Até a eleição de 2022, Geraldo terá um ano e meio para se consolidar no interior de Pernambuco
 

Até o início da pandemia, as pesquisas internas apontavam satisfação em relação à gestão do atual prefeito do Recife, Geraldo Julio. Contudo, a onda do novo coronavírus abalou os índices. Porém, a eleição de João Campos mostra que os números negativos foram superados.
O prefeito do Recife destaca suas medidas de prevenção e contenção à Covid-19, defendendo que a cidade teve uma das melhores atuações do Brasil, com a construção dos sete hospitais de campanha. “Esses hospitais foram construídos para atender a emergência da pandemia e puderam oferecer tratamento aos pacientes”, afirma.
Além disso, destaca um caminho que considera exitoso, ao considerar suas realizações, como a nova Avenida Conde da Boa Vista, o aumento expressivo da rota cicloviária da cidade, a entrega do Ginásio Poliesportivo “Geraldão” e do Teatro do Parque, o projeto Ilumina Recife, que teve investimento de mais de R$ 4 milhões, em 145 comunidades da cidade, totalizando, em fevereiro deste ano, 25 mil pontos de luz de led, vultuosos investimentos em obras de contenção definitiva de encostas, além da inauguração de quatro Compaz com o objetivo maior de garantir inclusão social.
Na saúde cita a criação do Hospital da Mulher, Hospital do Idoso e Hospital Veterinário como melhorias para essas parcelas da sociedade. Essas ações desencadearam um impacto positivo na saúde do município, principalmente quando avaliadas na atual conjuntura.
É nessas circunstâncias que a eleição de João Campos evidencia a força de Geraldo Julio para se candidatar ao Governo do Estado em 2022, apontando que as rejeições mensuradas nas pesquisas não passavam de números. Assim, o socialista é o mais cotado do PSB para disputar a sucessão do atual Chefe do Executivo Estadual, Paulo Câmara. Inclusive, nos bastidores, se comenta a possibilidade de Geraldo Julio se tornar secretário do governo Paulo Câmara, em 2021, em uma pasta que aumente a sua visibilidade no interior de Pernambuco, que é onde ele precisa fortalecer sua imagem.
Sobre o assunto, Geraldo vem desconversando e afirmando que o futuro deve ficar para o futuro. Nesta terça (1), no Debate da Super Manhã, na Rádio Jornal, Geraldo Julio aproveitou para dizer que está feliz porque, de acordo com o socialista, as pessoas que mais precisam reconheceram seu trabalho à frente da Prefeitura nos últimos sete anos e onze meses.
“Foi dos morros que veio a maior votação para João, com cerca de 60% dos votos. Ficamos muito felizes com isso, pois o resultado mostra que aquelas pessoas que mais precisam das políticas públicas e da atuação da prefeitura deram a João a maior vitória em relação aos outros bairros”, conclui.

Por Emanuela Arruda, da equipe do FalaPE

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar