Posts de Revista Total

IMG-20180810-WA0011Já estamos no segundo semestre de 2018 e até agora o Governo Federal não repassou para o Governo de Pernambuco, os recursos necessários para que a COMPESA continue com a construção da Adutora do Agreste, a importante obra que vai trazer água do Rio São Francisco para moradores de dezenas de municípios pernambucanos, inclusive Arcoverde, Pesqueira, Sanharó, Belo Jardim, Tacaimbó e São Bento do Una, que estão em fase de pré-colpaso.
Exigindo providências, o governador Paulo Câmara (PSB) enviou ofício ao presidente da República, Michel Temer (MDB), alertando para a falta, neste ano, de repasse de recursos pelo Governo Federal para as obras. “Somente no ano de 2017, o Estado de Pernambuco investiu mais de R$ 592 milhões, com vistas a melhorar as condições hídricas, em todos os sentidos. Foram construídas barragens e sistemas adutores que hoje permitem transpor, de forma satisfatória e segura, água para algumas das localidades mais atingidas pela estiagem, pondo fim à indesejada indústria dos caminhões-pipa”.
Paulo Câmara apontou que o Estado de Pernambuco está sendo injustiçado. “”Nesse sentido, é possível afirmar que nos encontramos numa situação de extrema injustiça, visto que as águas da transposição atravessam o nosso território, mas não trazem qualquer benefício à população pernambucana, porque não chegam às torneiras de seus principais destinatários””.
De acordo com o governador, “apesar de todos os esforços locais, a conclusão da Adutora do Agreste, que depende em grande medida do Governo Federal, é imprescindível para solucionarmos tão delicada questão, definitivamente”. No documento enviado ao Palácio do Planalto (anexo), Paulo Câmara informa que, em 2016, a União repassou R$ 136 milhões para a Compesa, responsável pelas obras. Já em 2017, o repasse caiu para a metade: apenas R$ 68 milhões.
A situação só não foi pior porque o governador Paulo Câmara articulou com a bancada federal pernambucana no Congresso Nacional a garantia de mais R$ 126 milhões da emenda de bancada ao Orçamento Geral da União. Em 2018, em que pese as promessas feitas pelo Ministério da Integração Nacional, nenhum recurso foi repassado a Pernambuco. “O Estado de Pernambuco tem sido permanentemente afetado pelo fenômeno cruel da seca, que agrava significativamente a já difícil situação da população pobre que vive no Agreste”.
Paulo Câmara informou que se encontra na fase de testes a Adutora do Moxotó, “obra importantíssima que fará a conexão do Eixo Leste da Transposição com a Adutora do Agreste, beneficiando inicialmente 10 municípios e uma população superior a 400 mil habitantes. “Cumpre enfatizar que, embora tenham ocorrido chuvas na região do Agreste em 2018, o volume de precipitações não foi grande o suficiente para equalizar a oferta de água em vários Municípios que precisam ser atendidos pelas almejadas Adutoras do Moxotó e do Agreste”, alertou.
O governador de Pernambuco ressaltou que cidades importantes, como Arcoverde, Pesqueira, Sanharó, Belo Jardim, Tacaimbó e São Bento do Una, se encontram em situação de pré-colapso. Já os municípios de Poção e de Taquaritinga estão colapsados e simulações hidráulicas apontam que, em 60 dias, vários outros municípios do Estado entrarão em colapso total.
Paulo Câmara pediu que o presidente Temer “se digne determinar o repasse imediato dos recursos financeiros ora pleiteados, como única medida capaz de evitar uma nova paralisação dessa obra tão essencial que, caso retroceda, representará um dano irreparável, levando-se em conta todo o trabalho que já foi feito e toda a história de sofrimento do povo nordestino”.

Por Márcio Maia

IMG-20180810-WA0012

IMG-20180810-WA0034

O bairro de Santo Amaro, no Recife, está recebendo pela segunda vez uma Feira de Artesanato. O evento, que está acontecendo neste sábado (11), a partir das 11h, no cruzamento entre as ruas Frei Cassimiro e Pombal, funciona como uma oportunidade para os artistas locais mostrarem e comercializarem a sua arte. O evento tem o apoio cultural do vereador Alcides Teixiera Neto.

Na ocasião, o parlamentar lançará uma campanha para arrecadar doações de alimentos para a comunidade. As pessoas que forem ao evento poderão levar esses alimentos, que serão recebidos pela equipe do vereador.

“São duas ações que têm por objetivo desenvolver Santo Amaro. Primeiro, pela via da arte, onde artistas locais poderão expor o seu trabalho e movimentar o comércio local com a venda das peças. Em seguida, pela via da solidariedade, quando os moradores do bairro poderão doar alimentos para quem não tem o que comer. É muito importante a participação de todos; Santo Amaro tem muito potencial”, explicou Alcides Teixeira Neto.

