Posts da Categoria: Pernambuco

 Deputado Luís Tibé, presidente nacional do Avante 70, vereadora Dra. Cybele Roa, de Arcoverde e o suplente de senador Waldemar Oliveira, presidente estadual do Avante

Deputado Luís Tibé, presidente nacional do Avante 70, vereadora Dra. Cybele Roa, de Arcoverde e o suplente de senador Waldemar Oliveira, presidente estadual do Avante

Postado por Marcos Lima Mochila

 

No último sábado, 9, o Avante realizou, no auditório da Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), o Encontro Nacional da sigla.

O encontro contou com deputados federais eleitos em 2018, deputados estaduais dos 9 estados e do Distrito Federal (DF), além do vice-governador do DF- Paco Britto -, vereadores, prefeitos, presidentes estaduais e lideranças de todo país.

11 11 AVANTE 2

O Avante teve os deputados Pastor Sargento Isidório e Isidório Filho como os mais votados para a Câmara dos Deputados e Assembleia Legislativa da Bahia, respectivamente. Cotado em primeiro lugar nas pesquisas de intenção de voto para a Prefeitura de Salvador, o deputado federal Sargento Isidório foi o anfitrião do Encontro Nacional do partido.

De acordo com o presidente nacional do Avante, deputado federal Luis Tibé, o evento teve o intuito celebrar o crescimento do partido, bem como planejar e discutir metas, além de apresentar os três novos produtos do Avante nos segmentos de tecnologia, mulher e capacitação.

O Mulher Avante será um núcleo do partido, tendo uma ex-vereadora de Sete Lagoas (MG) como presidente nacional. O Mulher Avante tem o objetivo de incentivar a participação feminina na política, seja por meio de candidaturas, apoio, militância etc. “Temos visto o aumento da participação das mulheres nos espaços públicos e em altos cargos de direção de empresas privadas. Nossa intenção é aumentar essa participação no ambiente político, promovendo a igualdade entre homens e mulheres e fomentando a eleição de mais representantes femininas nas casas legislativas e no Executivo”, explicou Luís Tibé.

Acompanhando o crescimento do partido, foram criadas ferramentas estratégicas que vão compor o Digital Avante, núcleo do partido voltado para o desenvolvimento de soluções tecnológicas que proporcionarão agilidade, organização e inteligência competitiva. Os subprodutos do Digital Avante têm como objetivo transformar, de modo inteligente, a maneira como os dados sobre a sociedade e a política são organizados e analisados. Foram lançados como resultado desse núcleo: Inteligência Artificial Avante, destinada à coleta e análise estratégica de informação para inteligência eleitoral em escala nacional; Sistema de Gestão Partido, voltado para organização de relacionamentos políticos, gestão de filiados, correlação de agendas e diversas outras funcionalidades para gestão nacional do Partido e o App Avante, um aplicativo voltado para o filiado.

A ferramente Qualifica Avante será um EAD (Ensino à Distância) voltado para a qualificação de candidatos e filiados. Os cursos online ofertados terão como temas: gestão pública; eficiência em gestão; processo legislativo; papel do prefeito, vereador, deputado e demais cargos representativos; mídias sociais; marketing político; oratória para os ambientes digitais, dentre outros. O objetivo do Avante é capacitar seus membros por meio de uma plataforma que servirá também como troca de experiências de boas práticas, gestão, eficiência e resultado nos estados onde o Avante está presente.

Uma das surpresas do encontro foi a presença do presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Adriano Galdino, que é do PSB, que mostrou sintonia com o partido. Informações de bastidores dão conta que ele deve se filiar ao Avante nos próximos meses.

A vereadora Dra. Cybele Roa, de Arcoverde (PE), esteve presente ao evento, juntamente com o seu marido, o Dr. Rodrigo Roa.

11 11 AVANTE 3

No próximo dia 6 de dezembro, o Avante novamente se encontrará, dessa feita em Arcoverde.

O presidente da Embratur, particularmente, não toca neste assunto, mas é quase certo que ele concorrerá, nas eleições de 2020, ao cargo de prefeito do Recife, sua cidade natal, tendo ao seu lado, a conduzi-lo e orientá-lo, seu grande guru, Osvaldo MatosGILSON NETO FORNATUR

Por Marcos Lima Mochila

 

A equipe que forma o Grupo de Estudos Técnicos da Revista Total e do Blog Revista Total está em ação desde o mês de julho, percorrendo todos os municípios pernambucanos, no levantamento dos candidatos a prefeito que têm mais chances de serem eleitos ou reeleitos.

Os estudos são feitos em cima dos pré-candidatos nomes que já contam como certo que serão os escolhidos dos partidos e também aqueles que não se apresentaram ainda, mas já são nomes certos em todas as pesquisas.

Entre esses segundos, Gilson Machado Neto, atual presidente da Embratur, é citado como provável candidato a prefeito do Recife, porém com chances ínfimas de eleição, com pouco mais de 2% de intenção de votos.

Ele se encontra numa situação idêntica a Geraldo Julio e Paulo Câmara, quando ainda eram pré-candidatos a governador de Pernambuco e prefeito de Recife, respectivamente, e os estudos da equipe do Grupo Total já o citavam como eleitos, o que veio a se confirmar nas eleições.

Anda na fase de transição do governo Bolsonaro, Gilson Neto esteve com Marcelo Mesquita durante o lançamento da Revista Total em Brasília, em novembro passado
Ainda na fase de transição do governo Bolsonaro, Gilson Neto esteve com Marcelo Mesquita durante o lançamento da Revista Total em Brasília, em novembro passado

Da mesma maneira, os estudos técnicos da equipe liderada por Marcelo Mesquita, indicam que se Gilson Neto for candidato contando com a indicação e o apoio do presidente Jair Bolsonaro, ele certamente ganhará as eleições para prefeito da capital pernambucana, em 2020.

GILSON NETO COM BOLSOAmigo particular e aliado de primeira hora de Bolsonaro, Gilson tem acompanhado o presidente em todas as viagens, dentro e fora do país.

Gilson é dono da Banda Forró da Brucelose, sobrinho do ex-deputado federal por Pernambuco, Gilson Machado, já falecido, que teve destaque na Câmara Federal na época do governo Collor.

Apesar de ser pernambucano, o empresário sempre circulou bem por Alagoas, onde tem a Rádio Maragogi FM, na cidade do mesmo nome, e uma das pousadas internacionais mais famosas de São Miguel dos Milagres, a Villas Taturé, bastante procurada e sempre lotada com turistas estrangeiros. Em Alagoas, ele é o maior produtor de coco e abastece os hotéis, pousadas, restaurantes e bares no litoral norte de Alagoas e sul de Pernambuco.GILSON NETO COM MORO

Ainda no período de transição, Gilson Neto trabalhou junto a Sérgio Moro, tendo indicado o ex-governador de Pernambuco, Joaquim Francisco, e o publicitário Osvaldo Matos, para fazer parte da equipe.

Gilson chegou ensaiar uma candidatura em Alagoas, onde era filiado ao Democrata, para prefeito de Maragogi, no entanto, decidiu apoiar a candidatura vitoriosa do médico Sergio Lira(PP) e da vice, a empresária Belinha Laranjeiras (PTB).  Juntando-se ao grupo de Sergio Lira, o empresário Gilson Neto conseguiu derrubar o empresário Marco Madeiras que passou oito anos com mandato de prefeito, tendo conseguido eleger o seu sucessor.

Em Tocantins, Gilson Neto é criador de gado Nelore. Em suma,Gilson já detentor de grandes posses e, se resolver encarar ssa eleja, no próximo ano, é por pura intenção de sedimentar uma corrente de força para Bolsonaro, em 2022.

Um dos muitos eventos voltados paa o engrandecimento do trade turístico dos quais Gilson Machado Neto tem participado, desde que assumi a Embratur
Um dos muitos eventos voltados paa o engrandecimento do trade turístico dos quais Gilson Machado Neto tem participado, desde que assumi a Embratur

Sua amizade com o presidente eleito, Jair Messias Bolsonaro, o fez trocar o título eleitoral de Alagoas para Pernambuco, onde chefiou a campanha do presidente eleito. Essa amizade se consolidou tanto, que Gilson Neto estava cotado para ser Ministro de Turismo, mas assumiu mesmo foi a presidência da Embratur, onde vem realizando uma gestão muito vitoriosa.

Dono de uma vasta experiência internacional, tendo inclusive estudado na Universidade de Indiana (USA), fala fluentemente inglês e espanhol e é PHD em veterinária.

Reunião no Fornatur, com secretários d Turismo de vários estados da Federação
Reunião no Fornatur, que reuniu secretários de Turismo de vários estados da Federação

Essa experiência o tem ajudado muito na Embratur e o tem levado a grandes conquistas. No final de setembro, Gilson Machado Neto afirmou que vem promovendo negociações com companhias aéreas norte-americanas para lançar voos diretos entre o Nordeste e Nova York, além da Califórnia. As negociações começaram durante eventos internacionais, segundo o executivo.

“Durante algumas feiras, já conversamos com algumas empresas, que estão interessadas nestas operações. Estamos fazendo o dever de casa, mas sem o apoio dos secretários não chegaremos a lugar nenhum”, afirmou Machado Neto, durante reunião do Fornatur, em São Paulo. “Precisamos ser um só e divulgar o Turismo como um todo e criar a consciência nos brasileiros de amar o seu país. Estamos em um momento de muito otimismo e o presidente Bolsonaro vê o Turismo como saída real para o Brasil”, completou.

O Fornatur é o Fórum Nacional dos Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo, um colegiado formado pelos secretários de Estado de Turismo ou presidentes de Órgão Estaduais de Turismo que se reúnem para deliberar sobre os temas relevantes do turismo nacional, incorporando as demandas estaduais, regionais e nacionais, expressando o pensamento e a ação do executivo estadual na gestão do turismo, constituindo-se um bloco de expressão técnica e política.GILSON NETO OSVALDO MATOS

Pelo grande conhecimento que tem de campanhas políticas, uma outra personalidade, também pernambucana, que sempre foi um grande aliado e condutor da ascensão de Gilson Neto é Osvaldo Matos, proprietário da BM4, especialista em Marketing Político, assessor de agências de desenvolvimento municipais e estaduais, que possui na sua história o atendimento de centenas de contas publicitárias públicas e privadas, através de sua empresa. Osvaldo, tem 30 anos de experiência no planejamento, criação e assessoramento de campanhas políticas para cargos públicos, associações e instituições diversas e, há 20, anos abriu a sua própria agência.

Matos abriu a sua BM4 Soluções Estratégicas em Marketing há 20 anos atrás, e uniu toda sua vivência, experiências, acertos e, principalmente, erros e crises típicas de campanhas, para formatar as melhores oportunidades e estratégias para conquista e fidelização dos clientes, bem como para correta aplicação dos recursos humanos e financeiros e conhece muito bem o caminho das pedras para se atingir o sucesso numa campanha política.

Osvaldo não é só marqueteiro, é um profissional que sabe solidificar imagens e, assim como já projetou Gilson para ser o que é hoje, ele também será o grande alavancador de uma campanha, desde que Gilson, que além de amigo o considera o seu guru, queira realmente enfrentar uma campanha majoritária em Recife.

Gilson terá, portanto, se assim o decidir, duas forças alavancadoras para a conquista de uma grande viória neste projeto: Bolsonaro e Osvaldo Matos.

Fotos do Arquivo da Revista Total

O governador Paulo Câmara (PSB) enfatizou a importância de planejar ações para o futuro

24 10 PC COM PREFEITOS 2

Por Marcos Lima Mochila

 

Os prefeitos dos municípios litorâneos atingidos pelas manchas de petróleo participaram de uma reunião no Palácio do Campo das Princesas, no Recife, para discutirem o assunto e apresentaram propostas para a solução do problema que está causando sérios problemas financeiros e ambientais nos últimos 50 dias. Os representantes das Prefeituras relataram a situação das praias e foram unânimes em mostrar preocupação, principalmente com os estuários e manguezais.

Durante o encontro, no Palácio do Campo das Princesas, o governador Paulo Câmara (PSB) enfatizou a importância de planejar ações para o futuro, tanto para as cidades afetadas quanto para as que não foram atingidas, e reforçou que o trabalho do Governo do Estado continuará sendo feito. Ele adiantou que diversos órgãos da administração estadual, como as Secretarias do Meio Ambiente, de Defesa Civil e de Saúde, além do Corpo de Bombeiros Militar, estão atuando ativamente em todas as áreas.

Paulo Câmara disse que vai continuar a preocupação com os municípios e o trabalho de integração que vem sendo realizado. “Essa reunião foi muito importante para a gente planejar o futuro e, nos casos das cidades que ainda não foram atingidas, caso esse óleo chegue, para que elas já estejam preparadas e melhor municiadas para ações que possam ser feitas. É um serviço que vai exigir capacidade de superação e de estarmos muito coesos. Mas eu estou à disposição para planejarmos adequadamente o dia de hoje, o dia de amanhã e, acima de tudo, o futuro e o cuidado com as pessoas””.

Com relação aos trabalhos de contenção, limpeza e prevenção que vêm sendo conduzidos pelo Governo do Estado, Paulo Câmara garantiu que serão mantidos em todos os municípios. “Da nossa parte, os esforços continuarão por todo o litoral de Pernambuco. Seja por meio de sobrevoos ao longo do dia ou dos barcos que identificam possíveis manchas em alto mar e não deixam que elas cheguem até a praia. Também continuaremos buscando soluções para a proteção dos estuários, além do recolhimento dos resíduos e envio para o Centro de Tratamento em Igarassu”.

Em nome dos prefeitos presentes, o prefeito Junior Matuto (PSB), do município do Paulista, elogiou a iniciativa do governador de reunir os prefeitos e reforçou o sentimento de gratidão pelo apoio oferecido. “O Governo do Estado acaba de demonstrar interesse em estender as mãos para um caso tão polêmico e único que está acontecendo no litoral pernambucano”, disse. O prefeito também externou sua preocupação com os estuários de Pernambuco e com a população, principalmente com quem sobrevive do mar. “Precisamos nos preocupar com a flora e fauna, com o ambiente marítimo, mas também com a população que vive da pesca como um todo”.

Além de Júnior Matuto, estiveram presentes à reunião a vice-governadora Luciana Santos, os prefeitos Ana Célia Farias, de Surubim e vice-presidente da AMUPE, Luciano Siqueira, prefeito do Recife em exercício, Anderson Ferreira, de Jaboatão dos Guararapes, Lula Cabral, Cabo de Santo Agostinho, Débora Almeida (São Bento do Uma); Elimário (Barreiros); Franz Hacker, de Sirinhaém, Mário Ricardo, de Igarassu, Pel Lages, São José da Coroa Grande, Professor Lupércio, de Olinda, Sérgio Hacker, de Tamandaré, e Tato, de Itamaracá.

Fotos: Heudes Regis/SEI

As capacitações acontecem nas cidades de Recife, Porto de Galinhas e Gravatá

19 10 TURISMO

Por Marcos Lima Mochila

 

Com a gradual retomada da empregabilidade no comércio e a crescente competitividade do mercado de trabalho, os cursos de capacitações são uma alternativa para se destacar. Pensando nisso, o Instituto Fecomércio-PE, a ABIH, a ABRASEL e o Sebrae estão oferecendo cursos voltados ao aperfeiçoamento e gestão no turismo. As capacitações acontecem nas cidades de Recife, Gravatá e Porto de Galinhas e são para os profissionais que querem se especializar e para quem está querendo entrar no segmento.

Divergindo do momento econômico brasileiro, o setor de turismo no país faturou R$20,4 bilhões em julho de 2019, segundo dados da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). “O crescimento do faturamento mensal no país está em sintonia com o momento do setor em Pernambuco. Aliado a isso, está a chegada do verão, que naturalmente impulsiona esse mercado. Como o estado está com um nível de empregabilidade baixo, os cursos oferecem especializações para esses profissionais fazerem a diferença no mercado de trabalho”, explica a diretora executiva do Instituto Fecomércio-PE, Brena Castelo Branco.

As capacitações são de camareira, aperfeiçoamento para garçom, manutenção de piscina, gestão de vendas, gestão de pessoas, manipulador de alimentos, atendimento ao cliente e liderança coach. As aulas começam neste mês e se estendem até dezembro. São 25 vagas disponíveis por curso.

Para mais informações e inscrições, os interessados podem contatar a ABIH pelos telefones (81) 3465-7903 e (81) 98599-3220.

