Posts de Revista Total

IMG-20171117-WA0132

Novos equipamentos para as Polícias Militar, Civil e Científica foram anunciados pelo governador Paulo Câmara (PSB) para ampliação das ações contra o tráfico de drogas que, segundo as últimos levantamentos, é responsável pela absoluta maioria dos homicídios registrados em Pernambuco, nos últimos meses. O anúncio das medidas foi feito durante com prefeitos da Região Metropolitana, Agreste e Sertão, no Palácio do Campo das Princesas, no Recife.
O governador assinou os Projetos de Lei para a criação do 26º Batalhão da Polícia Militar (26º BPM), do 2º Batalhão Integrado Especializado de Policiamento (2º BIEsp) e da 11ª Companhia Independente da Polícia Militar (11ªCIPM).Também foram anunciados incrementos nos efetivos da PM dos municípios de Bonito e Afrânio, projetos para interiorização da Polícia Científica com a criação de novas delegacias para descentralização dos serviços e a criação de nove Delegacias de Repressão ao Narcotráfico (Denarc).

As medidas anunciadas integram o Plano de Segurança de Pernambuco e reforçam o compromisso do Governo do Estado no combate à violência e ao crime organizado, contemplando investimentos superiores a R$ 290 milhões para o setor.

IMG-20171117-WA0136

Paulo Câmara disse que o intuito dos projetos é ir de encontro com as políticas que vêm sendo tomadas em favor da segurança, desde o início de 2015. “Novas estruturas estão sendo criadas, como o batalhão que funcionará em Itapissuma. Ele vai dividir hoje os municípios que estão incluídos no batalhão de Paulista. Teremos agora os dois batalhões. Estamos criando também o 2º BIESP, em Petrolina, da mesma forma que já instalamos uma unidade em Caruaru”.
Ele anunciou a criação de batalhões especializados, tanto na Região Metropolitana do Recife, na Zona da Mata,  no Agreste e no Sertão. “Essas medidas com certeza, darão respostas importantes no combate à criminalidade. Estamos criando estruturas, como a CIPM de Lajedo e o reforço de outras companhias, porque nós queremos proteger e fazer com que o nosso cidadão tenha a certeza de que a polícia está trabalhando em seu favor, fazendo as prisões necessárias, as investigações e realizando as políticas de prevenção”.

IMG-20171117-WA0126
SERTÃO – Com a criação do 2º Batalhão Integrado Especializado (2º BIEsp) em Petrolina (o primeiro já está em funcionamento em Caruaru e foi inaugurado pelo governador Paulo Câmara na última terça-feira), é a vez do Sertão passar a contar com unidade especializada que antes só estavam presentes na Região Metropolitana do Recife. Integrarão o 2º BIEsp policiais do Batalhão de Choque, Radiopatrulha, Moto patrulhamento e Batalhão de Trânsito, o que proporcionará ao município a capacidade de fortalecer o combate a diversas modalidades de crimes na Região.
Além disso, essas unidades atuarão de forma preventiva como reforço do patrulhamento rural e de trânsito nas diversas rodovias estaduais que cortam os municípios sertanejos. Também terão papel importante nas ações de pronta resposta, contribuindo para desmobilizar quadrilhas de assaltos a carros-fortes e a instituições bancárias que atuam em cidades do Sertão do Estado.

NORTE – A criação do 26º Batalhão de Polícia Militar (26º BPM) ampliará as atividades de prevenção e combate aos crimes no Litoral Norte, englobando os municípios de Itapissuma, Igarassu, Itamaracá e Araçoiaba. Também ficarão sob a responsabilidade do 26º BPM quatro das sete unidades prisionais que atualmente funcionam na área de responsabilidade do 17º BPM. Essa nova divisão contribuirá para aprimorar o controle aos diversos crimes relacionados à comunidade carcerária.
A região do Litoral Norte, além de contar com comunidades mais isoladas, o que demanda a necessidade de fortalecer as patrulhas rurais, ainda passa por um processo único de aumento da população, devido ao incremento da planta industrial. Além desse fator, possui uma população flutuante que chega a triplicar em determinadas épocas do ano, devido ao seu potencial turístico.

AGRESTE – Na região Agreste, o policiamento ostensivo será fortalecido com a criação da 11ª Companhia Independente de Polícia Militar, que terá sede no município de Lajedo. A unidade ampliará as atividades de prevenção e combate ao crime na Microrregião de Garanhuns, provendo um policiamento mais eficaz nos municípios de Lajedo, Jupi, Jucati, Panelas, Jurema, Calçados, Ibirajuba e Canhotinho.
Com a criação da 11ª CIPM, a Área Integrada de Segurança 18 (AIS-18), hoje atendida exclusivamente pelo 9º BPM, receberá reforço no policiamento ostensivo. A criação da companhia acabará por repercutir de forma positiva na Área Integrada de Segurança 14 (AIS-14), cuja área de responsabilidade será reduzida. Haverá a migração de três municípios – Panelas, Ibirajuba e Jurema –, aumentando, assim, o poder de enfrentamento à criminalidade na região.