*ATRAÇÕES* – A Feira de Artesanato já entrou no calendário do bairro. Entre as atrações deste ano, os participantes poderão dispor de uma praça gastronômica e de um parque infantil. Um grande show de Adilson Ramos animará os presentes. O evento também terá apresentações de Gulliver Cunha e da banda O Disco.

IMG-20180810-WA0024

Militando na causa de defesa dos animais e do meio ambiente há mais de 20 anos, Manoel Tabosa, que vai disputar pela primeira vez uma vaga a deputado estadual pelo Partido Humanista da Solidariedade (PHS), entra na disputa ao lado do pré-candidato a deputado federal pelo Partido Progressista (PP), Fernando Monteiro. O ambientalista, que se afastou da presidência da Associação de Defesa do Meio Ambiente de Pernambuco (Ademape) para disputar o pleito, tem como principais bandeiras de campanha causas como a extinção de veículos de tração animal, com a adequação do uso de bicicletas pelos carroceiros.

“Hoje, em Jaboatão dos Guararapes, 1.200 pessoas sobrevivem com esta forma de locomoção. No Recife, são 5 mil. Na capital pernambucana já existe lei municipal sobre o assunto, sancionada pelo prefeito Geraldo Julio, mas nunca regulamentada. Isso precisa mudar”, atesta o ambientalista, que tem milhares de seguidores nas redes sociais. Entre as postagens, denúncias de animais agonizando e até morrendo por exaustão e fome.
O risco de zoonoses é outro ponto levantado pelo pré-candidato como necessidade de ações preventivas urgentes e que, segundo ele, não são levadas a sério como deveriam.

“Já fizemos várias notificações oficiais junto ao Ministério Público e secretarias de Saúde sobre o aumento considerável de cavalos com sintomas da doença, conhecida como mormo ou lamparão, e do risco de um surto da enfermidade. Trata-se de uma doença infecciosa causada por bactéria. Quando infectados, os animais apresentam manchas vermelhas no pescoço e na barriga, com secreção pelo nariz, que pode chegar a sangramentos. Esta doença, facilmente adquirida pelos humanos em contato com estes animais, não tem cura. Ela é tão grave que exige que os animais infectados sejam eutanasiados e incinerados, entre uma série de outras normas de segurança. É preciso que se leve o assunto a sério e que se criem normas de fiscalização e controle pelos centros de vigilância ambiental”, destaca Tabosa.

A criação de unidades de triagem do lixo também está nas propostas encabeçadas pelo ambientalista, que vê neste ponto a possibilidade de melhoria de vida de pessoas que sobrevivem dos materiais descartáveis. “Hoje, 90% dos rejeitos que podem ser reutilizados para outros fins vão parar nos aterros pela falta de uma política focada no tema. Só Jaboatão produz 2.500 toneladas de lixo por dia. Isso precisa passar por triagem, pelo bem do meio ambiente e das famílias que sobrevivem dos reciclados”, pontua Tabosa.

A aliança com Fernando Monteiro é vista pelo pré-candidato a deputado estadual como fundamental para a execução de projetos necessários e urgentes. “Com o apoio de Fernando, certamente poderemos tirar do papel questões necessárias para a saúde pública e melhoria da qualidade de vida e do meio ambiente em Pernambuco”, atesta o ambientalista.

IMG-20180810-WA0022

As obras do Hospital Geral do Sertão (HGS), um investimento de R$ 60 milhões do governo Pernambuco, avançam em Serra Talhada. De acordo com o deputado Sebastião Oliveira, que se animou após receber as últimas informações sobre o HGS, o empreendimento entrou numa nova fase.

“A terraplanagem do Hospital Geral do Sertão, em Serra Talhada, foi concluída e agora o trabalho segue para uma nova etapa. O próximo passo é a drenagem de águas pluviais e serviços preliminares de construção”, disse Oliveira, em relato no Facebook.

Na postagem, o deputado mostra entusiasmo com a celeridade do trabalhos, e o hospital está previsto para ser entregue à população no primeiro trimestre de 2019.

“O Hospital Governador Eduardo Campos, como foi batizado, terá cinco salas de cirurgia, 60 leitos de internamento e dez leitos de UTI. A obra é uma das grandes realizações do governo Paulo Câmara e eu estive à frente quando fui Secretário de Transportes. Estou muito entusiasmado e feliz com esse grande avanço”, reforçou.