Serviço

Capacitações para o turismo

Recife

Vendedor que dá resultado – 21 a 24/10

Camareira: Técnicas de limpeza e arrumação – 22 a 28/10

Gestão de Pessoas e Equipes Na Medida – 28/10 a 01/11

Aperfeiçoamento para garçom –28/10 a 01/11

Boas Práticas no Manuseio de Alimentos – Manipulador – 18 a 22/11

Atendimento ao Cliente – 25 a 28/11

Camareira: Técnicas de limpeza e arrumação – 25 a 29/11

Boas Práticas no Manuseio de Alimentos – Manipulador – 02 a 06/12

Atendimento ao Cliente – 16 a 19/12

Liderança Coach: desenvolvendo competências para obter resultados – 09 a 12/12

Aperfeiçoamento para garçom – 09 a 13/12

 

Porto de Galinhas

Aperfeiçoamento para garçom – 22 a 28/10

Vendedor que dá resultado – 28 a 31/11

Gestão de Pessoas e Equipes Na Medida – 18 a 22/11

Aperfeiçoamento para garçom – 18 a 22/11

Atendimento ao Cliente – 18 a 21/11

Atendimento ao Cliente – 25 a 28/11

Camareira: Técnicas de limpeza e arrumação – 25 a 29/11

Limpeza, tratamento e manutenção de piscinas – 25/11 a 06/12

Liderança Coach: desenvolvendo competências para obter resultados – 02 a 05/12

Boas Práticas no Manuseio de Alimentos – Manipulador – 02 a 06/12

Camareira: Técnicas de limpeza e arrumação – 02 a 06/12

 

Gravatá

Boas Práticas no Manuseio de Alimentos – Manipulador – 21 a 25/10

Camareira: Técnicas de limpeza e arrumação – 22 a 28/10

Limpeza, tratamento e manutenção de piscinas – 18 a 29/11

Aperfeiçoamento para garçom – 25 a 29/11

Gestão de Pessoas e Equipes Na Medida – 28/10 a 01/11

Atendimento ao Cliente – 11 a 14/11

Vendedor que dá resultado – 02 a 05/12

Liderança Coach: desenvolvendo competências para obter resultados – 09 a 12/12

Informações: Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH) em Pernambuco

Av. Eng. Domingos Ferreira, 4023 – sala 302 | Boa Viagem

(81) 3465-7903 ou (81) 98599-3220

Projeto de Lei tramita na Alepe por proposição do deputado estadual Isaltino Nascimento

18 10 FESTA DO MORRO DA CONCEIÇÃO

Por Marcos Lima Mochila

 

Está em tramitação na Assembleia Legislativa de Pernambuco o projeto de lei que institui a festa do Morro da Conceição como patrimônio cultural imaterial de Pernambuco. O projeto é do deputado Isaltino Nascimento, que pretende com isso enaltecer e salvaguardar uma das maiores e mais bonitas festas religiosas do Estado.

O projeto que visa titular a Festa do Morro da Conceição como Patrimônio Imaterial de Pernambuco foi encaminhado pela CCLJ para a Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco em março de 2018. Na época, a Fundarpe emitiu nota técnica fundamentando a importância da Festa do Morro para os pernambucanos concluindo que o evento “é um bem cultural que atende aos requisitos para ser considerado Patrimônio Cultural Imaterial de Pernambuco, pois é uma celebração portadora de valores, herança cultural e religiosa, e práticas que consubstanciam toda uma dinâmica ligada ao Patrimônio Cultural pernambucano nas suas dimensões material e imaterial”.

Agora serão feitas as discussões do PL nas comissões da casa e seguirá para votação no Plenário. “Estamos ansiosos porque a festa do Morro é um momento muito rico de celebração e tradição para nós, que leva milhares de fiéis ao santuário. Mais especial ainda porque sou da região, nasci e fui criado no Alto José do Pinho, aos pés de Nossa Senhora da Conceição”, explica Isaltino.

Festa do Morro

Já são 115 anos da Festa do Morro, que teve início em 08 de dezembro de 1904, quando foi inaugurado o monumento à Nossa Senhora da Conceição por cerca de 20 mil pessoas, uma multidão sem precedentes, considerando os 120 mil habitantes do Recife da época. Assim começava uma tradição secular de romarias e pagamento de promessas. Desde então, a data se tornou feriado municipal. A imagem de 5,5 metros de altura com 1806 kg foi trazida da França por navio e representa Maria Santíssima, toda vestida de branco, envolvida em um manto azul.

A Festa do Morro da Conceição, nasceu, por assim dizer, da conjugação das muitas individualidades, das mais íntimas relações com o sagrado e o profano, num cenário onde não se pode ignorar o sincretismo de culturas, de povos, de tradições religiosas, católicas ou não. É uma festa em que se avista um mar de devotos e de espontaneidades que se somam a gente agradecida, esperançosa, resignada e devota à santidade, à imagem, à santa, ao que ela representa.

O Recife recebe milhares de devotos e o morro todo se veste de azul e branco para homenagear Nossa Senhora da Conceição. Missas, procissão e shows são realizados e há toda uma mobilização para dar a estrutura para a realização do evento, incluindo fiscalização, transporte, trânsito e segurança.

“É um sentimento muito peculiar para o povo pernambucano, e nordestino, sendo um marco para toda essa região, um referencial cultural, histórico, religioso, arquitetônico, artístico e paisagístico do estado”, finaliza Isaltino.

