Arquivos do mês abril 2019

IMG-20190418-WA0034
Dessa vez a cidade beneficiada foi FREI MIGUELINHO-PE.
Com Emenda Parlamentar indicado pelo PASTOR EURICO, a cidade teve a reforma de 2 postos de saúdes, manutenção de uma casa de apoio e aquisição de uma ambulância.
Trabalhando pelo povo no estado de Pernambuco, o deputado já conseguiu nesses 8 anos de mandato, realizar ações em mais de 100 cidades.
O TRABALHO CONTINUA
PASTOR EURICO
(Sua Voz e Vez na Câmara Federal)
•Zap 81 9 9968 4794

👇👇👇👇👇👇👇👇

IMG-20190418-WA0035

O Brasil perdeu três posições e foi (105 entre 180 países) no Ranking Mundial da Liberdade de Imprensa e se aproxima da “zona vermelha”

IMG-20190418-WA0025

O número de países seguros para os jornalistas continua caindo no mundo, devido a uma hostilidade contra o exercício da profissão, segundo o relatório anual da ONG Repórteres sem Fronteiras (RSF), que aponta que a maior deterioração ocorreu nas Américas do Norte e do Sul, com o prenúncio de um período sombrio no Brasil.

O País perdeu três posições (105 entre 180 países) no Ranking Mundial da Liberdade de Imprensa, e se aproxima da zona vermelha, com quatro jornalistas assassinados. A eleição de Jair Bolsonaro, após uma campanha marcada pelo “discurso de ódio, a desinformação, a violência contra os jornalistas e o desprezo aos direitos humanos, prenuncia um período sombrio para a democracia e a liberdade de imprensa”.

“A hostilidade contra os jornalistas e inclusive o ódio do qual fazem eco dirigentes políticos em muitos países, acabou provocando agressões mais graves e frequentes” contra estes profissionais, o que suscita um “clima de medo inédito em alguns lugares”, condenou nesta quinta-feira (18) a ONG Repórteres sem Fronteiras (RSF).

A RSF lembra o papel primordial que o WhatsApp teve na campanha eleitoral brasileira. Pelo aplicativo circularam, por exemplo, informações falsas destinadas, sobretudo, a desacreditar o trabalho de jornalistas críticos ao candidato Bolsonaro.

No ranking dos 180 países avaliados, apenas 24% (26% em 2018) estão em situação boa ou relativamente boa.

A Noruega se mantém pelo terceiro ano consecutivo na primeira posição, seguida de Finlândia e Suécia.

Fecham a lista o Turcomenistão, antecedido da Coreia do Norte. Também na lanterna, a China perdeu uma posição (177), assim como a Rússia (149), onde o Kremlin “acentuou a pressão” sobre os meios independentes e a Internet, “com detenções, revistas arbitrárias e leis liberticidas”.

Ameaças de morte nos EUA
Os Estados Unidos (48) perderam três posições e entram na zona “problemática”. Além das declarações do presidente Donald Trump contra a mídia, “os jornalistas americanos nunca tinham sido alvo de tantas ameaças de morte”, nem recorrido de forma tal à segurança privada para sua proteção pessoal, segundo a RSF.

A ONG, sediada em Paris, destaca ainda que a perseguição de jornalistas que incomodam as autoridades “parece agora não ter limites”. Cita o assassinato do jornalista saudita Jamal Khashoggi no consulado de seu país na Turquia, que “enviou uma mensagem assustadora aos jornalistas para além das fronteiras da Arábia Saudita “.

A Espanha subiu duas posições no ranking (29) e a França, uma (32).

O informe aponta que América do Norte e do Sul registraram a maior deterioração regional.

Desconfiança na América Latina
A melhora sutil registrada em 2018 na América Latina “foi breve”, visto que o ambiente em que trabalham os jornalistas é “cada vez mais hostil”. As eleições em países como México (144), Brasil (105), Venezuela (148) e Colômbia (129) provocou um “recrudescimento dos ataques contra jornalistas, praticados sobretudo pela classe política, funcionários públicos e cibermilitantes”.