Farol de notícias

IMG-20180810-WA0023

IMG-20180810-WA0020

Liderada pelo governador e candidato à reeleição, Paulo Câmara (PSB), a chapa majoritária da Frente Popular foi, na noite desta quinta-feira (09/08), ao encontro das populações de Tamandaré, Rio Formoso e Sirinhaém para discutir o futuro do Estado, na Prosa Política, evento organizado pelo PSB. Recebidos com muita festa e carinho nos três municípios, o grupo, que conta ainda com a deputada federal Luciana Santos (PCdoB), na vice; e o senador Humberto Costa (PT) e o deputado federal Jarbas Vasconcelos (MDB), como postulantes ao Senado, reforçou, para mais um grande público nos três encontros, o compromisso de trabalhar para fazer Pernambuco avançar cada vez mais, sobretudo para os que mais precisam.

“Hoje, tivemos o prazer de visitar esses três municípios que possuem uma gente tão guerreira e disposta a nos ajudar a seguir fazendo um Pernambuco melhor para os pernambucanos. E é assim que vai ser daqui para frente: vamos andar o Estado, conversando com as pessoas e construindo um caminho que aponte para um futuro, onde permaneceremos com a melhor educação do Brasil e com muitas outras conquistas”, afirmou Paulo Câmara.

A agenda desta quinta-feira foi a primeira a reunir todos os integrantes da chapa majoritária da Frente Popular de Pernambuco após a sua formalização na convenção do bloco, no último domingo (05/08). E esse encontro com a população do Litoral Sul foi marcado pela receptividade e um sentimento de confiança no grupo liderado pelo governador Paulo Câmara. Foram muitos abraços, beijos e falas carregadas de esperança na continuidade do projeto que vem transformando o Estado há 12 anos.

“Não tem como não se emocionar com tanto carinho. Na verdade, só há uma forma de retribuir: com muito mais trabalho e dedicação para que essas pessoas vejam no Estado um parceiro que pode e deve atuar para a melhoria de suas vidas”, ressaltou o governador, lembrando que as prefeituras dos três municípios são parceiros do Governo de Pernambuco. “Já fazemos inúmeras parcerias com essas cidades, e a nossa ideia é ampliar ainda mais”, assinalou.

A deputada Luciana Santos lembrou que a composição da chapa da Frente Popular só foi possível pelo resgate da unidade dos grupos de esquerda do nosso Estado. “Foi um duro trabalho realizado pelo governador Paulo Câmara, que nos uniu. E unidos seremos capazes de manter Pernambuco de pé e com capacidade de liderar o Nordeste”, frisou a comunista. “Essa unidade será fundamental para superarmos os muitos desafios que vão aparecer”, completou o deputado Jarbas Vasconcelos. O senador Humberto Costa lembrou que essa reunião materializada na majoritária reforça a estratégia nacional de tirar o Brasil de um dos piores momentos da história. “Juntos com o ex-presidente Lula, o nosso candidato a presidente da República, vamos resgatar a melhor fase deste País”, bradou.

O Prosa Política ainda contou com as participações dos deputados Danilo Cabral (PSB/estadual), Simone Santana (PSB/estadual) e Clodoaldo Magalhães (PSB/estadual), além dos prefeitos anfitriões Sérgio Hacker, Tamandaré; Isabel Hacker, Rio Formoso; e France Hacker, Sirinhaém. Nesta sexta-feira (10/08), o Prosa Política do PSB será realizado no município de Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste do Estado.

Fotos: Hélia Scheppa/PSB.

Matéria Welington do blog ponto de vista

IMG-20180810-WA0019

O ex-deputado estadual José Marcos de Lima, de São José do Egito, será o coordenador da campanha eleitoral do candidato ao governo de Pernambuco, Armando Monteiro Neto, no Sertão do Pajeú. A informação é do blogueiro Nill Júnior, e revela sinais de mudança na região.

Zé Marcos Lima é um dos mais fiéis aliados do ex-deputado Inocêncio Oliveira (PR), e costumava seguir todas as orientações do cacique republicano nos bons tempos em que Inocêncio ditava o cotidiano da política no estado. Agora, Inocêncio segue com Paulo Câmara.

Tido como habilidoso articulador político, Zé Marcos um teve ontem (quinta-feira) no Comitê de Campanha de Armando Monteiro e disse sim ao senador.

 

Farol de notícias

IMG-20180810-WA0018

O deputado federal Jarbas Vasconcelos deve ter algum indicativa forte de que o MDB Nacional deve trata-lo a pão e água, mesmo disputando o cargo de Senador na chapa do PSB, com Paulo Câmara. O MDB Nacional queria afastar Jarbas do palanque socialista, levando a sigla para a oposição, com Armando Monteiro Neto.

Pois bem. Nesta quinta-feira, um dia depois de vir a público uma decisão do TCE contra o senador Fernando Bezerra Coelho, por conta de Suape, na gestão Eduardo Campos ainda, o filho de Jarbas usou as redes sociais para ironizar o ex-prefeito de Petrolina Fernando Bezerra.

“Esse é o senador que quer tomar o MDB de Pernambuco”, questiona, em defesa do pai, que entrou em rota de enfrentamento com FBC.