Contato imprensa FUNDARPE: Michelle Batista (81) 3184.3118

Contato imprensa ISALTINO NASCIMENTO:

Raphaela de Paula (81) 99452.7439

Evento que abre o Circuito Cultura de Pernambuco 2019 acontecerá entre os dias 24 e 27 de outubro em Arcoverde

18 10 ARCOVERDE

Por Marcos Lima Mochila

 

Terra de cantadores e de poetas, o município de Arcoverde sediará entre os dias 24 e 27 de outubro a terceira edição da Feira Literária do Sertão (Felis), uma co-realização da Companhia Editora de Pernambuco (Cepe) e do Coletivo Cultural de Arcoverde (Cocar). O evento é o primeiro a ser realizado dentro do Circuito Cultural de Pernambuco, que reúne ações da Cepe, Secretaria de Cultura de Pernambuco e Fundarpe nas diversas linguagens artísticas. Serão mais de 40 horas e quase 60 atividades dentro de uma programação totalmente gratuita, que abrirá espaço para lançamentos de livros de autores locais e convidados, palestras, rodas de conversas, debates, apresentações musicais, oficinas, teatro, dança e gastronomia.

A programação da 3ª Felis foi apresentada nesta quarta-feira (16), em coletiva de imprensa que aconteceu no auditório da Secretaria de Educação de Arcoverde e que contou com a participação do superintendente de Marketing e Vendas da Cepe, Tarcísio Pereira; do diretor do Cocar, Kleber Araújo; do vice-prefeito de Arcoverde, Wellington Araújo e da secretária de Educação do município, Zulmira Cavalcanti.

Com o tema Literatura, Preservação e Memória, a Felis aportará na Praça Winston Siqueira – principal espaço de lazer da cidade -, ocupando também outros espaços, como a feira livre, que receberá intervenções com a participação de poetas do município, Pesqueira e Alagoinha. “O atual momento político do Brasil e do mundo reflete uma tendência ao revisionismo da história e a literatura pode ser um grande antídoto à tentativa de se apagar o passado. Há também uma discussão local que a Felis propõem uma reflexão geral: estamos cuidando da nossa memória patrimonial?”, destacou Kleber Araújo.

Neste sentido, a Feira Literária do Sertão pretende reunir secretários de Educação, universidades e gestores do Sertão do Moxotó para debater sobre políticas públicas alinhadas à produção literária, estímulo à leitura e fomento às bibliotecas enquanto espaços de preservação do saber coletivo. Nesta terceira edição, o Arquivo Público de Pernambuco se incorpora à feira para levar documentos e registros históricos fundamentais para a região, estimulando ainda um debate em torno da memória e literatura. Na construção desse diálogo, está prevista a participação efetiva das cidades da região, bem como de outros municípios sertanejos, como São José do Egito, Pedra, Buíque.

Convidados

18 10 MIRÓMiró da Muribeca, considerado um dos mais inventivos poetas contemporâneos do Brasil, recentemente homenageado pela 14ª edição da Balada Literária (Biblioteca Mario de Andrade/SP);18 10 MARILEIDE ALVES

Marileide Alves, autora do livro Povo Xambá resiste – 80 anos de repressão aos terreiros em Pernambuco, finalista do Prêmio Jabuti; a escritora Ezter Liu (primeira mulher a receber o título máximo do Prêmio Pernambuco de Literatura), o Coco Trupé de Arcoverde estão entre as atrações da programação.18 10 ZÉ BROW

A 3ª Felis ainda acolherá debates importantes, como a oralidade e a preservação da cultura levando os rappers Zé Brown, Nix La Marge, MC Laranjão, entre outros convidados. “A Felis é um evento que a Cepe resolveu abraçar porque temos uma preocupação que vai além do livro. Queremos estimular e dar espaço a todos que criam”, disse Tarcísio Pereira.

Serviço

3ª Feira Literária do Sertão

Tema: Literatura – Preservação & memória

Local: na Praça Winston Siqueira, em Arcoverde

Período: de 24 a 27 de outubro

Programação Felis – 3ª Feira Literária do Sertão

Dia 24 – Quinta-feira

14h Abertura da feira

16h Diálogo Políticas públicas do livro, leitura, literatura e bibliotecas, troca de experiências sobre o projeto Ler Bem entre secretários de educação da região, gestores de escolas e universidades. Mediação da secretária de Educação de Arcoverde, Zulmira Cavalcanti

17h Exposição Memória (Exposição do Arquivo Público Estadual Jordão Emerenciano)

18h30 Palestra Projeto Remissão de pena pela leitura (Participação de representantes da Gerência de Políticas Educacionais de Jovens Adultos e Idosos: Stella Campos Socorro Santos, Liliane Siqueira e Elen Nayara)

– Lançamento do livro de poemas de Juliana Aguiar, Encadeia, confeccionado por adolescentes da Funase de Arcoverde

18h30 Exposição da oficina de encadernação, com mostra de trabalhos no estande da Cocar

19h30 Solenidade de abertura, que contará com leitura da aluna da rede pública municipal Steffany Maria, e apresentação da Orquestra Filarmônica Amusa

20h30 Lançamento do livro Nação avacalhada e pocket show com o compositor Anchieta Dali

 

Dia 25 – Sexta-feira

9h Palestra A leitura como forma de existir e não apenas de resistir, ministrada pela professora de língua portuguesa e de literatura e cultura brasileira na Universidade Católica de Pernambuco (Unicap), Haidée Camelo Fonseca, para coordenadores de escolas municipais (Local: Auditório da Secretaria de Educação)18 10 EZTER LIU

9h30 Projeto Outras palavras – Conversa com a escritora Ezter Liu (vencedora do Prêmio Pernambucano de Literatura). Participação de alunos do Ensino Médio das redes pública e privada.

