Arquivos do mês fevereiro 2019

 

IMG-20190220-WA0260

Isso é justo?
Por Arthur Cunha
Eu queria utilizar esse espaço para tratar de outros assuntos. Mas não dá para deixar passar em branco a forma como “alguns” muitos semideuses do serviço público insistem em agir. Quase que despercebido, o Tribunal de Justiça de Pernambuco publicou, no seu Diário Oficial de ontem, um ato autorizando o pagamento de auxílio-alimentação retroativo a 2011 para desembargadores e juízes. Nada ilegal; tudo baseado em uma resolução do CNJ como manda a letra da lei. Não estou questionando a legalidade, mas a moralidade desse processo, sobretudo, em tempos de debate da reforma previdenciária. Será que é realmente justo que essas categorias de servidores públicos mereçam tantos penduricalhos?

Sinceramente, a minha opinião é que não. Confesso que fiquei estarrecido: o ato autoriza o pagamento do benefício desde 20 de junho de 2011 – são quase oito anos a serem recebidos por suas excelências. Imagina o tamanho do impacto financeiro que isso pode causar nos cofres de um Poder que vive de Duodécimo. Atentem para a nuance: não estou questionando os altos salários que desembargadores e juízes ganham no comparativo até com outros servidores públicos – algo entre R$ 25 mil e R$ 40 mil mensais, em média. Isso é outra discussão. Estou me referendo aos penduricalhos. No final das contas, os contracheque do Judiciário são o registro de verdadeiras fortunas, justificando o título de “semideuses” aos seus integrantes.

Como se fosse pouco o dinheiro do retroativo, o TJPE ainda autorizou o reajuste do auxílio-alimentação pago atualmente aos magistrados. Com duas canetadas, eles resolveram o passado, o presente e o futuro. O valor do benefício pulou para R$ 1.561,80. A maioria dos brasileiros ganha menos do que isso não apenas para “alimentação”, mas para sobreviver o mês todo. Vocês não leram errado não, meus amigos. Volto a dizer antes que alguém grite: tudo foi feito dentro da lei.

Questionado por este colunista, que deu a notícia em primeira mão, o Tribunal de Justiça foi lacônico em sua resposta. Por meio da sua assessoria, informou apenas que “o levantamento está sendo realizado pelo Setor Financeiro, e o pagamento depende de dotação orçamentária”. Oxalá esse “Setor Financeiro” diga que não pode pagar (tu acha mesmo?). Vamos rezar/orar a Deus para que ele ilumine essa turma e eles não façam o Judiciário pernambucano dar mais esse péssimo exemplo. Haja oração para alcançar essa graça.

IMG-20190220-WA0259
Previdência – Falando nos semideuses do serviço público, e sobre a reforma da previdência de Bolsonaro, há alguns aspectos que devem ser considerados no que diz respeito às carreiras de Estado. Até porque são essas carreiras que oneram, consideravelmente, a folha de pagamento das aposentadorias e pensões – muitas delas, inclusive, variando de R$ 25 mil a 50 mil, com algumas ultrapassando essas cifras astronômicas.

Sócias do Estado – Tais carreiras de Estado, sem dúvida, desempenham atividades imprescindíveis, e, portanto, devem ser bem remuneradas. Mas, claro, sem penduricalhos. Contudo, tal importância não lhes confere o direito de serem “sócias do Estado”, reivindicando verdadeiros pró-labores. Há categorias de servidores que recebem 14º salário, participação nas multas, dentre outros privilégios.

Nobres europeus – O problema é que essas carreiras não só se sentem “sócias do Estado”, como sonharam um dia que são príncipes e princesas. Querem viver nababescamente como nobres europeus. Não sou contra ninguém ganhar um alto salário, repito, desde que haja equidade, justiça social e boa distribuição da renda. Não cabem salários tão opulentos em um Estado pobre como o brasileiro. Isso é, sem dúvida, um acinte.

IMG-20190220-WA0258

Recife/Paulo Afonso – O secretário de Turismo de Pernambuco, Rodrigo Novaes, comemorou os dois voos semanais entre Recife e Paulo Afonso, na Bahia, anunciados pela Azul. Rodrigo atuou fortemente para viabilizar os destinos, que ligarão a capital ao Sertão de Itaparica, colocando na rota municípios como Petrolândia, que oferece as praias do Lago de Itaparica como atrativo. “Temos uma oportunidade de abrir uma nova fronteira turística no Estado, despertar a atenção para as praias à beira do lago, para a história das cidades alagadas, que marca a vida de tantos pernambucanos”, pontuou.
Curtas
ANTICORRUPÇÃO – Com objetivo de fortalecer as ações para reprimir e prevenir o combate à corrupção em Pernambuco, a secretária da Controladoria-Geral do Estado e ouvidora-geral, Érika Lacet, tem articulado o apoio de outras instituições. Nesta semana, ela esteve reunida com a procuradora-geral do Ministério Público de Contas, do Tribunal de Contas do Estado, Germana Laureano. Em pauta, a implementação de um acordo de leniência.

