DIA DO LIVRO

DIA MUNDIAL DO LIVRO

 

Por Marcos Lima Mochila

 

O Dia Mundial do Livro, ou simplesmente Dia do Livro, é comemorado anualmente em 23 de abril.

Além de homenagear várias obras literárias e seus autores, a data também busca conscientizar as pessoas sobre os prazeres da leitura.

No Dia Mundial do Livro também é celebrado o Dia dos Direitos de Autor.

A Unesco (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) criou a data do “Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor” para encorajar as pessoas, especialmente os jovens, a descobrirem os prazeres da leitura, e conhecerem a enorme contribuição dos autores de livros através dos séculos.

Uma tradição catalã ligada aos livros já existia no dia 23 de abril, e parece ter influenciado a escolha da Unesco. Na tradição catalã, no dia de São Jorge (23 de abril), é costume dar uma rosa para quem comprar um livro. Trocar flores por livros já se tornou tradição em outros países também.

DIA DO LIVRO 1

Origem do Dia Mundial do Livro

 

A Unesco escolheu a data do Dia Mundial do Livro em 1995, em Paris, durante o XXVIII Congresso Geral.

O dia 23 de abril foi escolhido por ser a data da morte de três grandes escritores da história: William Shakespeare, Miguel de Cervantes, e Inca Garcilaso de la Vega.

23 de abril é também a data de nascimento ou morte de outros autores famosos, como Maurice Druon, Haldor K.Laxness, Vladimir Nabokov, Josep Pla e Manuel Mejía Vallejo.

Mas, 23 de abril é, sobretudo, o dia da consciência, o dia da responsabilidade, dia do compromisso.

A consciência, a responsabilidade e o compromisso que todos, governo, professores, pais, todo mundo, devem ter: incentivar a criança, o filho, o vizinho, o aluno, o parente, a ler. Só através da leitura podemos ter homens sábios e conscientes, homens livres, homens capazes.

O dia de se comemorar o livro é hoje, mas o DIA DO LIVRO são todos os dias.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Fechar