Posts de Revista Total

 

IMG-20180727-WA0015

No começo desta semana, já se perguntava por aqui no Recife qual seria o plano B do PDT de Ciro Gomes, no que toca a Pernambuco.

De acordo com fontes dos bastidores políticos, o PDT de Ciro Gomes teria perdido a paciência com o PSB do governador Paulo Câmara e pretende abandonar a aliança com o socialista e correr para os braços da petista Marília Arraes, que busca uma candidatura própria ao governo do Estado com o PT.

O presidente do PDT nacional, Carlos Lupi, teria chamado o deputado federal Wolney Queiroz e seu pai, José Queiroz, ex-prefeito de Caruaru, para dar uma orientação no sentido de que deviam desapegar-se da secretaria e cuidar da campanha de Ciro Gomes. “Eles esperavam um apoio de Paulo Câmara que não veio”, observa uma fonte da área política.

Curiosamente, quem pode se beneficiar do insucesso nas negociações é a vereadora Marília Arraes, do PT.

No acordo, Marília Arraes poderia oferecer a vaga de vice ao PDT, com José Queiroz, ou mesmo indicar o ex-prefeito para o Senado, caso o petista Humberto Costa não aceite a composição. “Marília Arraes vai esticar até o último momento, esperar por Humberto Costa até o último momento”, diz correligionário.
Neste cenário, o ex-prefeito de Caruaru teria chances reais de ser o senador ou o vice-governador na chapa da petista Marília Arraes.

Para que este cenário se desenhe, de acordo com essas especulações, o governador Paulo Câmara tgerá que fazer uma escolha de Sofia, escolhendo entre o PT e o PDT.

Quase acordo com Ciro Gomes

Há cerca de um mês, o presidenciável do PDT esteve no Recife para encontrar o governador Paulo Câmara, no Campo das Princesas, e teria selado um acordo. Por este negociação, o PSB iria entregar o tempo de TV a Ciro. Os cearenses chegaram a comemorar, pois se efetivado o acordo o PSB tiraria Ciro Gomes do isolamento.

Ocorre que Paulo Câmara, com seus aliados, teriam decidido dar um traço em Ciro Gomes e Lupi, irritando o comando nacional do PDT.

Foi nesta hora que o presidente do PDT Carlos Lupi teria feito a ameaça.

“Se o PSB não coligar nacionalmente, o PDT não vai marchar com Paulo Câmara. Vai dar apoio a Marília Arraes”, teria dito, junto a interlocutores da Executiva Nacional.

A questão não passaria apenas pela acomodação de José Queiroz, cujo grupo ficou sem a prefeitura de Caruaru.

“Paulo Câmara pode dar o Senado ou a vice a José Queiroz ou Wolney, mas se não coligar com o PDT não terá aliança”.

Sem esta mesma exigência, poderia sobrar uma das vagas de Senado para José Queiroz com Marília Arraes.

 

Fonte Blog do Jamildo

IMG-20180727-WA0014

A Prefeitura da Vitória de Santo Antão irá inaugurar na próxima sexta-feira, dia 03 de agosto, data que marca a histórica Batalha das Tabocas, o Letreiro do município na Praça Dom Luiz de Brito – Matriz, a partir das 19h. Além do monumento, haverá uma programação ao longo do dia, que será divulgada brevemente nas páginas oficiais.

Durante toda a manhã e tarde do feriado, contaremos com programação cultural e religiosa. A noite também teremos apresentações artísticas.

IMG-20180727-WA0013

O Governo de Pernambuco, através da PERPART, contemplou cerca de 1200 pessoas, com a entrega de 235 escrituras de propriedade no município de Jataúba, no Agreste do Estado. A ação foi executada pelo Programa Meu Imóvel Legal, implantado pela PERPART e é resultado de um convênio de cooperação técnica com a Prefeitura Municipal, o cartório de imóveis e Associação dos Moradores. A entrega da documentação ocorreu na Escola Municipal Antônio Vieira de Melo, no Centro.

Para o governador Paulo Câmara (PSB), o Programa Meu Imóvel Legal (PMIL) realiza um trabalho de muita relevância, pois tem o objetivo de transferir a propriedade definitiva do terreno, com o registro no Cartório de Imóveis, àqueles que comprovarem a posse de fato e utilizarem o terreno para fins de moradia.