IMG-20171117-WA0135

O secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua, explicou que as ações estratégicas realizadas nas polícias será essencial para proporcionar uma segurança maior para a população do Estado. “Hoje estamos aqui reunidos para fechar a semana com esse grande anúncio que é tão importante, não só para nossas operativas, mas para o povo pernambucano. Interiorização da Polícia Científica, já reclamado há muito tempo pela população, a Polícia Civil, da mesma forma, montou sua estrutura de delegacias especializadas. Agora, teremos nove novas delegacias de repressão ao narcotráfico espalhadas pelo Estado. São ações concretas, ações reais de enfrentamento à violência”.
Para o secretário, “a sensação de segurança é uma demanda que a população de Pernambuco já pede há muito tempo, e é esse o nosso dever: trabalhar com muito compromisso e seriedade, para que todos se sintam seguros aqui em Pernambuco”.

Representando os prefeitos dos municípios beneficiados, Júnior Matuto (PSB), de Paulista) destacou que a liderança do governador Paulo Câmara tem possibilitado o crescimento contínuo de Pernambuco. “Precisamos pensar nos pernambucanos e pensar como um todo. Governador, o senhor com muita serenidade e com um combustível que é a sua humildade, conseguiu equilibrar as contas do Estado. Mais uma vez, o senhor vem mostrando o seu compromisso com o povo de Pernambuco e, em especial, com a Região Metropolitana. Fico muito feliz e quero agradecer mais uma vez. Em momentos de crise se não tiver inteligência, responsabilidade e perseverança, as coisas não darão certo”,.

O secretário de Planejamento e Gestão, Márcio Stefanni, que coordena o Pacto pela vida, lembrou que o Plano de Segurança Estadual tem apresentado  o efeito esperado para a diminuição da violência no Estado. “O nosso planejamento está em marcha, em mais um momento de entrega. No mês de maio estávamos aqui anunciando o plano de investimentos em nossas polícias e ele vem sendo concretizado com sucesso. Estamos investindo hoje nas três forças, na comissão militar, civil e científica. Ou seja, são ações de longo prazo, médio prazo e de curto prazo. Com mais polícias nas ruas, teremos mais sensação de segurança, que é isso o nosso povo pede. Com essas ações, certamente cairão – como já estão caindo –  os número de homicídios, porque o nosso pacto é pela segurança e pela vida”, apontou.

REFORÇO – Ainda no encontro, o governador Paulo Câmara anunciou o reforço do efetivo de duas unidades da Polícia Militar no Agreste (Bonito) e outra no Sertão do São Francisco (Afrânio). Com a conclusão da formação dos 1.322 PMs que atualmente estão na Academia, prevista para março de 2018, será possível ampliar a tropa do Pelotão da cidade de Bonito, subordinado ao 4º Batalhão (sediado em Caruaru), e da 3ª Companhia de Afrânio, vinculada ao 5º BPM (localizado em Petrolina).
Responsável pelo policiamento ostensivo de todo o município, recobrindo a zona rural e urbana, o pelotão de Bonito fica localizado às margens da PE-103, na entrada do município. A unidade realiza patrulhas motorizadas no território e conta ainda com o suporte da Ronda Ostensiva com Apoio de Motocicletas (Rocam).

Já a 3º Companhia, em Afrânio, é responsável pelo policiamento em Dormentes e no distrito de Rajada (Zona Rural de Petrolina), além do município que sedia o equipamento. Localizada no Centro de Afrânio, a unidade poderá reforçar a prevenção e repressão de crimes nas zonas rurais e urbanas desses municípios. A quantidade de PMs destacada para a 3º Companhia e para o Pelotão de Bonito será definida após um estudo técnico que está sendo realizado pela corporação.

POLÍCIA CIENTÍFICA –  Para descentralizar os serviços de Perícia Criminal, Medicina Legal e Identificação Criminal e Civil, da Polícia Científica, o governador  enviou à Assembleia Legislativa de Pernambuco, um Projeto de Lei que propõe a criação de seis novas unidades descentralizadas da Polícia Científica. Atualmente, existem três, no Recife, Caruaru e Petrolina.
A interiorização da corporação tornará possível os serviços de Perícia Criminal, Medicina Legal e Identificação Criminal e Civil  mais perto da população da Zona da Mata, do Agreste e do Sertão. Elas terão sede nos municípios de Palmares, Nazaré da Mata, Caruaru, Garanhuns, Afogados da Ingazeira, Arcoverde, Ouricuri, Petrolina, e Salgueiro. Todas contarão com profissionais do Instituto de Medicina Legal (IML), Instituto de Criminalística (IC) e Instituto de Identificação Tavares Buril (IITB).

