Posts da Categoria: Blog

IMG-20180715-WA0155
Os Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) voltaram a cair em junho de 2018 e, com isso, Pernambuco completou 7 meses consecutivos de redução em relação aos mesmos períodos do ano anterior. Com 335 mortes, junho de 2018 recuou 12% no comparativo a junho de 2017 (379) e tornou-se o mês com menos ocorrências dessa natureza em uma série histórica de 2 anos. Foi superado apenas por junho de 2016, com 333 de homicídios. Considerando todo o primeiro semestre deste ano, houve 21% de declínio na análise com o mesmo período de 2017 (de 2.875 para 2.279 assassinatos), o que representa uma diferença de 596 vidas poupadas.

O secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua, disse que a expressiva diminuição é por conta dos altos investimentos feitos pelo Governo do Estado e lembrou que em junho, foram presos pelas Polícias Militar e Civil, 191 criminosos. “A sequência de sete quedas mensais consecutivas nos CVLIs, no comparativo com o mesmo mês do ano anterior, começou em dezembro de 2017 (com 394 homicídios, contra 472 em dezembro de 2016) e continuou até o mês passado. Não comemoramos nada, até porque temos a confiança de que podemos chegar a patamares menores, uma vez que ainda estamos consolidando e ampliando a atuação de unidades recém-inauguradas pela Polícia Militar, a exemplo do 2º Biesp (Petrolina) e das companhias independentes da PM em Lajedo, Tamandaré e Araripina, além das novas delegacias de repressão ao narcotráfico e unidades regionais da Polícia Científica. Mas não podemos deixar de ressaltar que, nos primeiros seis meses deste ano, deixamos de ter 596 ocorrências de homicídios. Não estamos falando somente de números, mas de pessoas e famílias protegidas pela ação não só das nossas polícias, mas de todas as secretarias de Estado, órgãos e poderes unidos no Pacto pela Vida”.

ZERO HOMICÍDIOS – Durante todo o mês de junho de 2018, em nada menos de 96 municípios pernambucanos mais o distrito de Fernando de Noronha não ocorreram crimes de mortes e em outros 63 ocorreram redução em relação ao mesmo período de 2017. No dia 21 de junho, não houve nenhum homicídio em toda a Região Metropolitana do Recife. O CVLI zero também se verificou em dez datas do mês nas 61 cidades do Sertão cobertas pela Diretoria Integrada do Interior 2.

No Agreste, a Área Integrada de Segurança – 14 (sede em Caruaru) destacou-se e apresentou o menor acumulado mensal de assassinatos desde julho de 2013. Houve, no mês passado, 15 homicídios nessa área composta por 15 cidades – Agrestina, Altinho, Barra de Guabiraba, Bezerros, Bonito, Camocim de São Félix, Caruaru, Cupira, Ibirajuba, Jurema, Lagoa dos Gatos, Panelas, Riacho das Almas, Sairé e São Joaquim do Monte.

Todas as macrorregiões do Estado tiveram, no primeiro semestre deste ano, queda em relação ao mesmo período de 2017. Pela ordem da maior à menor redução nesse comparativo, elas estão assim dispostas: Agreste (-28,24%, caindo de 641 para 460), RMR (-17,64%, passando de 839 para 691), Zona da Mata (-16,96%, de 631 para 524) e Sertão (-11,38%, saindo de 334 para 296). O Recife, na mesma metodologia de comparação, teve um declínio de 28,37% nos CVLIs. Foram 122 mortes a menos na capital pernambucana, contrapondo o primeiro semestre de 2018 (308 ocorrências) com os seis meses iniciais de 2017 (430).

TRÁFICO DE DROGAS – O levantamento foi pelos técnicos da Gerência de Análise Criminal e Estatística (GACE) da SDS indica que o maior percentual dos crimes tem envolvimento com o tráfico de drogas (vítimas e criminosos). O percentual motivado por envolvimento com o tráfico de drogas, acerto de contas e outras atividades criminosas em junho de 2018 (74,03%) e no primeiro semestre do mesmo ano se assemelha (72,58%). A segunda maior motivação, no mês, são os conflitos na comunidade (13,13%), seguidos dos conflitos afetivos ou familiares (exceto feminicídio), com 3,28%. Por fim, vêm os feminicídios, com 2% (7 casos), e os latrocínios, com 1,79% (6 vítimas) no mês de junho ? a quantidade de roubos seguidos de morte no mês passado foi a menor em uma série de 39 meses, perdendo apenas para março de 2015 (5 casos).

MENOS LATROCÍNIOS – Um dado de grande relevância verificado no levantamento é a acentuada diminuição nos casos de latrocínio. Em 2018, houve 72 roubos seguidos de morte, contra 143 casos em 2017 e 84 em 2016. “O combate aos latrocínios é uma prioridade da nossa atuação e, ao alcançarmos significativa diminuição nessa incidência, estamos colaborando com a tranquilidade de toda a população, em seu momento de lazer nos espaços públicos, no deslocamento para o trabalho e em outras atividades cotidianas”, disse Antônio de Pádua. Os feminicídios representaram, no 1º semestre, 1,32% do total das motivações.

No 1º semestre desse ano, a proporção de homicídios causados por conflitos nas comunidades foi um pouco maior (15,66%), assim como os latrocínios (3,12%).

Um levantamento feito pela Gerência de Análise Criminal e Estatística (GACE) mostra que, de todas as 335 vítimas de homicídios em junho de 2018, 126 (ou 37,61%) tiveram passagem pelo sistema de Justiça Criminal. No acumulado do 1º semestre, esse percentual sobe para 37,30%, que significa 850 vítimas previamente presas, indiciadas ou investigadas pelas polícias do Estado.

RELAÇÃO DOS MUNICÍPIOS ONDE NÃO ACONTECERAM HOMICÍDIOS NO PRIMEIRO SEMESTRE DO ANO:

Afogados da Ingazeira, Afrânio, Agrestina, Água Preta, Altinho, Belém de Maria, Betânia, Bezerros, Bodocó, Bom Conselho, Bom Jardim, Brejão, Brejinho, Buenos Aires, Caetés, Calçado, Calumbi, Camocim de São Félix, Camutanga, Carnaíba, Carnaubeira da Penha, Casinhas, Cedro, Chã Grande, Correntes, Cortês, Cumaru, Custódia, Dormentes, Exu, Fernando de Noronha, Ferreiros, Glória do Goitá, Granito, Iati, Ibimirim, Ibirajuba, Iguaraci, Inajá, Ingazeira, Itacuruba, Itapetim, Jataúba, João Alfredo, Joaquim Nabuco, Jucati, Jupi, Lagoa do Ouro, Lagoa dos Gatos, Macaparana, Machados, Manari, Maraial, Mirandiba, Moreilândia, Moreno, Nazaré da Mata, Orobó, Orocó, Palmeirina, Panelas, Paranatama, Passira, Pedra, Petrolândia, Pombos, Primavera, Quipapá, Quixaba, Riacho das Almas, Sairé, Salgadinho, Salgueiro, Sanharó, Santa Cruz, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Filomena, Santa Terezinha, São Benedito do Sul, São João, São Joaquim do Monte, São José da Coroa Grande, São José do Belmonte, São José do Egito, Serrita, Solidão, Tacaimbó, Tacaratu, Taquaritinga do Norte, Tracunhaém, Triunfo, Tupanatinga, Tuparetama, Venturosa, Verdejante, Vertente do Lério e Vicência.

IMG-20180715-WA0156
​O jornalista, locutor, ator Marcos Macena morreu aos 77 anos, em sua residência no bairro da Madalena, no Recife. Ele faleceu em consequência de insuficiência respiratória e problemas cardiológicos, que o acometiam há alguns anos. O corpo do artista foi sepultado no Cemitério de Santo Amaro. Macena era casado e tinha três filhos.
​Marcos Macena nasceu no distrito de Papagaio, em Pesqueira e ainda jovem, seguiu para o recife onde começou trabalhando em emissoras de radio. Dono de uma voz poderosa e uma dicção perfeita, destacou-se como apresentador. Gostava de atuar no teatro e participou da novela “Moça do sobrado grande”, produzida pela TV Jornal e que foi muito comentada e elogiada por ter sido a primeira transmitida ao vivo fora do eixo Rio-São Paulo.
​Trabalhou nas apresentações da Paixão de Cristo em Nova Jerusalém, em Fazenda Nova no período entre 1979 e 1996, atuando como Herodes, ao lado de grandes atores como José Pimentel e Carlos Reis. Também fez parte da Paixão de Cristo do Recife.
Na TV Globo, encenou diversas novelas como Rabo de Saia, em 1984, e a adaptação de Grande Sertão: Veredas, no ano seguinte.
​Macena era um grande admirador e divulgador da legítima cultura popular pernambucano e era grande amigo de Luiz Gonzaga e de outros grandes artistas. Durante algum tempo, chegou a trabalhar como empresário do Rei do baião.
​Foi professor de Comunicação e aposentou-se como jornalista.
​O apresentador Geraldo Freire, da Radio Jornal, disse que Marcos Macena era um profissional do mais alto nível além de ser um colega e amigo muitos prestativo e alegre, sempre disposto a contar e a ouvir uma piada ou história engraçada.
​O governador Paulo Câmara lamentou bastante a morte de Macena e adiantou que Pernambuco perdeu um extraordinário profissional e que os seus brilhantes trabalhos serão lembrados por muito tempo.