A entrega da escritura é o resultado de um planejamento que inclui, dentre outras atividades, delimitação das áreas, levantamento topográfico, reuniões comunitárias, registro de títulos no cartório de imóveis, análises jurídicas e aprovação do projeto na Prefeitura. Ao final do processo, o cidadão recebe a escritura definitiva, documento que garante a propriedade da área a famílias que residem no local. Trata-se de uma regularização fundiária jurídico-dominial de interesse social, capaz de garantir todos os benefícios sociais e legais atinentes à propriedade definitiva do imóvel.

As escrituras definitivas asseguram direitos e benefícios ao cidadão. O morador torna-se dono do imóvel, evitando o risco de despejo ou especulação imobiliária, além de ter garantido o acesso a financiamentos e linhas de crédito. Desde o surgimento do Meu Imóvel Legal já foram entregues 10.182 escrituras definitivas, contemplando mais de 50 mil cidadãos. O Programa contabiliza ainda a regularização de mais de 20 mil unidades imobiliárias.

A PERPART atende os mutuários remanescentes da Companhia de Habitação Popular de Pernambuco (Cohab-PE) e do Serviço Social Agamenon Magalhães (SSAM), no sentido de promover a legalização de imóveis e a entrega de escrituras desses bens, hoje sob responsabilidade da empresa.
O órgão atua simultaneamente, desde 2013, em diversas áreas, localizadas no Recife, além de comunidades nos municípios de Abreu e Lima, Afogados da Ingazeira, Arcoverde, Bodocó, Cabo de Santo Agostinho, Carpina, Caruaru, Garanhuns, Gravatá, Itapissuma, Jaboatão dos Guararapes, Jataúba, Olinda, Limoeiro, Palmares, Paulista, Petrolina, Salgueiro, São Lourenço, Tamandaré e Vitória de Santo Antão.

A Pernambuco Participações e Investimentos S/A é uma empresa estadual sob governança da Secretaria de Administração do Estado (SAD) e tem por missão participar de reformas estruturadoras da administração pública, racionalizando a recuperação de direitos e a honra de obrigações, e atuar na aplicação de investimentos de interesse público no Estado de Pernambuco.

IMG-20180727-WA0012

Bastante conhecida pela população barreirense devido os serviços prestados na região, a deputada Simone Santana reiterou o seu empenho pelo município. “Voltamos a Barreiros neste bonito evento para reiterar meu compromisso com o povo desta cidade. Hoje, na companhia do governador Paulo Câmara e de João Campos, fizemos um bonito encontro com as lideranças do município, com quem estamos sempre juntos, em um diálogo propositivo e focado no desenvolvimento da cidade”, disse.

Em um discurso que exaltou as ações dos Governos do ex-governador Eduardo Campos (in memorian) do governador Paulo Câmara, o pré-candidato a deputado federal João Campos aproveitou o momento para tecer duras críticas à oposição. “Como seria nosso estado sem UPA; sem os 3 hospitais na Região Metropolitana do Recife, sem hospital em Barreiros. Demorou um tempo longo pra construir. A gente não pode colocar isso em risco. Pra quem agora quer falar grosso, que estava no governo Temer, deixando ministério pra votar a favor da Reforma Trabalhista e contra a investigação de temer. Isso tá errado“, alfinetou João Campos.

M

Por sua vez, o governador exaltou a parceria que tem no município de Barreiros e demonstrou otimismo com a vitória nas eleições de “Gostaria de agradecer a oportunidade e a parceria com a cidade de Barreiros. A gente tem muita responsabilidade e a gente olha para o futuro buscando melhorar a vida das pessoas. Com esse time vamos vencer. Nós temos que ser leais e eu continuo leal com o ex-governador Eduardo Campos. Nós vamos garantir que a semente de Eduardo continue nos ajudando em Brasília. Vamos vencer porque vamos dar um não a essa forma como o Brasil vem sendo governado”, destacou Paulo Câmara.