Estes incidentes “contribuíram para reforçar um clima de desconfiança generalizada – às vezes de ódio – contra a profissão”.

A Nicarágua registrou uma das quedas mais significativas do mundo (114, perdendo 24 posições), segundo a RSF, que denuncia que os jornalistas que cobrem as manifestações contra o governo do presidente Daniel Ortega, considerados opositores, são frequentemente agredidos. “Muitos se exilaram para evitar ser acusados de terrorismo”, indica o informe.

Embora a chegada ao poder do presidente Andrés Manuel López Obrador “tenha acalmado um pouco” as relações entre o poder e a imprensa, o México continua sendo o país mais perigoso do continente para os jornalistas, com dez assassinatos em 2018.

A Venezuela perdeu cinco posições, aproximando-se da zona negra do ranking. O viés autoritário do governo de Nicolás Maduro provocou um aumento da repressão contra a imprensa independente, enquanto a RSF registrou um número recorde de prisões arbitrárias e atos de violência praticados por forças de ordem e serviços de Inteligência. Muitos jornalistas tiveram que se exilar, enquanto jornalistas estrangeiros foram detidos e, inclusive, expulsos.

Maus exemplos
Cuba se manteve como o pior colocado na região (169), apesar de subir três posições, caminho pelo qual segue a Bolívia (113, perda de três posições). Para a ONG, o presidente boliviano, Evo Morales, segue o “modelo cubano”, controlando a informação e censurando “as vozes demasiadamente críticas “.

“Alvo frequente” de ataques armados à imprensa, vítima ainda de pressões e de tentativas de intimidação de parte da classe política, El Salvador perdeu 15 posições e ficou em 81º lugar.

 

IMG-20190418-WA0006

O incentivo à fruticultura sertaneja ganhou fôlego neste mês de abril com duas ações importantes. Depois do anúncio do projeto de lei do deputado federal Fernando Monteiro (PP), que cria a Zona Franca do Sertão do São Francisco, , já devidamente protocolado e que já se encontra na Comissão de Integração Nacional, Desenvolvimento Regional e da Amazônia (Cindra) da Câmara dos Deputados, onde deve ser apreciado nas próximas semanas; a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, anunciou investimento de R$ 3 milhões para o melhoramento do cultivo de uvas na região.

A ministra também anunciou parceria com o governo de Israel para importar a tecnologia de irrigação por gotejamento, assunto que tem recebido atenção especial de Fernando Monteiro, que se reuniu, ainda em fevereiro, com o embaixador de Israel no Brasil, Yossi Shelley. No encontro, além do convite para que o embaixador conheça pessoalmente o Vale do São Francisco, o deputado federal apresentou as características da região do semiárido, cujas terras são conhecidas como as de maior produtividade do Brasil.

“Ouvindo os agricultores da região, percebi a necessidade da busca por uma forma de viabilizar a migração dos sistemas mais usuais de irrigação, como o de aspersão e inundação, para o sistema de gotejamento, bem mais eficiente, e que pode reduzir em até 80% o consumo de água. Israel é referência neste assunto”, destacou Fernando Monteiro. Na ocasião, Yossi Shelley antecipou que o governo de Israel estava à disposição para parcerias como a anunciada na última semana pela ministra.

A necessidade de atenção à agricultura é assunto frequentemente abordado por Fernando Monteiro. Entre os pontos vistos como prioritários pelo parlamentar para o setor, além das mudanças nas formas de irrigação, está a criação de um preço mínimo de venda da produção dos agricultores familiares, garantindo, assim, a renda nos períodos de entressafra.

A necessidade de se investir em assistência técnica e no conhecimento das possibilidades permitidas pela tecnologia é outro tema trabalhado pelo deputado federal. “É possível aumentar a produção em menos hectares de terra, melhorando a renda das pessoas. A aproximação com a Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) pode ajudar muito neste sentido, com soluções a curto prazo e a baixo custo”, avalia Fernando Monteiro.