– Vivência com o MC Magoo/Ponto de cultura Eco da Periferia do Grupo Pé no Chão

16h Diálogo Mulher e literatura – leituras e diálogos de enfrentamento e resistências (Participação da Secretaria Estadual da Mulher, Gerência Regional da Mulher, Coordenadoria da Mulher – PMA, Núcleo de Estudo de Gênero da Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde (Aesa)

– Lançamento do livro Lembranças dos caminhos e descaminhos da escola na vida de mulheres negras de Buíque-PE, de 1980-1990, de Irailda Leandro

18h Bate papo sobre o livro Teresa Costa Rêgo: uma mulher em três tempos, do jornalista Bruno Albertim

18h30 Apresentação Literatura Popular, com alunos do curso de Letras – Aesa

19h Diálogo Memória x literatura com a participação de professores e alunos do curso de História da Aesa; Arquivo Público Estadual Jordão Emerenciano. Debatedores: diretor do Arquivo Público, Evaldo Costa, e o professor da Aesa José Nogueira

– Lançamento do livro Cadernos de pesquisas em cultura, política, educação e diferenças, dos professores Augusto Cesar Acioly e Simone Salvador

21h Lançamento-palestra do livro To be human – O gênero homo é, está, foi ou será o que não é agora?, com o autor Duda Gonçalves

21h30 Encontro Repente-Rap-Slam Oralidade e preservação da cultura, com discussão e apresentação artística (participação de Zé Brown, Nix La Marge, Renna Costa, Mc Laranjão, Markus Lee, Jessica Caitano e Andreza Kamylle

18 10 FEITICEIRO JULIÃO22h30 Apresentação musical Feiticeiro Julião

 

Dia 26 – Sábado

10h Intervenção Poética Feira Livre, com o Grupo de Poesia do Sertão

11h XI Festival de violeiros, com apresentação de duplas de violeiros

14h Bate-papo sobre o livro Povo Xambá resiste: 80 anos da repressão aos terreiros em Pernambuco, com a autora Marileide Alves

16h Grupo de leitura Ler pra que? Vai discutir sobre o livro Talvez precisemos de um nome para isso, de Stephanie Borges (participação da representante da Cepe Giselle Melo e Espaço da Palavra, coletivo literário)

17h30 Diálogo Alimentação e identidade (participação do jornalista Bruno Albertim e do chef César Santos)

18h30 Diálogo Audiovisual e literatura, com o roteirista Nelson Caldas e a cineasta Kátia Mesel

20h Lançamento do livro Teorias de um louco, com o autor Marcos Nascimento

20h30 Performance poética com Miró da Muribeca

21h Lançamento de Cd com homenagem aos 70 anos do poeta Antônio Francisco

– Lançamento do CD Cantigas do poeta – Kleber Araújo interpreta Antônio Francisco, com homenagem aos 70 anos do poeta, que estará presente. Participação de poetas convidados: Diosman Avelino, Moisés Avelino, Maira Tenório, Andreza Kamylla, Maria das Montanhas, Tayná França

22h Apresentação musical de Neudo Oliveira

Dia 27 – Domingo

15h Apresentação cultural da Banda de Pífano, Boi Cafuné, Performance Otaviano Filho e Microfone Aberto

16h30 Projeto Café em Cena / Diálogo: O papel da literatura na sociedade contemporânea, com a participação de escritores de Arcoverde: Claudiney Mendes, Clécia Pereira, Juliana Aguiar e Raul Silva

19h Mama – Mostra Arcoverdense de Música Autoral (participação de Felipe Moraes, George Silva, Noé Lira, Leandro Vaz, Orlando Melo, Neguinho Arcoverde, Cultura Urbana, Cição, O mago, Alberone, C*zar, Lula Moreira, Johsi Guimarães)

20h Encerramento com apresentação musical do grupo Coco Trupé de Arcoverde

Programação Infantil – Felisinho

Dia 24 – Quinta-feira

14h Contação de histórias (participação de Voyle Arte com a Saia Literária)

15h Samba de coco (participação Escola Freire Filho)

15h Exposição Projeto Brincadeiras da Cultura Popular (participação Aesa – pedagogia)

16h Contando e aprendendo os mitos indígenas de Pernambuco (contação de histórias (participação Márcia Moura)

16h Atividades lúdicas (participação Grupo Recriar)

18h Contação de histórias (participação Katia Katita)

Dia 25 – Sexta-feira

9h30 Outras palavras (participação de alunos das redes pública e privada)

14h Exposição Cartoneira (participação do projeto Pequenos Escritores)

14h Contação de histórias de O sapo Bocarrão

15h30 Contação em cordel: A formiga surfista e outros contos (participação Suzana Morais)

16h Atividades lúdicas (participação do Grupo Recriar)

16h30 Apresentação teatral (participação do Grupo Cardeal)

18h Espetáculo teatral A menina que corria para trás

18h30 Contação de histórias (participação Aesa – pedagogia)

19h Exposição Projeto Brincadeiras da Cultura Popular (participação Aesa – Pedagogia)

Dia 26 – Sábado

14h Exposição Cartoneira (Projeto Pequenos Escritores)

14h Visita à feira (Crianças da Comunidade do Peba)

15h Contação de histórias com Voyle Arte com a Saia Literária

15h Intervenção lúdica com o Grupo Passo Virado

15h30 Contação de histórias com Márcia Moura

16h Relato de um povo, histórias de muitas vidas – declamações com a professora indígena Clenia Suseane

16h Oficina Fabrincando, com o grupo Riso da Terra

16h30 Teatro de marionetes, com o grupo Flor de Lis

17h Jogos e brincadeiras populares (participação pedagogia Aesa)

Dia 27 – Domingo

14h Exposição Cartoneira (participação do Projeto Pequenos Escritores)

15h Exposição fotográfica: O lugar onde moro, com crianças da Comunidade do Peba

15h Intervenção lúdica com o Grupo Passo Virado

15h30 Oficina Fabrincando com o Grupo Riso da Terra

16h – 17h O cabra que calculava livros que voam, com o Grupo Pitorescos em Cena (CDCA)

Telefones para entrevistas:

Kleber Araújo (Cocar) – 81.98854-0661

Tarcísio Pereira (Cepe) 81.98628-5873

Assessoria de Imprensa CEPE: (81) 3183-2770

 

04 10 MARIA FULÔ

Por Marcos Lima Mochila

 

Teve início nesta sexta-feira (04/10) e vai até o dia 13 deste mês, no Centro de Convenções, em Olinda, a XII Bienal Internacional do Livro de Pernambuco.