O efetivo que atuará nas novas unidades será oriundo do último concurso público da Polícia Científica de Pernambuco, realizado em 2016. Serão 139 peritos criminais, 40 médicos legistas, 130 auxiliares de peritos, 73 auxiliares de legistas e 51 peritos papiloscopistas. Todos já estão participando do Curso de Formação da Polícia Científica, com término previsto para janeiro de 2018. A partir da interiorização das atividades da Polícia Científica, o Estado busca também reforçar o combate ao crime. Com maior celeridade nas perícias criminais e médico-legais, os inquéritos policiais serão otimizados, contribuindo para a redução da impunidade, especialmente em casos de Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLIs) e Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVPs).

GENÉTICA – O projeto de lei enviado à Alepe também determina a criação do Instituto de Genética Forense Eduardo Campos (IGFEC), subordinado à Gerência Geral de Polícia Científica, no âmbito daSDS. A unidade realizará as perícias criminais no âmbito da genética forense. Também está prevista, no projeto de lei, a criação da Diretoria Integrada de Polícia Científica, das Gerências de Polícia Científica do Interior 1 e 2 e da Coordenação de Ensino, Pesquisa e Gestão da Qualidade.

IMG-20171117-WA0124

TRÁFICO – No âmbito da Polícia Civil, o governador Paulo Câmara assinou um Projeto de Lei que propõe a criação de nove Delegacias de Repressão ao Narcotráfico (Denarc), espalhadas do Litoral ao Sertão. O texto, assim como os outros projetos, será encaminhado para votação na Assembleia Legislativa do Estado.  As delegacias especializadas no combate ao tráfico de entorpecentes fazem parte da estratégia de segurança adotada pelo Governo de Pernambuco para diminuir os números dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs). Mais da metade dos assassinatos registrados no Estado têm relação direta com a disputa de território na venda de drogas ou em consequência de dívidas pelo uso das substâncias. Cada delegacia terá um delegado titular, um adjunto, um escrivão e três agentes. Pernambuco já conta com três delegacias do Denarc que atuam na capital e Região Metropolitana do Recife. Com a implantação das outras nove, o Estado passará a ter 12 Delegacias Especializadas no Combate ao Narcotráfico.

Os municípios beneficiados com as novas sedes do Denarc serão Cabo de Santo Agostinho, Goiana, na Mata Norte, Vitória de Santo Antão, Caruaru e Garanhuns, Arcoverde, Serra Talhada, Ouricuri e Petrolina. A previsão é que as delegacias entrem em funcionamento ainda no primeiro trimestre de 2018, com a chegada do novo efetivo da Polícia Civil, que está em formação na Academia de Polícia do Estado (Acadepol). Com a exceção de Caruaru, que está em operação desde setembro.

Estiveram presentes os prefeitos Gustavo Adolfo (Bonito), Madalena Britto (Arcoverde), Josimara Yotsuya (Dormentes), Tato (Ilha de Itamaracá), Rafael Cavalcanti (Afrânio), Joami (Araçoiaba), Marcílio (Cabrobó), Zé de Irmã Teca (Itapissuma), Marivaldo Andrade (Jaqueira), Agnaldo Inácio (Jurema), Altair Junior (Palmares), Júnior Matuto (Paulista), Eudo Magalhães (Xexéu) e Miguel Coelho (Petrolina), o deputado federal André de Paula, os deputados estaduais Isaltino Nascimento, Laura Gomes, Lucas Ramos, Waldemar Borges, Aluísio Lessa, Clodoaldo Magalhães, Eduíno Brito, Romário Dias e Diogo Morais, a gerente geral de Polícia Científica, Sandra Santos, o comandante geral da PMPE, coronel Vanildo Maranhão, o chefe da Polícia Civil, Joselito Amaral, os secretários estaduais Márcio Stefanni (Planejamento e Gestão), Antônio de Pádua (Defesa Social), Nilton Mota (Casa Civil), Alexandre Valença (Micro e Pequena Empresa, Trabalho e Qualificação), Antônio Figueira (Assessoria Especial) e João Campos (Chefia de Gabinete).

Fotos: Hélia Scheppa/SEI

IMG-20171116-WA0109

O policiamento ostensivo e preventivo nas cidades de Garanhuns e Nazaré da Mata, realizado pela Polícia Militar, está sendo ampliado. No Agreste Meridional, 40 PMs foram incorporados ao 9º Batalhão, sediado em Garanhuns, e na Zona da Mata Norte, outros 40 policiais militares irão trabalhar no 2º BPM, sediado em Nazaré da Mata.
Após oficializar o incremento de novos 40 homens no 9º BPM, o governador Paulo Câmara (PSB) seguiu para o município de Nazaré da Mata, na Zona da Mata Norte, para também apresentar oficialmente o novo efetivo que irá compor o 2º BPM. Serão 40 PMs, atuando no fortalecimento da corporação da Área Integrada de Segurança 11 (AIS 11), que compõe outros 13 municípios da região. Além desse grupo, mais 30 policiais chegarão à região no mês de dezembro, totalizando um incremento de 70 soldados na corporação local.
O governador disse que o objetivo é expandir o policiamento ostensivo em todas as regiões do Estado.“Estamos percorrendo o Estado para ver exatamente a forma que os novos policiais militares da corporação estão sendo distribuídos no Estado. Nós queremos que isso seja feito de maneira célere, porque eles têm um dever e uma responsabilidade muito grande de ajudar a diminuir os índices de criminalidade em Pernambuco”.
Adiantou que o reforço do efetivo vai diminuir os índices de criminalidade. “A gente tem certeza que todo esse esforço com aumento de efetivo, ampliação da frota e todo o conjunto do Plano de Segurança vai fazer com que os números da violência em Pernambuco caiam e a gente possa realmente melhorar e garantir o ir e vir das pessoas com mais tranquilidade”.
Segundo o secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua, um novo reforço de efetivo chegará à Mata Norte até o final do ano. “Essa é apenas a primeira entrega. Ainda em dezembro, virão mais 30 policiais, oriundos da última formação, para agregar e reforçar o trabalhado aqui do 2° BPM. E em 2018, vamos poder contar com mais 1.300 homens e mulheres, que já estão na academia, para garantir a ampliação do policiamento ostensivo nas ruas das nossas cidades. Então, são compromissos que o governador firmou com a população e está tornando realidade”.

IMG-20171116-WA0110

O comandante geral da PMPE, coronel Vanildo Maranhão, enfatizou que todo o trabalho de enfrentamento à violência conta com o apoio da população pernambucana. “A caminhada é longa. Nós sabemos que os desafios são grandes, mas a Polícia Militar de Pernambuco está lado a lado com a sociedade pernambucana para que possamos combater, juntos, a criminalidade e retomar os baixos índices do Pacto Pela Vida que estão previstos dentro desse exitoso Plano de Segurança”, disse.

Para o prefeito de Nazaré,Nino, a ação é resultado de um trabalho bem planejado e que dialoga com os anseios de cada cidade. “É um projeto que atende não só ao nosso município, mas a região da Mata Norte. E eu não tenho dúvida nenhuma de que realmente vai ajudar muito na segurança. A nossa população vai passar a viver mais tranquilamente, ter uma segurança melhor e acreditar mais na segurança pública. Isso a gente só tem a agradecer a toda a equipe do governo, especialmente ao nosso governador”, declarou o prefeito Nino.

Participaram do ato também o secretário executivo da Casa Civil, Marcelo Canuto; os deputados estaduais Henrique Queiroz e Aluísio Lessa; a presidente da Câmara Municipal de Nazaré da Mata, Maristela Maribel; os prefeitos,  Judite Botafogo (Lagoa do Carmo), Fabinho Queiroz (Buenos Aires), Maviael Cavalcanti (Macaparana), Ulisses (Timbaúba), Graça do Monhinho (Lagoa de Itaenga), Marcello Gouveia (Paudalho) e Flavio Regis (São Vicente Férrer). Estiveram presentes também o comandante do 2º Batalhão da PM, tenente-coronel Evangelista; e o coronel Reinaldo Mesquita (GCOE, diretoria interior-I).

Fotos: Aluísio Moreira/SEI

IMG-20171114-WA0169

 Eleito em 2016, Meira enxerga nas políticas públicas e no diálogo com as diversas camadas da sociedade um meio correto e eficiente para impulsionar o crescimento da cidade.

“Eu venho de uma política de conscientização de massa. Desde cedo eu discuto políticas públicas com muita seriedade, com todos os segmentos. Estamos em uma gestão muito exitosa porque trabalhamos um conjunto de ações, não apenas uma vertente”, afirma Meira. O prefeito, desde o berço, afirma ter adquirido conhecimentos decorrentes do convívio com Miguel Arraes de Alencar, ex-governador de Pernambuco.

