IMG-20190711-WA0229

Por Márcio Maia

A diretoria da Associação dos Funcionários Aposentados do Bandepe (ASFABE) recebeu importantes apoios para continuidade de sua luta contra o Banco Santander, patrocinador da Bandeprev, entidade de previdência complementar dos ex-bandepeanos. Os apoios foram demonstrados durante a festa de comemoração dos trinta anos da Associação.
Um dos mais importantes foi o demonstrado pela diretoria do Sindicato dos Bancários de Pernambuco, através da presidente Suzineide Rodrigues e demais diretores. “A ASFABE vem travando uma luta desigual contra o poderoso grupo espanhol, dono do Santander, mas com coragem e determinação, tem alcançado sucessivas vitórias, garantindo o direito dos aposentados”.
Também participaram da comemoração e reforçaram a atuação da entidade, o ex-deputado federal Paulo Rubem Santiago, o defensor público Manoel Jerônimo e dirigentes de entidades dos aposentados da Celpe e da Compesa.
O presidente da Associação, Reginaldo Dias, afirmou ao Blog Revista TOTAL, que além das diversas tentativas para cortar os direitos dos aposentados, o Santander determinou que a Bandeprev cancelasse o desconto e o repasse das mensalidades dos sócios. “Eles estão tomando ações prepotentes e arbitrárias, mas não vamos desistir. Vamos lutar até a vitória final”.
Ele relembrou que as tentativas começaram em 2000. “Desde o ano de 2006, a ASFABE vem lutando na Justiça contra o banco, que não quer pagar os 50 por cento do Plano de Saúde, através da Unimed Recife, como está determinado no contrato de compra das ações majoritárias do Bandepe, quando da privatização em 1998. A ASFABE já tem três ações na Justiça e ganhamos em todas”, acentuou.
AÇÕES – A primeira tem o objetivo de evitar que o Santander desfizesse a estrutura dos aposentados, que é dividida em quatro grupos determinados pelo período de admissão no banco. A segunda foi impetrada quando o banco tentou transferir a sede da Bandeprev para São Paulo, o que impossibilitaria a participação da maioria dos assistidos, que está em Pernambuco e no Nordeste.
Por último, os banqueiros espanhóis tentaram realizar modificações no Estatuto da Bandeprev, diminuindo o número de integrantes dos Conselhos Deliberativo e Fiscal e até do Diretor Administrativo, que é eleito pelos assistidos. A Associação depois de liminar concedida pela Justiça, comunicou o fato à Secretaria Nacional de Previdência Complementar (PREVIC), que considerando abusiva a intenção dos banqueiros, determinou a interrupção do processo de mudança.
Em meio às festividades, Reginaldo Dias resumiu a atuação da Asfabe: “Vamos continuar lutando e vamos vencer, pois temos direitos adquiridos consistentes e confiamos na Justiça Pernambucana”.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Fechar