IMG-20190417-WA0072

O secretário de Turismo e Lazer de Pernambuco, Rodrigo Novaes, anuncia a implantação de uma unidade da Academia Pernambuco no município de Floresta, no Sertão pernambucano. Já em operação em outras sete cidades do Estado, a Academia Pernambuco consiste num complexo esportivo, que reúne no mesmo espaço 25 equipamentos, promovendo modalidades como musculação, crossfit, balance, aeróbica, step, hiit, ginástica laboral, entre outras. Floresta será a primeira cidade do Sertão a receber o formato.

O projeto já está em operação nos municípios de Gravatá, Fernando de Noronha, Cabo de Santo Agostinho, Riacho das Almas, Abreu e Lima, Bonito e Ribeirão. Em ofício encaminhado à Prefeitura de Floresta, o secretário solicita que o equipamento seja instalado na Rua 15 de Novembro, em frente à Escola Estadual Júlio de Melo.

“É com grande prazer que anuncio a implementação da primeira Academia Pernambuco em solo sertanejo. O projeto do Governo do Estado, intermediado pela Secretaria de Turismo, beneficiará os milhares de florestanos a cuidar da saúde através da prática esportiva. A intenção dessa entrega será de oferecer melhores condições de vida para a população e orientação de qualidade na prática de exercícios físicos”, destacou o secretário de Turismo e Lazer do Estado, Rodrigo Novaes.

A Secretaria de Turismo e Lazer se responsabilizará pela execução e manutenção de equipamento enquanto o município cuidará da operação da Academia PE. A Academia Pernambuco ocupa uma área de 250 m², sendo operacionalizada por quatro profissionais: três educadores físicos e um recepcionista, no auxílio das atividades.

IMG-20190417-WA0326

Metástase

Por Arthur Cunha
Quando todo mundo nem lembrava, ele voltou à tona para infernizar. Ele não tem rosto, mas todos no Brasil sabem quem ele é. Sua verdadeira face é conhecida no meio político e fora dele. Sua capacidade de fazer o mal é ilimitada; faz da gente vergonha internacional. Está mais vivo do que nunca e vai fazer de tudo para ganhar, ganhar e ganhar. Só pensa em faturar, de um jeito ou de outro. Quem ele é? Ele é o Centrão, o câncer da política brasileira, que, infelizmente, já está em metástase, espalhou-se por todo canto.

O Centrão é, antes de tudo, um conceito; uma mentalidade que traz consigo no seu DNA um jeito próprio de enxergar e agir, onde a definição de ética é um tanto quanto subjetiva. O Centrão é um reflexo do que de pior há na nossa sociedade. Aquela verdade incômoda que teima em aparecer só para comprovar o quanto somos falhos e humanos demais.

Na prática política, o Centrão é um bloco de deputados e partidos políticos no Congresso que se movimenta obedecendo a lógica do dinheiro: quem der mais, leva! Um pouco calado neste Governo Bolsonaro, o Centrão resolveu dar as caras de vez ontem, ao, junto com a oposição, impedir que a PEC da reforma da Previdência tivesse a sua consticionalidade analisada na CCJ da Câmara. E tudo isso sob a ameaça de derrubar a matéria antes mesmo dela chegar à Comissão Especial. Chantagem pura.

E o que quer o Centrão? O de sempre: cargos, emendas, dinheiro, influência – não necessariamente nessa mesma ordem. Como sempre, o povo que se lasque. Eles só pensam neles. Conjugam todos os dias a terceira do plural: são um fim em si mesmos. E estão com a faca no pescoço de Bolsonaro. Até quando o presidente vão aguentar, ninguém sabe. Repito: o Centrão não tem cara; é uma entidade. Hoje, infelizmente, é o que tem de mais vivo na política brasileira.