O pulso firme e domínio de sua gestão são justificados pela segurança em administrar e pela facilidade para atrair investimentos. Apesar da crise instalada no Brasil e em Pernambuco, Meira não encontra dificuldades para dialogar e para articular ações benéficas ao seu município. Meira também executa sua gestão dentro dos limites estabelecidos pela Lei de Responsabilidade Fiscal. “As nossas finanças estão controladas, não devemos nada a ninguém. Há muita rigidez da minha parte em relação à obrigação fiscal, e o resultado de estar bem é já ter pago metade do 13º salário dos servidores, com a certeza de pagar a segunda parte ainda esse ano”.

A extinção de 5 secretarias aconteceu para diminuir os gastos e aumentar os investimentos em obras sociais. “Foram 59 unidades de saúde reformadas em 120 dias de gestão. Reformamos todas as escolas; abrimos 15 quilômetros de canais. Recentemente, entregamos a nossa população a Estrada dos Macacos, aliviando o trânsito na (avenida) Belmiro Correia. Estamos fazendo a primeira rotunda da Estrada de Aldeia e faremos uma na Vila da Fábrica, próxima ao Camará Shopping. Além disso, no dia 7 de novembro, reabrimos a Maternidade Amiga da Família, já completamente reformada, possibilitando o nascimento de novos camaragibense”, destaca.

IMG-20171114-WA0170

APOIO

O prefeito, hoje, conta com o apoio e a participação ativa de importantes nomes do legislativo pernambucano: o deputado estadual Aloísio Lessa (PSB), e os deputados federais Kaio Maniçoba (PMDB) e Marinaldo Rosendo (PSB). O trio vem desempenhando papel importante para a cidade, liberando emendas e viabilizando projetos que o prefeito considera de enorme importância. “Colocamos Camaragibe na rota do turismo graças ao diálogo viabilizado pelos nossos deputados”, comemora Meira.

Além disso, o prefeito conquistou 30 milhões de reais para a realização de seu maior projeto, a Estrada Parque de Aldeia – que implantará vias especiais para pedestres e circulação de animais em toda extensão da PE-027. “Destravamos a emenda de bancada com Rosendo, Maniçoba e Eduardo da Fonte (PR). Com isso, a Estrada de Aldeia ganhará um recuo de 15 metros em cada margem da pista, melhorando o trânsito de pessoas, de automóveis e animais. Seremos um espelho para a Região Metropolitana do Recife”, explica o prefeito, que também conta com o interesse da participação do governador Paulo Câmara (PSB) no projeto.

TRANSPARÊNCIA

Meira zela pela retidão na condução de sua gestão. O corpo técnico escolhido por ele para assumir as secretariais municipais é de fundamental importância já que “uma gestão pública sem esse trato não consegue andar”, declarou o prefeito.

Quando se trata dos processos licitatórios da Prefeitura de Camaragibe, o prefeito é rígido. “Não permito que nenhum secretário participe das licitações, para que ela aconteça de uma forma transparente, legal. Inclusive, convido e faço questão que o Ministério Público esteja presente”, expressa.

Ao todo já foram 129 licitações feitas na legalidade e nos padrões legais estabelecidos. Uma delas com atenção especial: a da merenda escolar. “Quanto às nossas crianças, sou muito duro. Nós temos que zelar por nosso bem maior, que é a Educação”.

IMG-20171114-WA0168

MERCADO PÚBLICO

Quando questionado sobre as obras do Mercado Público de Camaragibe, Meira não hesita. As falhas cometidas pela antiga gestão na prestação de contas prejudicam a finalização do projeto. “Agora, 400 mil reais foram devolvidos ao Estado, isso fará com que o governador possa destravar e fazer um novo convênio com a Prefeitura de Camaragibe. Só assim receberemos os 4,4 milhões para aplicar na obra, feito esse que agradeço ao deputado Aloísio Lessa”, detalha.

FUTURO

Fruto de um sonho, Meira acredita que os 12 anos que percorreu até a vitória, em 2016, o capacita a ser um bom gestor. “Eu não sou prefeito, eu estou prefeito. Enquanto estiver nessa condição, quero fazer o melhor para o meu povo. Eu me sinto abençoado pela nossa gestão. Talvez ela não reflita, por enquanto, o benefício que está trazendo para Camaragibe, mas adiante a população em peso estará sentindo e vivendo a reforma que o município está passando”, ressalta.

Para 2018, Meira adianta: “Abriremos concurso para Guarda Civil Municipal e calçaremos 138 ruas”, deixando claro que seu trabalho em tornar Camaragibe um canteiro de obras está apenas começando.

fachadaimg1271-crop

            A Revista TOTAL vai promover no próximo dia 4 de janeiro, a sua tradicional e aguardada solenidade de entrega dos troféus e diplomas “Destaque TOTAL 2017”. A equipe de produção já iniciou a escolha dos homenageados e o prefeito Demóstenes Meira, de Camaragibe, já foi apontado como o Destaque do Ano, tendo sido levado em consideração, sua excelente gestão à frente da Prefeitura Municipal.

            Além da escolha de Meira, estão sendo avaliadas as gestões dos demais administradores municipais para serem apontados os dez melhores gestores de primeiro mandato e os que foram reeleitos. Marcelo Mesquita explicou que o trabalho é difícil uma vez que é necessário fazer o levantamento dos serviços concretizados e os projetos encaminhados.

            Também serão apontados os cinco deputados federais e estaduais mais atuantes e que mais se destacaram na defesa dos interesses do povo pernambucano.

            Em outro segmento, serão apontados os empresários, profissionais liberais e artistas que mais se destacaram em suas áreas de atuação. Segundo Mesquita, é uma forma da TOTAL parabenizar os escolhidos, reconhecendo os excelentes serviços prestados à população de nosso Estado, durante todo o ano.

            Como convidados especiais, participarão das homenagens os jornalistas Domingos Meirelles, presidente da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), e Múcio Aguiar, presidente da Associação de Imprensa de Pernambuco (AIP).

            A festa acontecerá no dia 4 de janeiro (Quinta-feira), às 20 horas, no Restaurante Spettus, no Derby, Recife.

 

WhatsApp Image 2017-11-14 at 16.14.43 Foi realizada no Centro de Convenções, em Olinda, a aula inaugural do Curso de Formação e Habilitação de Praças Bombeiros Militares, no qual estão matriculados 300 homens e mulheres, os quais iniciarão o trabalho efetivo no próximo ano, nas diversas unidades do Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco. A solenidade foi presidida pelo governador Paulo Câmara (PSB), que ressaltou a importância da preparação e o trabalho que irão realizar.
Paulo Câmara fez questão de destacar a importância da ação dos futuros servidores no atendimento de ocorrências e no salvamento de vidas. “Tenho certeza que esses novos alunos vão se integrar a uma corporação séria, que vai nos ajudar muito a ser um Estado mais igual, justo, e, acima de tudo, um Estado onde os Bombeiros Militares vão estar sempre prontos para atender à população sempre que chamados, preservando a vida, o próximo, e, principalmente, a cidadania e a qualidade de vida das pessoas”.

A nobreza da função e a qualidade do Curso de Formação também foram frisadas pelo governador. “Essa formação vai mostrar valores importantes, que vão marcar as vidas dos alunos. Valores que, acima de tudo, vão representar o que é tão importante, que é servir ao público. Nunca, em nenhum momento, podemos desviar desse foco, dessa trajetória e desse caminho, de servir e se dedicar. Pernambuco é um povo muito grato, um povo que reconhece trabalho, as pessoas e as corporações”.
O comandante geral do CBMPE, coronel Manoel Cunha, falou dos desafios que os alunos enfrentarão no curso e da responsabilidade que a profissão exige. “Hoje, recebemos aqui 300 jovens para a última e mais difícil etapa da seleção, que é a formação profissional. Será um período de provações, sacrifícios físicos e psicológicos, testando os limites máximos de cada um em busca da perfeição no desempenho dos procedimentos e protocolos técnicos inerentes às atividades da corporação. No início dessa caminhada, o maior e melhor sentimento que cultivaremos em nossa formação como bombeiro militar, é o lema do nosso hino: ‘Vida alheia e riquezas salvar’. Pernambuco há de ser grande, e cabe a cada um de vocês uma parcela dessa responsabilidade a partir de agora”.

CURSO – Esta é a primeira turma que será formada na gestão Paulo Câmara. No entanto, desde 2007, ainda na gestão de Eduardo Campos, o Governo do Estado dá indícios do seu alinhamento com as políticas de segurança pública do Estado. Em relação ao Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco, em dez anos, são mais de 1.550 soldados formados pelo do Curso de Formação e Habilitação de Praças Bombeiro Militar.
Com previsão de término para maio de 2018, o curso terá 1.184 horas/aula e duração de seis meses. As aulas ocorrerão, em sua maioria, na Academia de Bombeiros Militar dos Guararapes (ABMG), no bairro do Curado. Os alunos também terão treinamento em locais de piscina, mar, edificações elevadas, entre outros cenários que se assemelham às diversas áreas de atuações que os bombeiros militares enfrentam no dia a dia. Dentre aulas teóricas e de práticas operacionais, o curso contemplará 50 disciplinas.

Durante as aulas, os soldados aprenderão noções de formação militar; gestão de segurança pública; violência, crime e controle social; direitos humanos; conhecimentos jurídicos; gestão de conflitos; valorização profissional; comunicação e tecnologia da informação; cultura e cidadania; salvamento aquático, terrestre e em alturas; atendimento pré-hospitalar; combate a incêndio; vistoria técnica; entre outros. Durante os seis meses do curso, os alunos receberão uma bolsa no valor de R$ 996,00 reais.

WhatsApp Image 2017-11-14 at 16.14.56
Fotos: Hélia Scheppa/SEI

n_igreja-em-vitoria-de-santo-antao-fotorevistafragmentos
O município de Vitória de Santo Antão vai sediar a capacitação do Sistema de informação para Infância e Adolescência/Sistema Nacional de Atendimento Socioeducativo  (SIPIA/SINASE). O evento

, que segue as diretrizes do Governo Paulo Câmara,

será realizadono

próximo dia 17 de novembro, das 8:30 às 16:30 horas, na Faculdades Integradas de Vitória de Santo Antão (FAINTVISA), no bairro do Cajá.

O secretário Roberto Franca explicou que uma das finalidades

da capacitação é treinar operadores no sentido de cumprir o objetivo do SIPIA/SINASE, que é a proteção e promoção dos direitos de adolescentes que estão cumprindo medida socioeducativa, com base, sobretudo, no Estatuto da Criança e do Adolescente.

Estarão presentes profissionais dos municípios de Vitória de Santo Antão, Tamandaré, Escada, Gameleira, Água Preta, Xexéu, São José da Coroa Grande, Belém de Maria, Jaqueira, Catende, Ribeirão, Pombos, Barreiros, Moreno, Aliança, Lagoa do Carro, Itambé, Vicência, Chã de Alegria e Chã Grande.

A

coordenação é da Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ), através da Secretaria Executiva de Políticas para Criança e Juventude

, comandada por João Suassuna, e da Gerência Geral do Sistema Socioeducativo

, dirigida por Suelly Cysneiros.

 

Texto: Paulo Salgado

WhatsApp Image 2017-11-14 at 16.20.08

Os cerca de 70 mil moradores de Riacho das Almas, Passira, Cumaru e Salgadinho, no Agreste, voltarão a ter água nas torneiras até o final deste ano. O retorno do abastecimento nas quatro cidades, só foi possível graças a decisão do governador Paulo Câmara (PSB), quando inaugurou o Sistema de Abastecimento Pirangi.
Na ocasião, ele determinou que fossem realizadas duas obras importantes que estão sendo executadas, simultaneamente e em ritmo emergencial, com investimentos na ordem de R$ 3,4 milhões, por meio da Compesa. O sentido original do Sistema Jucázinho está sendo invertido para levar água do Sistema Prata/Pirangi até essas cidades. Antes, o caminho da água na adutora iniciava em Cumaru e seguia até a Estação de Tratamento de Água (ETA) Salgado, em Caruaru.

As quatro cidades estão sendo atendidas exclusivamente por meio de carros-pipa desde o colapso da Barragem de Jucázinho, consequência de seis anos consecutivos de seca.
CAPACIDADE – Para que essa intervenção tenha sucesso, a Compesa também está aumentando a capacidade de transporte do Sistema Prata/Pirangi com a ampliação das estações elevatórias que bombeiam a água. Haverá um aumento da capacidade de transporte do sistema de 750 litros, por segundo, para 950 L/s, por meio da substituição dos motores e bombas das estações elevatórias.

O presidente da Compesa, Roberto Tavares, disse que estas obras estão sendo executados com recursos próprios da empresa, cerca de R$ 2,6 milhões. “Estamos com intervenções nas três elevatórias de água bruta do Sistema Prata/Pirangi. Com a instalação de conjuntos motor-bomba mais potentes, atingiremos nosso objetivo”.

Para a obra de inversão do fluxo da adutora de Jucázinho é aplicado um valor adicional de R$ 800 mil. “O governador Paulo Câmara nos pediu uma solução para atender esses municípios e caímos em campo. Como Jucázinho continua em colapso e investimos na adutora do Prata/Pirangi, vamos levar essa água para socorrer a população. Estamos exatamente na fase de implantação de tubos para fazer a interligação na adutora de Jucázinho e construindo uma nova estação de bombeamento para permitir que a água chegue até o destino final”, explicou Roberto Tavares.

A Barragem de Jucázinho, em colapso desde setembro do ano passado, fica localizada no município de Surubim. O manancial, que tem a capacidade de acumular 327 milhões de metros cúbicos de água, enfrenta o seu pior cenário, desde o início da operação da barragem pela Compesa, no ano de 2000. Em condições normais, a Barragem de Jucázinho atende uma população de 800 mil pessoas em 15 municípios do Agreste.