Aproveitando este evento especial e de tanta importância para a cultura pernambucana, a escritora e poeta Marta Velozo lança, mais uma vez, o seu primeiro romance, Epístolas à Maria Fulô.

O livro já foi lançado na Biblioteca Pública do Estado de Pernambuco, Academia Caruaruense de Ciências, Letras e Artes, FENELIVRO e Flipo.

06 10 ESCRITORA MARTA VELOZOSobre Marta Velozo

A escritora caruaruense é autora da Saga poesias e contos, Auto de Carnaval (poema em forma de papiro), (Ah!) Recife (poemas editados em Braile).

Marta participou das lutas pela redemocratização, militando na Pastoral da Juventude (Teologia da Libertação), no Movimento Estudantil, e nos bairros por moradia e livre expressão também no campo da arte.

Na década de 90 e início do século, participou da luta pela ampliação dos direitos sociais, atuando principalmente na luta pela reforma agrária junto aos trabalhadores das usinas falidas nos estados de Pernambuco e Alagoas.

Participou do Quarta às Quatro (UBE-PE), Fliporto, foi homenageada no programa ‘A ficção em Pernambuco’ e no ‘Poetas da Terra’ (SESC).  Ganhou o 2° lugar na Fliporto 2006, na categoria contos.

Sobre o Livro ‘Epístolas à Maria Fulô’

No ‘Epístolas à Maria Fulô’, a escritora e poeta, reúne mensagens, cartas, telegramas, e-mails e bilhetes narrados pelas personagens que aos poucos desvendam a conexão entre duas mulheres e revelam sutilezas das relações homoafetivas e desafios das lutas, no contexto da sociedade autoritária e excludente.

O romance relata a relação homoafetiva entre as personagens Beatriz D’ Alves (escritora pernambucana) e Maria Fulô (médica mineira). A história é contada através de cartas, e-mails, mensagens de celular, cartões postais, depoimentos, bilhetes. Assim, vai se descobrindo a relação com os vacilos, dúvidas, aproximações, afetos que podem existir em uma relação amorosa. Por ser uma relação homoafetiva, que se passa nos dias atuais existe, entrelaçada com  vontade de estarem juntas, a carga do preconceito, do medo, da repressão e da violência.

Diante dos fatos ocorridos na  Bienal do Rio, quando o governo proibiu a venda de livros que colocam  a liberdade e igualdade de gênero, tendo que voltar atrás diante da mobilização dos leitores e ação da imprensa, torna-se importante a resposta das pessoas que defendem a liberdade de expressão e são sensíveis ao direito de liberdade de gênero, na Bienal em Pernambuco.

O romance relata fatos ocorridos desde que se instalou o governo autoritário e torna-se instrumento  para a luta contra o fundamentalismo supostamente religioso e a violência institucionalizada do Estado.

O ‘Epístolas à Maria Fulô’ pretende ser um provocador dessas reflexões.

Serviço

Lançamento de ‘Epístolas a Maria Fulô’.

Autora: Marta Velozo

Local: Bienal do Livro 2019 – Centro de Convenções – Plataforma de Lançamentos – Auditório Geek

Data: 07/10/2019 – 15h

Contato: (81) 98869-0735

Email: martavelozo@gmail.com      

06 10 MM COM AG JR E VEREADORES 2

Por Marcos Lima Mochila

 

Se o domingo já é dia de festa, em Vitória de Santo Antão as festas vieram com um aperitivo diferente: a mais nova edição da Revista Total, um veículo que orgulha a Terra das Tabocas por ser originária de lá.

O próprio diretor-presidente do Grupo TOTAL, Marcelo Mesquita, é quem faz essas entregas pessoalmente, quando sempre aproveita para reencontrar os amigos e colocar o papo em dia.

06 10 MM COM AG JR E VEREADORES 1Depois de fazer a entrega a Paluca, da Pitu, Marcelo levou a nova edição para o prefeito Aglaílson Júnior que, como  sempre, estava rodeado de amigos, entre eles muitos vereadores, os quais também receberam a nova edição, assim como o Irmão Madi, grande amigo do Marcelo Mesquita.06 10 IRMÃO MADI

“Como prefeito de Vitória de Santo Antão eu fico muito orgulhoso quando Marcelo vem me entregar as novas edições da Revista Total, porque se trata de um grande veículo de Comunicação que nasceu em nossa querida cidade e vem se expandindo por outras regiões do país. E isto se deve a Marcelo Mesquita, este incansável defensor de nossa terra e de nossa gente”, salientou Aglaílson Júnior.

Quem também recebeu a nova edição foi o eterno deputado Henrique Queiroz, que estava em sua casa, rodeado de familiares, entre os quais os filhos Henrique Queiroz Filho, deputado estadual, e Carlos Henrique.

06 10 MM DISTRIBUI RT 3

“Quando a gente não está exercendo um mandato legislativo, como eu exerci por por 10 anos seguidos, na Alepe, a gente corre o risco de se desatualizar dos acontecimentos políticos de nosso Estado. No meu caso, isto é difícil de acontecer porque meu filho Henrique Queiroz Filho está sempre em contato comigo. E, o que escapa dele, eu fico sabendo através da Revista Total, a qual eu acompanho desde o meu sétimo mandato”, disse o ex-deputado Henrique Queiroz.