FRENTE – Foi aprovada, ontem, no plenário da Assembleia Legislativa, a Frente em Defesa do Sistema Único de Assistência Social (SUAS). A proposição foi do deputado Isaltino Nascimento. “Vamos mobilizar assistentes sociais, gestores públicos municipais, parlamentares e sociedade civil para participarem da Frente. Não vão passar por cima dos avanços que a área teve nos governos passados sem que haja uma grande mobilização e ampla discussão nas casas legislativas”, salientou.

“EU GOSTEI” – Você achava mesmo que esta coluna terminaria sem mais uma do prefeito de Sucupira… ops, Camaragibe. Em entrevista ainda sobre o escândalo dos áudios, Demóstenes Meira disse que gostou da repercussão. “Eu achei maravilhoso o que aconteceu (até o Jornal Nacional descendo a lenha). Se eu fosse contratar todas as televisões para levantar o nome de Taty, eu gastaria mais de R$ 3 milhões”, disse. Só para reforçar: esse homem foi eleito, tá!

Perguntar não ofende: o que você achou da reforma da Previdência do Bolsonaro? Respostas no (81) 99198-0838.

IMG-20190220-WA0263

Serra Talhada, no Sertão do Pajeú, contará com importante reforço no abastecimento através da construção de adutora com nova tubulação de ferro fundido, que levará água para os campis da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UAST) e para a Faculdade de Medicina da Universidade de Pernambuco (UPE). A assinatura do plano de trabalho para a execução da obra, realizada nesta segunda-feira (18), contou com a articulação do deputado federal Fernando Monteiro (PP) e celebra uma parceria entre a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) e a prefeitura do município.

A obra, orçada em R$ 1,5 milhão e que terá 4 km de extensão, vai beneficiar diretamente mais de 3 mil pessoas nas instituições de ensino e desafogar o abastecimento da adutora antiga, melhorando a distribuição de água nas comunidades dos bairros do Mutirão e Universitário, com cerca de 7 mil pessoas.

A assinatura do convênio contou com a participação do deputado federal Fernando Monteiro; do presidente da Compesa, Roberto Tavares; do diretor de Interior da Companhia, Marconi Azevedo; do prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque, e da reitora da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), Maria José de Sena.

IMG-20190220-WA0264

Segundo o prefeito Luciano Duque, o empreendimento, após a fase de licitação, tem previsão de conclusão de pouco mais de um mês. “A prefeitura de Serra Talhada arcará com os serviços de implantação do equipamento. Em pouco mais de um mês estaremos comemorando essa conquista”, afirmou o gestor da cidade sertaneja.

“Essa obra é de extrema importância para a garantia de serviços necessários e urgentes na cidade, como a manutenção dos trabalhos desenvolvidos nas unidades educacionais e de comunidades no entorno. Possibilitar a melhoria da qualidade de vida dos pernambucanos e o desenvolvimento econômico das cidades do meu Estado são prioridades minhas”, atestou Fernando Monteiro.

Segundo a reitora da UFRPE, a adutora permitirá que as atividades de ensino e pesquisa se desenvolvam a contento. “A garantia de abastecimento é tranquilizadora e garantirá que as atividades não sejam prejudicadas. Foi um grande progresso”, garantiu.

Além desse investimento, outro avanço discutido no encontro entre os gestores foi o andamento de uma segunda adutora, que abastecerá o novo bairro de Serra Talhada, o Vanete Almeida, que conta com 902 unidades habitacionais pelo programa Minha Casa Minha Vida. As casas, financiadas pelo Banco do Brasil, já estão prontas para serem entregues. O novo empreendimento permitirá também o abastecimento do futuro condomínio industrial de Serra Talhada e do Hospital Geral do Sertão (HGS) – Governador Eduardo Campos, localizado às margens do Km 418 da BR-232, também em Serra Talhada, conquista viabilizada por emendas de Fernando Monteiro.

“O empenho de Fernando Monteiro para a melhoria do abastecimento nas cidades pernambucanas é evidente. Ele é um parceiro e tanto para o andamento de projetos importantes para Pernambuco. Entre eles, a Adutora do Agreste, que vem avançando graças também aos seus esforços”, atestou o presidente da Compesa, Roberto Tavares.

Fotos: Juana Carvalho/Divulgação.

IMG-20190220-WA0262

Anúncio de duas frequências semanais ligando o Recife à cidade baiana colocam na rota dos visitantes destinos como Petrolândia, que oferece as praias do Lago de Itaparica como atrativo

Recife, 20 de fevereiro de 2019 – As belezas do Sertão têm tudo para entrar de vez na rota turística de Pernambuco. O Governo do Estado celebra a conquista, por meio da Secretaria de Turismo e Lazer (Setur) e da Empresa Pernambucana de Turismo (Empetur), de duas novas frequências ligado o Recife à cidade baiana de Paulo Afonso, na divisa com o Estado. A rota promete colocar no circuito turístico cidades com grande potencial para o turismo de lazer e de aventura, a exemplo de Petrolândia, destino repleto de belas paisagens naturais, às margens do Lago de Itaparica, ou melhor, Lago Luiz Gonzaga.