IMG-20180715-WA0154
O Programa Governo Presente de Ações Integradas para a Cidadania está completando sete anos. Ele foi institucionalizado pela lei nº 14.357, de 14 de julho de 2011, com o intuito de prevenir a violência e resgatar a cidadania da população mais vulnerável. O programa realizou ao longo dos anos mais de 1 milhão de atendimentos no Recife, Jaboatão dos Guararapes, Paulista, Caruaru (Agreste) e Petrolina (Sertão do São Francisco).
O Governo Presente foi consolidado como política estratégica do Governo do Estado e inserido no Plano Estadual de Segurança Pública, Pacto Pela Vida. Voltado à prevenção social da violência, a partir de intervenções ao exercício de cidadania das populações mais vulneráveis, o programa é coordenado pela Executiva de Articulação Social (Seart), vinculada a Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ).
Desde o início de 2018, o programa ampliou suas estratégias de atuação com os projetos Juventude Presente e Cidadão Conectado, para promover a cidadania e a inclusão social e baseado em demandas dos territórios atendidos. O programa é coordenado pela Executiva de Articulação Social (SEART), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ).

O secretário, Cloves Benevides, entende que a perspectiva do programa é acompanhar as mudanças e a partir das novas demandas se modernizar. “O programa acompanha as mudanças dos cenários, a partir do incremento de um risco maior sobre a juventude, o Governo decidiu inovar, a partir deste ano, com projetos que estão em curso, como o Juventude Presente e o Cidadão Conectado”.

INSCRIÇÕES – As inscrições do Juventude Presente estão abertas com 15 mil vagas em capacitação profissional, aos jovens de 15 a 29 anos, com atenção especial para o perfil delimitado no Índice de Vulnerabilidade Juvenil (IVJ) e Universos Prioritários, público-alvo do programa. A parceria firmada com os franquedos do Grupo Prepara Cursos e da Microlins tem o objetivo principal de promover inclusão social e acesso ao mercado de trabalho, oferecendo ao público-alvo cursos profissionalizantes em diversas áreas.

Para se inscrever basta estar em situação de vulnerabilidade social e residir nos 50 Territórios de atuação das Estações do GP, localizadas em quatro bairros do Recife (Afogados, Cajueiro, Ibura e Santo Amaro), Jaboatão dos Guararapes (Cajueiro Seco), Paulista (Maranguape I), Caruaru e Petrolina.

O Cidadão Conectado viabiliza a utilização da internet como ferramenta de desenvolvimento intelectual e lazer. As inscrições podem ser feitas nas Estações de Santo Amaro, no Recife, e em Paulista. Atualmente, dois pontos estão disponíveis com acesso ao wi-fi para pessoas cadastradas: na praça em Maranguape I, na Estação do GP, em Paulista, e na praça em frente à reitoria da Universidade de Pernambuco (UPE), no bairro de Santo Amaro, no Recife. O projeto é desenvolvido em conjunto entre a SDSCJ, a Secretaria de Administração (SAD) e a Agência Estadual de Tecnologia da Informação (ATI).

IMG-20180713-WA0046
​O governador Paulo Câmara (PSB) e a senador Gleisi Hoffman, presidente nacional do PT, reuniram-se hoje de manhã, no Palácio do Campo das Princesas, com o objetivo de encontrar uma solução para impasse entre os dois partidos na questão da sucessão do presidente Michel Temer (MDB). Depois de muita conversa, os dois líderes partidários informaram que as conversações vão continuar e que a decisão final passa pelo apoio aos pré-candidatos Lula (PT) ou Ciro Gomes (PDT).
​Paulo Câmara afirmou que, como já havia adiantado, vai continuar envidando todos os esforços para que a coligação entre os dois partidos seja formalizada. Adiantou que os dois partidos têm ideais bem parecidos e que já se coligaram em diversas ocasiões, embora o caso do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) tenha deixado o entendimento estremecido.
​O governador disse que já manifestou aos líderes de seu partido em diversas ocasiões, e que irá levar ao congresso nacional dos socialistas, sua proposta para que haja a aliança inclusive aqui em Pernambuco. “O PSB tem posições diversas em vários Estados e a solução final será encontrada de forma democrática, após as discussões de todas as proposições”.
Embora, não foi confirmado se o assunto foi discutido durante o encontro, existe a hipótese do senador Humberto Costa (PT) fazer parte da chapa majoritária da Frente Popular de Pernambuco encabeçada por Câmara.
​PT – A senadora Gleisi Hoffman veio ao Recife, para convencer os socialistas a apoiarem a candidatura de Lula, que acredita ainda ser possível, embora o ex-presidente continue preso por decisão do juiz federal Sérgio Moro e todos os pedidos de habeas corpus tenham sido negados. Ela admite a hipótese da retirada da pré-candidatura da vereadora do Recife Marília Arraes para os petistas pernambucanos apoiem a reeleição de Paulo Câmara.
​Ela reuniu-se com os dirigentes do diretório estadual do PT e, ao ouvir que eles querem a candidatura de Marília, ressaltou que a disposição continua mantida mas ressaltou que a prioridade é o retorno de Lula ao Palácio do Planalto. “Se o PSB aceitar nos apoiar, a questão nacional vai prevalecer e a candidatura de Marília deverá ser descartada”.