Anúncio do presidente Antônio Campos foi realizado durante a abertura do estande da instituição na XII Bienal do Livro neste sábado (5/10)

06 10 FUNDAJ C 6

Postado por Marcos Lima Mochila

06 10 FUNDAJ COQUEO estande da Fundação Joaquim Nabuco na XII Bienal Internacional do Livro de Pernambuco foi aberto oficialmente neste sábado (05/10). No espaço, que homenageia o centenário de João Cabral de Melo Neto, foram realizadas apresentações culturais, lançamentos da 46ª edição da Revista Ciência e Trópico e do livro Para ser o Seu Bairro. Durante seu pronunciamento, o presidente anunciou o apoio à Biblioteca do Coque, que enfrenta a falta de espaço para funcionar.

“Vamos levar um programa de leitura a três bairros do Recife, incluindo o Coque, onde, além de incentivar a leitura, teremos a missão de colaborar para manter a biblioteca funcionando”, destacou Antônio Campos. O anúncio alegrou a professora da Escola Municipal do Coque, Érica Montenegro, que colabora com o projeto Para ler o seu Bairro e com a biblioteca. “O projeto de conhecimento do bairro foi um divisor de águas para nossos alunos. Permitiu que moradores fortalecessem suas identidades a partir do momento que entenderam melhor a história de onde vivem”, afirmou a professora.

Editado pela Massagana, editora da Fundaj, o exemplar é fruto de uma parceria entre a Biblioteca Blanche Knopf da Fundaj e o Programa Manuel Bandeira de Formação de Leitores da Prefeitura do Recife. Em suas páginas, reúne uma coletânea das obras escritas e publicadas por quase 270 alunos da rede municipal de ensino que com ajuda de professores, pesquisadores e moradores de 11 comunidades diferentes, investigaram e narraram as histórias dos seus bairros.

Em sua terceira edição, o projeto tem atuação crescente. Começou com nove escolas, passou para dez na edição seguinte e, neste ano, 14 instituições de ensino público estão participando. “Em novembro faremos a culminância desta etapa, com a apresentação dos livro artesanais”, adiantou a coordenadora da biblioteca Blanche Knopf, Nadja Tenório Pernambucano.

06 10 FUNDAJ C7

Estande

A programação da abertura oficial do estande da Fundaj/Editora Massagana foi recheada. Além do livro Para Ler o seu Bairro, apresentação de trechos musicados de Morte e Vida Severina, lançamento da edição especial de 46 anos da revista científica Ciência & Trópico e oficinas de Twister e de fantoches. O artista Adriano Cabral, interpretando Joaquim Nabuco, iniciou a solenidade de abertura do espaço.

06 10 FUNDAJ C 3Em seguida, foram entoados trechos musicados de “Morte e Vida Severina”, de João Cabral de Melo Neto, autor tema do estande. “O livro é um elemento civilizador. A educação está presente em uma casa onde se tem livro. O livro é uma forma de viajar e uma máquina espetacular na mão do homem; é também uma forma de resistir e é resistência. A inauguração do estande é uma forma simbólica de relançar a Editora Massangana no mercado de livros. Dessa forma, reafirmamos nosso compromisso com a cultura pernambucana e com a cadeia de livros pernambucana e também nordestina”, afirmou o presidente da Fundaj. 06 10 FUNDAJ C 1

O lançamento da edição especial de 46 anos da revista Ciência e Trópico foi coordenado por Alexandrina Sobreira, da Diretoria de Pesquisas Sociais (Dipes), da Fundaj.  “A obra é um trabalho coletivo de pesquisadores da casa junto aos de outras instituições. Com isso, a revista cumpre uma das missões da Fundaj que é divulgar resultados de pesquisas feitas pela casa”, afirmou a  pesquisadora.

As oficinas de Twister e de Fantoches movimentaram a tarde da criançada. Os pequenos passaram por lá para brincar e construir o brinquedo de contar histórias. “Eu fiz um fantoche de Joaquim Nabuco com uma meia! Nunca tinha feito desse jeito. Foi muito legal!”, afirmou Letícia Cristina, 9 anos.

06 10 MM COM FUNADOR DA PITU

 

Por Marcos Lima Mochila

A Revista Total é distribuída gratuitamente em todo o Estado de Pernambuco e, desde dezembro/2018, também em Brasília (DF) – em todos os ministérios, na Câmara Federal e no Senado, e em várias empresas -, nas regiões metropolitanas do Rio de Janeiro e de São Paulo.

Essa distribuição requer uma logística especial porque, a cada edição que sai, é uma grande correria, pois todos querem ser os primeiros a receber. Toda a equipe, portanto, se une e se empenha para fazer uma rápida distribuição.

Enquanto a equipe se dedica a essa logística de distribuição, o diretor-presidente da Revista e do Blog da Revista 06 10 MM COM PALUCATotal, Marcelo Mesquita, dedica-se a fazer chegar as edições às mãos dos amigos, dos patrocinadores, dos admiradores da revista, enfim, àquelas pessoas  a quem Marcelo tem um carinho especial.

Uma dessas pessoas é o seu amigo, diretor da Pitu, Paulo Ferrer de Moraes, o Paluca. Ele é sempre um dos primeiros a quem Marcelo faz a entrega de cada nova edição.

“Nosso carinho por Seu Paluca é muito especial, realmente. Afinal, ele foi o primeiro a nos incentivar no projeto da Revista Total, com a Pitu sendo a nossa primeira patrocinadora, desde a 1ª edição. Isso foi muito importante, pois fez com que outras empresas pernambucanas também nos desses esse crédito, no início”, revela Marcelo Mesquita.

Fechar