IMG-20190516-WA0091

Por Márcio Maia

A Caixa Econômica Federal divulgou que o ganhador da bolada superior a 289 milhões paga pela Mega Sena é de Pernambuco. Em nota oficial, divulgou também que como o jogo foi feito através da Internet, não tinha condições de identificar a Cidade ou mesmo o Estado do sortudo. No entanto, no outro dia, divulgou que o vencedor, que é correntista da CEF havia comparecido à agência e havia recebido seu dinheiro, provavelmente, depositando-o em sua conta corrente, na poupança ou feito algum investimento.
Porém, esses detalhes não importam nesse momento. O que está sendo discutido por muita gente e considerado como sem explicação até o momento, é a condição em que essa aposta premiada foi feita. A Caixa precisa explicar bem direitinho em que condições o jogo foi feito, dia e hora, pelo menos, uma vez que tem muita gente achando que os números podem ter sido escolhidos depois do sorteio feito.
Agora, vamos fazer algumas conjecturas sobre o ganhador. Tudo indica, pelo jeito, que ele, se não é um milionário, é com certeza, muito rico. Afinal de contas, ninguém sabe quem é essa pessoa. Será que ele é tão controlado que não fez nenhum comentário ou não demonstrou alegria por ter ganho o que estava sendo perseguido por milhões de brasileiro.
Se ele realmente, for de Pernambuco, deve estar muito bem camuflado para evitar os perigos, problemas e outras desvantagens de ter ganho quase R$ 300 milhões.
Será que ele é do Vitória de Santo Antão? Ou em Gravatá? Ou em Feira Nova?

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Fechar