime Kalb.

Em Pernambuco, o pré-candidato da Rede, Júlio Lóssio, negocia apoio ao PT, um partido da “polarização”, como integrantes da Rede costumam se referir à legenda. “Penso que as questões regionais têm que ser respeitadas”, afirmou Lóssio, que admite a possibilidade de sair como vice na chapa da vereadora do Recife Marília Arraes, caso o PT decida mesmo lançá-la candidata ao governo.

Vice

Marina citou nesta terça-feira, 24, o economista Ricardo Paes de Barros, idealizador do Bolsa Família, como um possível nome para ser vice em sua chapa. Ele é filiado à Rede e colabora com a campanha da pré-candidata.

 

Fonte : Blog do Barbosa

IMG-20180724-WA0147

Sérgio Cabral foi levado hoje para a solitária do presídio Bangu 8, após uma inspeção do Ministério Público Estadual.

O promotor André Guilherme vistoriou a ala onde estão presos, além de Cabral, Wilson Carlos, Felipe Picciani, Edson Albertassi e Paulo Mello.

De acordo com a defesa do ex-governador, o promotor teria pedido que os detentos ficassem de cabeça baixa e olhando para frente. Cabral disse ao promotor que a medida não era necessária e foi mandado para o isolamento.

O advogado de Cabral, Rodrigo Rocca, informou que irá representar contra o promotor no Conselho Nacional do Ministério Público por abuso de autoridade.

(Atualização, às 16h35: A Seap entrou em contato para esclarecer que Sérgio Cabral foi mandado para a solitária por determinação do promotor porque demorou a sair da cela e não se colocou em posição de respeito, como é praxe durante inspeções. Também informou que foi instaurado o procedimento disciplinar em relação à conduta de Cabral e que o caso já foi comunicado ao juiz titular da Vara de Execuções Penais.)

Fonte o globo

IMG-20180724-WA0146

Daniel Ortega, o ditador nicaraguense apoiado por Lula e pelo PT, assassinou uma estudante brasileira.

Diz a Folha de S. Paulo:

“A estudante de medicina Raynéia Gabrielle Lima, 31, foi morta a tiros na noite desta segunda-feira em Manágua.

O assassinato, divulgado pela imprensa local, foi confirmado pela Embaixada do Brasil na Nicarágua. Estudante da Universidade Americana, Lima teria sido metralhada. (…).

Segundo a Coordinadora Democrática, que reúne estudantes universitários que participam dos protestos, Raynéia voltava para casa quando seu carro foi metralhado perto do Colégio Americano, por paramilitares que tomaram o campus da Universidade Nacional Autônoma da Nicarágua (…).

A Unan era um dos principais focos das manifestações contra Ortega. No último dia 13, policiais e paramilitares iniciaram uma ofensiva contra as trincheiras montadas pelos estudantes —dois deles morreram com tiros na cabeça.”

Diz a Folha de S. Paulo:

IMG-20180724-WA0145

Dr. Emiliano Teixeira declararou apoio à candidatura à candidatura de Marília Arraes ao Governo de PE e a Dr. Aluízio Coelho para deputado estadual

O ex-prefeito de Trindade, no Sertão do Araripe, Dr. Emiliano Teixeira Leite, declararou apoio á candidatura à candidatura de Marília Arraes (PT) ao Governo de Pernambuco.

A confirmação se deu nesta terça-feira (24). “Vamos lutar para que em Trindade e região, a esperança do povo se renove. Marília é Arraes de novo no governo”, disse o ex-prefeito.

Dr. Emiliano Teixeira juntamente com o advogado Júnior Dediêr, já haviam declarado no mês passado, apoio a pré-candidatura do Dr. Aluízio Coelho a Assembleia Legislativa de Pernambuco – ALEPE

Fechar