O governador Paulo Câmara (PSB) fez um balanço do trabalho realizado no ano de 2109, considerando positivos os avanços conseguidos principalmente nas áreas da Educação, Saúde e Recursos Hídricos, e demonstrou otimismo para o próximo ano, apesar da crise econômica que atinge a Nação e os Estados. A avaliação foi feita depois de uma reunião com o secretariado e com a vice-governadora Luciana Santos (PCdoB). Também traçou as diretrizes e metas a serem alcançadas.

Para o gestor, os obstáculos são muitos. “Temos uma missão muito importante de ajudar Pernambuco a atravessar toda essa confusão que está no País, de maneira a ter em cada área respostas positivas em relação ao que a população precisa e tem o direito de receber. Vamos continuar fortalecendo o nosso modelo de gestão, nosso modelo de planejamento e o nosso modelo fiscal. Isso é fundamental para que a gente possa avançar””. O governador pontuou ainda que, apesar dos desafios gerados em decorrência da crise econômica no País, o Governo de Pernambuco avalia os resultados de forma positiva, e disse estar muito otimista em relação a 2020. “”Apesar das adversidades do ano, a gente tem resultados para mostrar em todas as áreas. Houve uma preparação para isso, houve uma capacidade de absorver demandas””. O secretário Alexandre Rebêlo, de Planejamento e Gestão, fez um balanço do que foi realizado. “Políticas importantes foram mantidas. Políticas como melhoria da educação pública, que é algo que aponta para o futuro. Na área de segurança, que é tão sensível a todos nós, tivemos em novembro o 24º mês seguido de redução nos homicídios e o 27º mês seguido na redução dos crimes contra o patrimônio. São coisas importantes para registrar””. Ele ressaltou ainda a implantação de novos projetos que trazem melhoria nos serviços prestados à população. “”A gente tem o Criança Alfabetizada, que vai levar apoio aos municípios no início do processo educacional. Tem também o Programa Caminhos por Pernambuco, que aponta para conseguirmos fazer melhoria nas nossas estradas. E temos o 13º do Bolsa Família, um projeto que foi lançado agora em 2019 e que vai ser pago a partir de fevereiro de 2020”. “Nosso maior compromisso é melhorar ainda mais a prestação de serviços públicos e implementar mais programas, na intenção da retomada de ações importantes. São desafios naturais do serviço público que a gente tem conseguido sustentar de forma correta e bem sucedida””.Fotos: Hélia Scheppa/SEI

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar