IMG-20191009-WA0058

 

Por Edmar Lyra

O presidente Jair Bolsonaro tomou a decisão de deixar o PSL, comandado pelo deputado federal Luciano Bivar. A expectativa é que o presidente filie-se a um novo partido que seria criado com a fusão de dois partidos que não atingiram a cláusula de barreira. Com o movimento de Bolsonaro ele teria condições de levar consigo os 34 deputados federais eleitos pelo PSL que sinalizam acompanhar o presidente na nova sigla, bem como atrair parlamentares governistas insatisfeitos com seus atuais partidos. É importante frisar que os parlamentares levam com eles o tempo de televisão e os fundos eleitoral e partidário para a nova sigla. O anúncio oficial deverá ocorrer nos próximos dias.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Fechar