Inoperância – Depois de a base do governo mostrar novamente inoperância na CCJ, ontem, o ministro Paulo Guedes (Economia) falou de um “pesqueiro desajuste” em função da “inexperiência” dos deputados governistas. Faça-me o favor, Paulo Guedes! Essa turma é amadora mesmo; já foram engolidos pelas raposas da oposição, mais acostumadas com o jogo político. Ou muda, ou vai levar mais lapadas.

Esperteza – O problema não é só a inexperiência da bancada governista, é, também, o excesso de esperteza da oposição, sobretudo, os petistas. Aliás, o PT está de volta ao passado fazendo o que ele sabe fazer de melhor: oposição. E da pior possível. Oposição por oposição; no estilo “quanto pior, melhor”. Não que eu concorde integralmente com essa PEC da Nova Previdência. Mas o PT tem agido, única e exclusivamente, com o objetivo de destruí-la. Construir que é bom, nada!

IMG-20190417-WA0327

Eu topo! – Marília Arraes admitiu, em púbico, pela primeira vez, que topa disputar a Prefeitura do Recife no ano que vem. Disse estar “à disposição” para o desafio. A deputada federal, contudo, esbarra em dois obstáculos. O primeiro é político, já que seu partido, o PT, dá todos os sinais da sua preferência por manter o alinhamento com o PSB – eles devem indicar a vice na chapa de João Campos, primo de Marília, à PCR. O segundo imbróglio é legal. Se mudar de legenda para concorrer, Marília pode perder o mandato na Justiça. Pense em uma encruzilhada.

Academia Pernambuco – O secretário de Turismo e Lazer de Pernambuco, Rodrigo Novaes, vai implantar uma unidade da Academia Pernambuco em Floresta; a primeira do Sertão. Já em operação em outras sete cidades do Estado, a Academia Pernambuco consiste num complexo esportivo, que reúne no mesmo espaço 25 equipamentos, promovendo modalidades como musculação, crossfit, balance, aeróbica, step, hiit, ginástica laboral, entre outras.

IMG-20190417-WA0328

Volta por cima – Quem acha que o ex-ministro e ex-deputado Bruno Araújo está na pior depois de perder a disputa pelo Senado Federal, se engana. O tucano está é muito bem de vida, com um escritório de Advocacia (as más línguas dizem que é lobby), na ponte área entre Brasília e São Paulo. Bruno é o nome preferido do governador paulista João Doria para comandar a guinada à direita do PSDB. O pernambucano de sotaque carioca deve ser escolhido presidente do partido.
Drops

TRANSPARÊNCIA – Junto com a União Europeia, a Amupe executa o projeto Gestão Cidadão, que estimula a transparência, controle e a participação social nos municípios. Os resultados já apareceram nas 16 prefeituras atendidas pela iniciativa. Ao todo, 14 delas alcançaram o índice desejado pelo TCE.

RACISMO – As codeputadas Juntas denunciaram uma situação de racismo sofrido por uma assessora delas, que é negra, e, por causa da cor da sua pele, foi impedida de entrar no Anexo II da Alepe por um segurança da Casa. O caso está sendo apurado pela Presidência da Assembleia. Em nota, a instituição repúdio práticas do tipo.

SUBIU – O prefeito de Santa Cruz do Capibaribe, Edson Vieira, comemorou o avanço do município no índice de transparência do TCE. Em um ano, a terra das confecções pulou da 26ª para 18ª posição no ranking após investimentos na eficiência da gestão.

Uma pergunta: Está mais barato abastecer o carro ou comprar um ovo de Páscoa?

IMG-20190417-WA0058
O Tribunal de Contas publicou o Índice de Transparência dos 184 municípios de Pernambuco e concluiu que houve uma evolução significativa em itens como transparência ativa, passiva e no quesito boas práticas. De acordo com o levantamento, 136 prefeituras melhoraram sua performance, o que equivale a 73,9% do total.