Além de um grande público, o encontro reuniu o vice prefeito de Barreiros Thomaz Baleia, os vereadores barreirenses Cristiano da Saúde, Ivalda Farias, Paozeiro, Nido, Walter Buarque e Henrique Produções, e os vereadores de São José da Coroa Grande Tony, Enilde da Colônia, Amaro do Peixe, Rael de Deo e Riltinho, além de varias suplentes.

Escrito por Wellington Ribeiro

Espaço Exibição Comercial

IMG-20180727-WA0011

 

Por Antonio Vieira, presidente da ABJ
Tudo começou com a ação judicial em 2001 do Procurador da República do MPF-SP, André de Carvalho Ramos autor da ação que levou a vitória final no STF em 2009

Durante está longa batalha judicial fundamos o MDJSD – Movimento em Defesa dos Jornalistas sem Diploma que foi fundamental para contrapor os que defendiam a manutenção da exigência de diploma para o exercício profissional

Após a decisão definitiva do STF em 2009 que reconheceu que a exigência de diploma era totalmente inconstitucional e ainda por cima era uma legislação que perdurava dos tempos da ditadura militar ou seja nada mais dinossáurico do que este tipo de exigência que não existe na quase totalidade dos demais países do mundo

Logo após a decisão do STF fundamos a ABJ – Associação Brasileira dos Jornalistas numa reunião histórica, em 26/07/2009 em Brasilia onde reunimos jornalistas de todo o Brasil

Começamos neste dia a saga de instalar e fazer funcionar uma entidade nacional de jornalistas que contava com recursos mínimos para está tarefa hercúlea tendo em vista os altos custos de se manter uma entidade nacional com sede em Brasilia

A vontade e determinação foram mais fortes e mesmo com muitos altos e baixos estamos conseguindo realizar este sonho comum de muitos jornalistas que mantem a chama da liberdade do exercício profissional acessa e atuante independente de ter ou não um diploma de jornalista

Ao contrario do que previam as vozes contrarias a decisão do STF, a decisão não trouxe nenhum trauma ao mercado de trabalho e legalizou milhares de jornalistas que já exerciam a profissão mesmo sem diploma e eram perseguidos, processados e multados

Com as profundas transformações que a internet e toda a migração dos meios de comunicação vem sofrendo deixando de funcionar em meio impresso e outros e passando a funcionar no meio digital muitas oportunidades de trabalho foram criadas em função das facilidades que a internet possibilitou para uma atuação independente e especializada através de sites, blogs e redes sociais o que vem mudando profundamente os modelos de negocio na área jornalistica

A convergência de todos os meios para o mundo digital dita a tendencia em rápida aceleração exponencial. Novas tecnologias descobertas originam inúmeras possibilidades. E, uma vez combinadas, estas possibilidades originam inúmeras novas alternativas. Estamos apenas no inicio deste novo mundo digital com suas fantásticas possibilidades.

Um novo mundo está se abrindo e o velho mundo se encerrando, a quebra do Grupo Abril é um acontecimento muito simbólico assim como a total perda de credibilidade e audiência dos grandes meios de comunicação ao defenderem o golpe de 2016 e abusarem de seus leitores com manipulações evidentes e fake news.

Porem a sabedoria chinesa ensina: o ideograma de crise e o mesmo de oportunidade por isso devemos focar nas oportunidades para ultrapassar a profunda crise que o Brasil vive atualmente bem como a profunda mudança nos modelos de negocio na área jornalistica

Assim como muitos outros golpes e crises passaram o atual golpe de 2016 e suas consequências nefastas também passarão e o Brasil voltará a seu caminho natural de ser uma das maiores nações do mundo e nesta passagem as comunicações e o jornalismo também mudarão completamente de rumo.

AUTOR:

Antonio Vieira é presidente da ABJ e um amante das comunicações e do jornalismo

 

IMG-20180726-WA0154

Após mais de 30 anos de tropa, onde adquiriu fama de “linha dura” depois de aplicar uma gravata em um estudante durante um protesto em 2005 no Recife, o coronel aposentado da Polícia Militar de Pernambuco Luiz Meira fará sua primeira campanha majoritária concorrendo ao governo de Pernambuco pelo PRP nas eleições 2018 com o mote “cadeia ou cova para bandidos”.

Meira, que tem como mentor o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) tem como proposta para melhorar a educação e segurança pública no Estado a militarização de escolas em áreas consideradas de risco.

“Com o apoio do governo, teremos guardas municipais fazendo a patrulha escolar e palestras. Também vamos ensinar o Hino Nacional e rever a grade curricular do Estado, quem manda é o governo, por isso, vamos colocar a disciplina de moral e cívica” afirmou o coronel aposentado, que tentou uma vaga na Assembleia Legislativa pelo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) em 2014, sem sucesso.

Sobre a imagem que lhe rendeu fama, Meira diz que fez seu trabalho. “É uma foto icônica mesmo, mas o fato é que não agredi aquele rapaz, apenas fiz o meu trabalho de imobilizar uma pessoa maior do que eu. Naquele ano, inclusive, não temos o registro de nenhum estudante agredido, nem ele que fez exame (de corpo delito) no IML, ou algum morto, porque nós agimos”, disse.

Hoje pré-candidato, o coronel aposentado mantém o tom belicoso no discurso. “Temos que separar o marginalizado, aquele que pratica pequenos furtos ou a mulher que transporta drogas, esses têm que ser ressocializados. O assassino, estuprador ou assaltante de banco tem que ser preso e se atirar na polícia vamos revidar”, afirmou.

Crítico do Pacto pela Vida, programa de segurança pública instituído em 2007 pelo então governador Eduardo Campos, Meira diz que o projeto já nasceu condenado ao fracasso. “Foi concebido dentro da universidade por pessoas que não entendem nada do operacional”, afirmou. No ano passado, Pernambuco registrou o recorde de 5.427 de assassinatos.

Suas propostas para reduzir os índices de violência do Estado são a equiparação salarial entre policiais civis e militares, a descentralização das ações “tirando da Secretaria de Defesa Social e devolvendo a autonomia aos comandos” e a instituição de um plano de carreira para os agentes de segurança com entrada única e formação mínima de dois anos.

Apesar de defender a presença forte do Estado em áreas como segurança, educação e saúde, Meira diz que é defensor da bandeira do Estado mínimo, como Bolsonaro. Ele propõe a redução de secretarias e corte de cargos comissionados e afirmou que, se eleito, um de seus primeiros atos será a construção do “Centro Administrativo de Pernambuco” no entorno da Arena de Pernambuco.

O estádio foi construído para a Copa das Confederações 2013 e Copa do Mundo 2014 e é alvo de investigação da Polícia Federal por suspeitas de superfaturamento e desvio de dinheiro.

O pré-candidato diz que os recursos para viabilizar a construção do centro sairão dos aluguéis de imóveis públicos e da venda do Parque de Exposição de Animais do Cordeiro. A área de 12 hectares na zona oeste da capital é alvo antigo da especulação imobiliária que já envolveu até mesmo a construção de um shopping.

“Com o dinheiro da venda do Parque do Cordeiro vamos colocar todas as secretarias e órgãos do governo na Arena de Pernambuco com hospital para o servidor e escola de referência. O palácio (do Campo das Princesas, atual sede do Poder Executivo) vai servir de museu e local para algumas solenidades. Com essa medida, vamos reduzir os custos, levar desenvolvimento para região oeste e diminuir em 20% o trânsito no Recife”, disse.

fonte: Estadão Conteudo

 

IMG-20180726-WA0119

A estrada (PE-425), que liga as cidades de Floresta e Carnaubeira da Penha, na região do Sertão de Itaparica, está em fase de conclusão. Antiga reivindicação do povo sertanejo, a pavimentação do trecho de 43,4 quilômetros saiu do papel e, em breve, será mais um sonho realizado. No momento, já foram concluídos mais de 50% do total dos serviços. Essa intervenção está recebendo do Governo do Estado investimentos na ordem de R$ 31,8 milhões e a previsão é concluir os trabalhos no primeiro semestre de 2019.

Quem circula por essa região sertaneja, já pode comprovar as novas formas da PE-425 na medida em que as obras avançam. O Departamento de Estradas de Rodagem (DER), órgão vinculado à Secretaria Estadual de Transportes, segue realizando os trabalhos de terraplenagem, construção dos dispositivos de drenagem, imprimação e aplicação da camada de asfalto. Nesses trechos, o tráfego está seguindo pelos desvios, sem transtornos para os motoristas e usuários.