O ataque foi feito pelas redes sociais.

 

Blog do Jamildo

IMG-20180809-WA0053Na entrevista para apresentar sua chapa, o ex-prefeito de Petrolina, Julio Lossio, candidato da Rede ao governo do Estado, bateu em Humberto Costa, do PT, e Sílvio Costa, do Avante, ambos candidatos ao senado, em chapas diferentes, nestas eleições.

“Todo mundo está querendo se abraçar com Lula e o Humberto Costa ainda teve a cara de pau de declarar que Lula sabia (da degola de Marília), mas Humberto Costa só disse isto para se proteger (depois de ter sido chamado de golpista). Deram corda à moça (Marília) e depois enforcaram. Se eu fosse para o PT, estaria hoje como ela. Não vou bajular Lula, Marina é minha candidata. Não preciso buscar a popularidade das outras pessoas. Não tem este negócio de ficar se agarrando na imagem dos outros. Em janeiro de 2019, o governador do Estado não vai ser nenhum deles, nem Lula nem Arraes”, afirmou.

“Sílvio Costa trabalhou por ele (em busca de uma chapa ao lado do PT) e também por ela”, declarou.

O ex-prefeito também fez críticas indiretas ao PT, que trabalhou nos bastidores para que o nome dele fosse limado e Marina fizesse uma aliança com o PROS e o PT.

“Se eu estivesse no PT hoje, eu não seria candidato. Ou no PSDB. Eu estou na Rede porque eu tenho um projeto com segurança. Eles querem o ótimo. E o bom é inimigo do ótimo. Que adianta ter o maior tempo de TV e estar envolvido com a Lava Jato ou na turbulência”, afirmou.

“Vou rastejando (ser candidato) mas eu vou. O vento (das mudanças) começa a soprar”.

Matéria: Blog do Jamildo

A força-tarefa da Lava Jato estava “com sangue na boca” e condenou Lula às pressas para tirá-lo do jogo político. A afirmação é do ex-delegado da Polícia Federal Paulo Lacerda a uma extensa reportagem publicada nesta quarta (8) pela Agência Pública.

IMG-20180809-WA0050

Funcionário de carreira da instituição desde os anos 70, Lacerda chefiou a reestruturação promovida durante o governo Lula. Em 2003, o ex-presidente autorizou um repasse de US$500 milhões à instituição. A verba garantiu combustível, viaturas, equipamentos, sedes modernas e mais servidores à PF.

Lacerda presidiu a Polícia Federal entre 2003 e 2008 e testemunhou diversas idas e vindas na abertura de investigações contra políticos. Conforme o texto, ele é uma das vozes solitárias a criticar os exageros da operação, citando o caso do líder petista. “Para julgá-lo rapidamente, o tribunal furou a fila. Antes do processo do tríplex, havia mais de cem casos esperando para entrar na pauta”, disse ele ao repórter Vasconcelo Quadros.

Foi sob o governo Lula que a sede da PF em Curitiba foi construída. Na ocasião da prisão, ele lembrou o fato a colegas. “Se não fossem os grandes investimentos [do governo Lula], dificilmente teria havido a Operação Lava Jato. É uma grande ironia do destino: hoje o ex-presidente Lula é o mais ilustre dos presos da PF em Curitiba”, escreveu para um grupo de quase 1000 delegados no WhatsApp

Ele também analisa a mudança no papel no Ministério Público, que se juntou aos protestos difusos de 2013 e, a partir da derrubada de uma emenda parlamentar, passou a liderar investigações nos casos de maior repercussão.

Fonte : Blog do Esmael

A atual primeira dama de Escada não teve seu nome registrado na ata do partido, o erro foi logo percebido e corrigido pela direção estadual

IMG-20180809-WA0107

A atual primeira dama de Escada, Edilene (PRP), seguirá candidata a deputada estadual, a dúvida ocorreu nesta quinta-feira (09/08), após as publicações das atas de convenção pelos partidos, e na ata do PRP – Partido Republicano Progressista, não constava o nome de Edilene como candidata.

Após bastante especulação sobre se seria ou não candidata, a assessoria de Edilene, confirmou que por um erro na ata, seu nome não foi publicado, mas que o equivoco já teria sido corrigido para a nova publicação da ata, já com a alteração incluindo seu nome.

A primeira dama de Escada, é um dos nome mais cotados dentro do PRP, para conseguir um mandato para a Assembleia Legislativa de Pernambuco. Bastante carismática, e de bom relacionamento com a população, a expectativa é que Edilene supere a casa dos 14 mil votos em Escada, sendo a majoritária. Dentro do seu grupo político, a expectativa é que a candidata alcance 30 mil votos, garantindo assim uma das 49 cadeiras do legislativo estadual.

 

Matéria : Blog do Shansilis

Fechar