Esse importante resultado se deve à atuação e incentivo da Amupe junto aos municípios. Foram realizados, em parceria com a CGU, Controladoria e Ouvidoria do Estado, diversos cursos, capacitações, oficinas e treinamento com gestores nessa área. Em 2018, vale ressaltar, o Congresso da Amupe trabalhou o tema. Este ano, a associação está articulando parceria com o TCE para reforçar a ação.

Junto com a União Europeia, a Amupe executa o projeto Gestão Cidadão, que estimula a transparência, controle e a participação social nos municípios. Os resultados já apareceram nas 16 prefeituras atendidas pela iniciativa. Ao todo, 14 delas alcançaram o índice desejado pelo TCE: Águas Belas, Bezerros, Calumbi, Carnaíba Caruaru, Cumaru, Cupira, Flores, Gravatá, Machados, Santa Cruz da Baixa Verde, Solidão, Surubim e Toritama.

“As prefeituras pernambucanas estão de parabéns por entenderem que gestão pública eficiente se faz com investimento em transparência e participação social. A Amupe tem cumprido seu papel de ser a indutora, por meio do projeto Gestão Cidadã, dessa conscientização acerca das boas práticas. Consideramos essencial o envolvimento da sociedade junto ao Poder Público para o cumprimento dessa que é a meta 17 dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. Vamos trabalhar para que, ao fim de 2020, 100% dos municípios sejam totalmente transparentes”, destacou o presidente da Amupe, José Patriota.

IMG-20190417-WA0045

Bartolomeu Bueno, cidadão brasileiro, Desembargador do Tribunal de Justiça de Pernambuco e Presidente da Associação Nacional dos Desembargadores, em seu nome pessoal, vem de público, manifestar o seu mais veemente repúdio contra a decisão monocrática do Ministro Alexandre de Morais, do colendo Supremo Tribunal Federal – STF, que determinou a supressão de matérias jornalísticas publicadas no Site o Antagonista e na Revista Crusoé, nas quais se faz referência ao Ministro Dias Toffoli, por suposto envolvimento nos fatos objeto da Operação Lava-Jato.
No ensejo, manifesta a sua compreensão inarredável que a liberdade imprensa, garantida constitucionalmente, é um dos sustentáculos do Estado Democrático de Direito, cabendo ao Supremo Tribunal Federal, como guardião da Constituição Federal, garantir o seu pleno funcionamento e não vedá-lo, como no inaceitável episódio protagonizado pelo Ministro Alexandre de Moraes e como vítimas o Site O Antagonista e a Revista Crusoé e em última análise as Instituições, os cidadãos e os Poderes brasileiros.

Bartolomeu Bueno
Desembargador do Tribunal de Justiça de Pernambuco
Presidente da Associação nacional dos Desembargadores – ANDES

 

IMG-20190416-WA0121

Destaque nas redes sociais

Contrariando o velho clichê de “sumir do mapa logo após o período eleitoral”, a estreante Clarissa Tércio (PSC) foi a única deputada estadual que cresceu nas redes sociais por sua atuação e interação com o eleitor via internet. A análise e os infográficos do estudo ParlaFacebook, feito a regularmente pela Paradox Zero em Pernambuco, mostram que na Assembleia Legislativa Clarissa se destacou saltando de 61 mil para 67 mil curtidores nos últimos três meses e agora assumiu a quarta colocação geral. Entre os cinco primeiros Clarissa registrou crescimento de 8,7% no último trimestre. Os outros quatro, pelo contrário, tiveram redução de 0,3% no número de curtidores.

PERFORMANCE – Mesmo em seu primeiro mandato, a líder do PSC na Alepe, atua com desenvoltura gravando vídeos, repercutindo ações, pronunciamentos. Integrante da Bancada de Oposição, suas fiscalizações e cobranças junto incomodam o Governo do Estado e são curtidas e compartilhadas por milhares na web.