IMG-20180712-WA0108

O Sistema de Abastecimento de Água do Distrito de Pirituba em Vitória de Santo Antão foi autorizado na manhã desta quinta-feira (12/07), pelo Diretor-Presidente da Companhia Pernambucana de Saneamento – (COMPESA), Roberto Tavares.

A obra consiste na perfuração de poço tubular, instalação de estação elevatória, construção de unidade de desinfecção, implantação da rede de distribuição e ligações às residências com hidrômetros. Com a realização destes trabalhos, a população de Pirituba contará com o fornecimento de água tratada através de tubulações diretamente em suas residências.

IMG-20180712-WA0106

Serão investidos R$ 800.000,00 (Oitocentos mil reais) na implantação do sistema que beneficia cerca de 1,4 mil famílias (6 mil habitantes), e promete resolver a instabilidade no serviço de fornecimento de água para toda população local. Segundo o diretor presidente da COMPESA, Roberto Tavares, a expectativa é de entregar todo o sistema funcionando em seis meses.

IMG-20180712-WA0107

Para ser viabilizado, o referido projeto, o prefeito Aglailson contou com o apoio imprescindível do Governador do Estado de Pernambuco, Paulo Câmara, que atendeu prontamente um pedido pessoal do atual gestor municipal. “Hoje 12 de julho, é um dia muito feliz, parabenizo o brilhante trabalho de Paulo Câmara, principalmente por atender aos anseios da nossa população. Essa vitória que estamos conquistando é fruto também da parceria da nossa base, dos vereadores que estão comigo, empenhados por uma cidade cada vez melhor”, disse o prefeito.

IMG-20180712-WA0049Técnicos da Companhia Pernambucana de Saneamento (COMPESA) começaram a instalar as primeiras tubulações da Adutora do Alto Capibaribe, que vai trazer água do Rio São Francisco para nove municípios do Agreste Setentrional, como Santa Cruz do Capibaribe, Toritama e Vertentes. Os serviços de implantação de 15 mil metros de tubos serão iniciados à margem da PE-160, no município de Santa Cruz, seguindo a Jataúba e Taquaritinga do Norte, numa extensão de 5 mil metros. A água será captada na Paraíba.

O governador Paulo Câmara (PSB) enfatizou que essa obra é inédita no País. “Pela primeira vez, uma adutora captará água em um rio de outro estado para atender à uma dezena de municípios. A Adutora do Alto Capibaribe vai trazer para Pernambuco água do Rio Paraíba, próximo ao Açude Boqueirão, na cidade de Barra de São Miguel, na Paraíba”.

Por meio dessa engenharia, criada pelos técnicos do Governo do Estado, será possível fazer a “transposição da transposição” e acelerar a chegada da água do Rio São Francisco para cerca de 230 mil pernambucanos nas cidades de Santa Cruz do Capibaribe, Toritama, Jataúba, Taquaritinga do Norte, Vertentes, Frei Miguelinho, Santa Maria do Cambucá, Vertente do Lério e no distrito de São Domingos, em Brejo da Madre de Deus, além de atender ao município de Barra de São Miguel, na Paraíba.
“Essa obra vai beneficiar um importante polo de confecção de Pernambuco, concentrado nas cidades de Santa Cruz e Toritama”, ressaltou o governador.

Ele disse ainda que ps resultados estão sendo importantes para a população. “Com criatividade, compromisso e planejamento o nosso Governo tem dedicado atenção especial ao abastecimento de água para a populaç&a tilde;o pernambucana. A Adutora do Alto Capibaribe é um dos melhores exemplos desse trabalho incansável da nossa equipe técnica e da decisão política da gestão em enfrentar os obstáculos que surgem”.

O presidente da COMPESA, Roberto Tavares, informou que estão sendo investidos R$ 82 milhões com recursos oriundo do FGTS. “Dessas nove cidades, seis seriam beneficiadas com água da Transposição somente com a segunda etapa d a Adutora do Agreste, fase ainda não conveniada e sem previsão de início de obras. Por isso, o Governador Paulo Câmara solicitou a Compesa alternativa para antecipar a chegada da água para essa população, que sofreu com um período severo de sete anos de seca”. O prazo de conclusão do empreendimento é de 15 meses.

A obra consiste na implantação de uma adutora com 70 quilômetros de extensão e de três estações de bombeamento. O trecho mais longo da adutora terá 51 quilômetros e vai transportar 350 litros de água, por segundo, da captação, na Paraíba, até o município de Santa Cruz do Capibaribe – atendendo a cidade e o distrito de São Domingos, em Brejo da Madre de Deus. De lá, uma derivação da adutora segue até a Barragem de Poço Fundo, para abastecer a cidade de Jataúba.
Em Santa Cruz, a Adutora do Alto Capibaribe será interligada às tubulações da Adutora do Agreste para levar a água à ETA Toritama. No meio desse percurso, será implantado um trecho complementar (de cinco quilômetros) para abastecer Taquaritinga do Norte e o distrito de Pão de Açúcar. De Toritama, a água também seguirá pelo Sistema de Jucazinho, de forma invertida, para atender Vertentes, Santa Maria do Cambucá, Frei Miguelinho e Vertente do Lério.

IMG-20180712-WA0047A Prefeitura da Vitória de Santo Antão concluiu na tarde desta terça-feira (10/07), o serviço de troca de lâmpadas, reatores e luminárias no Bairro de Campinas. Nos últimos dias, equipes tem intensificado os trabalhos em vários bairros do município, garantindo a restruturação da iluminação no perímetro urbano e zona rural.

“A iluminação pública tem um papel muito importante na qualidade de vida, segurança e tranquilidade dos moradores. Estamos intensificando o trabalho das equipes para garantir a iluminação de todos os bairros”, garantiu o prefeito Aglailson

IMG-20180712-WA0048

IMG-20180712-WA0041A Prefeitura da Vitória de Santo Antão concluiu nesta semana, a revitalização do Galpão da Avenida Mariana Amália, também conhecida como a antiga Feira do Mangaio. A intervenção incluiu melhorias na iluminação do espaço, telhado, limpeza de meios fios, tapa buraco e rede de esgotamento.

As ações, contou com o incentivo do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura), que através do Projeto Viv’Artes – Vida e Artes nas Ruas, padronizou todos as barracas do galpão. Este projeto, também prevê a intervenção artística no Viaduto Dona Belinha Melo e a exposição das esculturas de Fernandes Rodrigues (Mestre do Barro), na Praça do Bairro Livramento.

IMG-20180711-WA0164

Visando melhores condições de acesso, conforto e comodidade para população vitoriense, a Prefeitura da Vitória de Santo Antão, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos está concluindo às obras de calçamento em dez ruas (7 mil metros quadrados de pavimentação), do Loteamento Santo Ivo.

O investimento para realização das obras é de R$ 866 mil reais, recurso destinado pelo Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento Municipal (FEM), solicitado através de uma emenda parlamentar do então prefeito Aglailson, quando ocupava uma vaga na Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco (Alepe), no ano de 2016.

Antes de receberem o calçamento, todas as ruas foram preparadas com obras de pavimentação completa, como escavação para preparação do terreno, nivelamento, compactação, assentamento dos meios fios, linha d’agua e galerias de águas pluviais. De acordo com o secretário de infraestrutura, Rogério Canejo, “todo este planejamento, garante que, durante o inverno, as águas da chuva sejam escoadas de forma correta, evitando transtornos, como alagamentos, e garantindo maior durabilidade a pavimentação”.

“Estamos investido na pavimentação de ruas, facilitando o deslocamento de moradores trafegabilidade dos motoristas. Isso garante mais qualidade de vida aos vitorienses, também garante um novo visual as comunidades e, consequentemente, a valorização dos imóveis”, garante o prefeito Aglailson.

Conclusão

Os trabalhos de pavimentação se estenderam para a rua José Augusto Soares no Bairro do Cajá, por trás da FAINTVISA (2.990 metros quadrados de pavimentação). Nesse trecho as obras foram concluídas, orçada em 259,131 mil reais, provenientes também de emenda parlamentar do atual prefeito Aglailson, quando era deputado estadual.

Blog Edmar Lyra

Fechar