WhatsApp Image 2017-11-14 at 17.19.50 (1)Paulo Câmara : O combate à criminalidade não vai parar. Inauguramos agora mesmo a unidade do Batalhão Integrado Especializado de Policiamento (BIESP) em Caruaru! O BIESP irá reforçar a segurança de Caruaru e do Agreste pernambucano. A partir de agora, o policiamento ostensivo na região contemplará o reforço de efetivos das Rondas Ostensivas com o Apoio de Motocicletas (Rocam), Radiopatrulha, BPChoque, CIPCães e Policiamento de Trânsito. A entrega do BIESP faz parte dos investimentos do Plano de Segurança de Pernambuco.

 

 

 

 

 

 

 

O governador Paulo Câmara (PSB) disse que até agora, os técnicos do Governo do Estado não detectaram qualquer caso de irregularidade ou superfaturamento nos documentos das compras ocorridas durante as operações Reconstrução, nos anos de 2010 e 2011, e Prontidão, nos meses de maio e junho, passados. “Até agora, não encontramos qualquer prova. Estamos esperando essas provas”, acentuou.

Segundo ele, o Governo do Estado tem todo o interesse em investigar as suposições de ilegalidades informadas pelos responsáveis pela “Operação Torrentes” da Polícia Federal, e garantiu que todos os casos em que forem comprovadas as práticas delituosas, os responsáveis serão devidamente punidos. “Nossa administração é transparente e vamos continuar mantendo a mesma disposição”.

Para o governador, as operações realizadas com o objetivo de minimizar os problemas das populações de cerca de trinta municípios atingidos pelas enchentes do Rio Una e seus afluentes, tiveram a participação de centenas de servidores públicos que durante mais de um mês, se esforçaram para encontrar as soluções.

Paulo Câmara fez questão de relacionar as importantes obras executadas naquelas cidades atingidas, como a reconstrução de cinco hospitais, entre eles o Regional de Palmares, que ficou totalmente destruído, a construção de mais de 12 mil residências em locais seguros, reconstrução de 71 pontes, refazendo as ligações entre locais que estavam ilhados e ainda a dragagem do Rio Una.

O gestor lembrou ainda a construção da Barragem Serro Azul, que teve seu projeto ampliado pela Compesa com o objetivo de fornecer água para os moradores de diversas cidades da Zona da Mata Sul e Agreste. Sobre as quatro outras barragens, não concluídas, disse que os recursos não foram liberados pelo Governo Federal e que os projetos não acatados, estão sendo refeitos.

“Nossa administração está tranquila em relação ao que foi feito. Temos certeza que fizemos o máximo que podemos, recuperando as condições de mobilidade das dezenas de cidades atingidas e também o deslocamento das pessoas nas áreas rurais. Vamos aguardar as provas e caso haja irregularidades, vamos averiguar e punir”, garantiu Paulo Câmara.

palacio-do-campo-dasA ação da Polícia Federal durante a “Operação Torrentes” está sendo considerada como sem propósito e com um elevado grau de periculosidade, a qual poderia ter terminado com uma catástrofe sem limites, caso algum policial militar de serviço na ocasião, entendesse que os “invasores” do Palácio do Campo das Princesas fossem bandidos com vestes da PF.

Alguns oficiais da Polícia Militar de Pernambuco e delegados da Polícia Civil, com quem conversamos nesse final de semana, disseram que a operação poderia ter terminado com a morte e ferimentos em diversos policiais e também em pessoas inocentes que estivessem passando pelo local no momento do tiroteio. Todos fizeram questão de pedir para não serem identificados, mas apontaram hipóteses com profundo sentido.

Os policiais foram unânimes em analisar a questão por um aspecto que ainda não foi abordado pela Imprensa. O Blog Revista TOTAL está tocando nesse assunto pela primeira vez, uma vez que o achamos plenamente viável e correto, o entendimento dos policiais militares e civis com quem analisamos a questão.

As informações indicam que em torno de vinte federais estiveram cercando o Palácio do Campo das Princesas, com o intuito de apreender documentos no prédio da Casa Militar, junto ao gabinete do governador. Do outro lado, aproximadamente 50 PMs estavam de serviço nos diversos setores dos dois prédios.

“Se em algum momento da operação, um oficial, um sargento ou mesmo um soldado de serviço em uma das guaritas, gritasse que o Palácio estava sendo invadido e pedisse o apoio dos demais? O que poderia ter acontecido”?

São perguntas coerentes feitas por profissionais especializados na área da Segurança Pública e que o Blog Revista TOTAL faz questão de repassar para os seus leitores por entender que o polêmico assunto ainda será analisado por inúmeros ângulos.

Por Marcelo Mesquita

Fechar