O local vem tendo seu nome reservado para evitar mais abandono de animais na área

16 04 GATOS

Postado por Marcos Lima Mochila

 

A vereadora Goretti Queiroz acompanhou, na manhã da segunda-feira (15), o caso da morte de mais de 19 animais envenenados em um bairro do Recife. A chacina aconteceu no nesse final de semana. Essa não é a primeira vez que ocorre morte de gatos por envenenamento na capital pernambucana.

Após a visita, a vereadora informou que irá articular uma reunião com os moradores e comerciantes da área para viabilizar meios para tentar encontrar uma solução para o abandono dos animais no local. Goretti também informou que vai colocar um sistema de monitoramento de segurança com câmeras e rondas de motos para o local. “Essa solicitação foi feita pelos moradores à Prefeitura do Recife há alguns anos. Eles pedem que sejam instaladas câmeras para filmar as pessoas que estão abandonando os animais naquele espaço, porém, como nada foi feito, até o momento, eu me disponibilizei a doar o sistema de segurança com recursos próprios para tentar coibir o abandono na praça”, disse.

Goretti fez questão de enfatizar como será realizada a ação. “Estou fazendo como ativista animal, que sou há mais de 10 anos, e não como vereadora. Sempre faço questão de dizer que não sou vereadora, eu estou vereadora do Recife, mas sou ativista desde que nasci. É a minha missão”, reforçou.

A parlamentar aproveitou seu espaço no Plenário da Câmara, na própria segunda-feira (15), para lembrar aos vereadores da casa sobre a Audiência Pública que realizou, na última semana, cobrando providências nos casos de maus tratos aos animais. Na ocasião, estiveram presentes órgãos ligados à causa como a Delegacia de Polícia do Meio Ambiente (Depoma), Cipoma, Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Corpo de Bombeiros, CPRH, Secretária do Direito de Defesa Animal (SEDA-PE) e Prefeitura do Recife.

Goretti lembrou que, após a visita feita ao local onde os gatos foram assassinados, encaminhou um ofício para a prefeitura cobrando a manutenção dos equipamentos que foram danificados na área, como também solicitou a sua equipe de comunicação prioridade nas campanhas de conscientização, com placas educativas, informando à população que cometer maus tratos é crime. Eventos de adoção para os animais da área e mutirões de castração nas comunidades ao redor do bairro também estão na pauta.

16 04 CONFERÊNCIA SALGUEIRO

Postado por Marcos Lima Mochila

 

A 9ª Conferência Municipal de Saúde foi realizada com sucesso. Organizada pela Prefeitura Municipal de Salgueiro, através da Secretaria de Saúde e do Conselho Municipal de Saúde (CMS), o evento reuniu dezenas de participantes que traçaram, de forma democrática, as propostas para as políticas públicas de saúde no município.

O encontro reuniu representantes dos trabalhadores, gestores e usuários da saúde, tendo como principal objetivo garantir a ampla participação popular, a fim de pautar as reais demandas e coletar sugestões para a discussão a nível nacional.

Na oportunidade, também foram eleitos os delegados para a Conferência da IV Macro Regional de Saúde que acontecerá no dia 27 de abril, na cidade de Petrolina (PE). Foram eleitos 20 (vinte) representantes nos seguintes segmentos: 5 (cinco) trabalhadores, 5 (cinco)gestores e 10 (dez) delegados dos usuários. Para a suplência, foram eleitos  2 (dois) do segmento usuário, 1 (um) trabalhador, 1 (um) para gestor.

“Este evento é um momento importante, onde mobilizamos e estabelecemos diálogos com a sociedade civil organizada e a população, acerca do direito à saúde e em defesa do SUS [Sistema Único de Saúde], além de analisar as prioridades locais. Através das discussões nas conferências é que teremos uma saúde mais fortalecida e melhor para todos os cidadãos salgueirenses”, relatou o prefeito do município, Clebel Cordeiro.

Fechar