SERVIÇOS – Dos 43,4 quilômetros contemplados nessa iniciativa, 17 km estão pavimentados, sendo 13 km saindo da cidade de Carnaubeira da Penha e os outros 4 km partindo de Floresta. Posteriormente, nesses segmentos serão implantadas as sinalizações horizontal e vertical posteriormente, mas o tráfego está liberado e flui normalmente. No trecho restante da via, onde os serviços estão sendo executados, será construída uma ponte, que substituirá uma passagem molhada nas proximidades da comunidade do Jaburú.

 

IMG-20180726-WA0120

O diretor-presidente do DER, Silvano Carvalho, disse que a nova PE-425 é uma importante via que liga as regiões sertanejas do Itaparica a Central, encurtando a viagem para os estados vizinhos e demais regiões pernambucanas. “Quando estiver concluída, vai melhorar a mobilidade das pessoas com conforto e segurança, facilitará o transporte da produção agrícola e serviços com menor custo de frete e incrementará o turismo local, além de outros benefícios, contribuindo imensamente no desenvolvimento socio-econômico da região”.

IMG-20180726-WA0113

O Forte Orange, construído pelos holandeses, vai voltar a ser um dos principais pontos turísticos da Ilha de Itamaracá, na Zona Norte da Região Metropolitana. O local está sendo revitalizado e está sendo transformado em um museu, onde os turistas poderão ver a parte histórica da importante edificação.

IMG-20180726-WA0114

O governador Paulo Câmara (PSB) vistoriou as obras de restauração e requalificação do Forte Orange e informou a transformação do espaço em museu. Nas obras, estão sendo investidos R$ 11,8 milhões provenientes de recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).
Paulo Câmara disse estar satisfeito com o resultado do trabalho. “O Forte Orange está totalmente restaurado, de acordo com as normas técnicas, e preparado para receber os turistas. É um grande patrimônio turístico da Ilha, que precisa do olhar atento de todos nós. Com parcerias como a do prefeito de Itamaracá, estamos conseguindo avançar, melhorar e entregar equipamentos como esse. Além disso, também estamos focando em outros setores, como o abastecimento de água, saúde e segurança. Tudo isso é fundamental para que Pernambuco siga em frente”.

IMG-20180726-WA0112

A requalificação do Forte Orange inclui, dentre outras ações, o revestimento das rampas, o piso dos baluartes, o corredor de entrada e o terrapleno (área aterrada entre a muralha e a contramuralha). Vale destacar que todas as pedras usadas nas intervenções foram preparadas no canteiro de obra montado no Forte Orange. Depois de desenterradas do entorno da edificação, foram cortadas e preparadas manualmente pelos operários.
Para as muralhas, foi adotada uma medida de contenção de rip-rap (sacos de cimento de areia) no terrapleno para evitar que a areia deslize e a muralha fique vulnerável. Quando entregue, o museu passará a ser gerido pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).
A secretária-executiva do Prodetur, Manuela Marinho, ressaltou que o Forte Orange é um espaço importante não somente para Itamaracá, mas para todo o Estado. “O Forte foi um investimento que o Governo de Pernambuco fez para manter o turismo em alta. Patrimônio de referência, foi totalmente requalificado e, em breve, abrirá as portas para a população”.

IMG-20180726-WA0115

O prefeito do município, Mosart Tato (PSB), agradeceu o empenho do governador Paulo Câmara para formalizar a parceria, destacando que a obra irá melhorar o turismo de Itamaracá e região. “Foi por meio dessa parceria que conseguimos a realização da restauração do Forte Orange, que é uma atração turística e educacional”.

Fotos: Aluisio Moreira/SEI

IMG-20180726-WA0058

Dirigentes emedebistas se dizem “cansados” das idas e vindas do ex-senador Osmar Dias (PDT).

Arruda já estaria relendo a “Carta de Puebla” para realinhar o discurso e atrair o PT como aliado à disputa pelo Palácio Iguaçu. Juntos, MDB e PT, teriam o maior tempo no horário eleitoral.
O deputado federal João Arruda (MDB), sobrinho do senador Roberto Requião, será confirmado candidato ao governo do Paraná no próximo dia 3 de agosto.

 

Fonte blog do Esmael

Fechar