“A região de Petrolândia, cidade que herdou o nome da visita feita por Pedro II à região, tem um potencial enorme para o turismo. É um destino que, sem dúvida, vai crescer muito com este voo da Azul. Temos uma oportunidade de abrir uma nova fronteira turística no Estado, despertar a atenção para as praias à beira do lago, para a história das cidades alagadas, que marca a vida de tantos pernambucanos. Esse é um primeiro grande passo para atrairmos a atenção do trade e de investidores para o Sertão, que é um dos principais focos do Governo do Estado atualmente”, destaca o secretário de Turismo e Lazer, Rodrigo Novaes.

A nova rota será iniciada no dia 2 de maio e deverá ser operada às segundas e sextas, saindo do Recife às 13h10 e aterrissando em Paulo Afonso às 14h30. Da cidade baiana, o voo decolará ás 15h, chegando ao Recife às 16h15. Os bilhetes para os voos estão disponíveis a partir desta quarta-feira (20/2) em todos os canais oficiais de venda da companhia aérea.

Com o novo destino, que vai beneficiar ainda as cidades vizinhas de Floresta, Jatobá e Tacaratu, a Azul fortalece a conectividade de sua malha em Pernambuco, passando a servir a capital com 59 decolagens em dia-pico para 30 destinos. A aeronave a ser utilizada é a ATR 72-600, com capacidade para até 70 passageiros.

A novidade chega em ótimo momento. Recentemente, Petrolândia passou a ser contemplada entre os destinos divulgados em ações promocionais do Estado. Ela foi acrescentada nos painéis que já exibem belas imagens do Recife, Olinda, Porto de Galinhas e Fernando de Noronha aos nossos visitantes, em ações como o receptivo oferecido no Terminal Marítimo de Passageiros aos cruzeiristas que desembarcam na capital até abril.

Petrolândia se caracteriza pelas belas paisagens naturais e tem como um dos principais locais de visitação a Igreja do Sagrado Coração de Jesus, submersa no Velho Chico. O local é muito usado em ensaios fotográficos e atrai mergulhadores. Outros pontos de destaque na região é a Ilha de Rarrá e a Praia do Sobrado, convidativas a um belo banho de rio no São Francisco. “A Ilha de Rarrá não perde para nenhum destino já consagrado. Carece apenas de atenção, promoção e incentivo à iniciativa privada para que vire um grande polo de turismo do Estado. Apostamos nisso como uma forma de aquecer a nossa economia e gerar empregos”, finaliza Rodrigo Novaes. Eu

IMG-20190220-WA0223
Por Márcio Maia

Os políticos pernambucanos voltaram a alcançar destaque nacional, ocupando alguns dos mais importantes cargos tanto no Congresso Nacional, quanto na direção de alguns dos principais partidos. Pernambuco sempre se destacou por sua importância política, como se pode constatar através dos trabalhos realizados pelo ex-presidente da República, Lula (PT), o ex-vice-presidente Marco Maciel (DEM), os ex-governadores Miguel Arraes (PSB) e Eduardo Campos (PSB).
Atualmente, nada menos de quatro dos principais partidos políticos são presididos por pernambucanos. O PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro, é presidido pelo deputado federal Luciano Bivar, o PSB é dirigido por Carlos Siqueira, tendo o governador Paulo Câmara na vice, o MDB tem como presidente o ex-deputado Romero Jucá, que apesar de ter sido eleito por Roraima nasceu em Pernambuco, e o PCdoB tem como presidente, a vice-governadora Luciana Santos. O ex-deputado federal Bruno Araújo deverá se eleito presidente do PSDB.

IMG-20190220-WA0225

Também podemos citar como pessoas de grande importância política na estrutura federal, José Múcio Monteiro, presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), e a vice, a também ex-deputada federal Ana Arraes. O deputado federal João Campos (PSB), filho de Eduardo Campos, eleito com expressiva votação, já vem sendo apontado como um dos futuros grandes líderes.
CONGRESSO – No Congresso Nacional, os nomes pernambucanos vêm sendo reconhecidos por suas relevantes atuações, tanto no Senado quanto na Câmara Federal. O líder do Governo no Senado, recentemente escolhido pelo presidente Bolsonaro, é Fernando Bezerra Coelho, de grande importância, pois já havia ocupado os mesmos cargos nos governos de Lula (PT), Dilma Rousseff (PT) e Michel Temer (MDB).
Na Câmara, o líder do DEM é o também petrolinense Fernando Filho, um jovem valor que vem se destacando como grande articulador, seguindo os passos do avô, o ex-governador e senador Nilo Coelho, o primeiro grande líder político da família.

IMG_20190220_192811

Ainda na Câmara Federal, os pernambucanos destacam-se como líderes de suas bancadas. Tadeu Alencar, um dos mais elogiados parlamentares, é o líder do PSB, Augusto Coutinho, como toda sua experiência, lidera o Solidariedade (SD), e Daniel Coelho ocupa a liderança da bancada do PPS, que já foi presidido pelo também pernambucano Roberto Freire, que vem atuando na política paulista.
Por tudo isso, podemos afirmar que Pernambuco é realmente a Capital da Política Brasileira.

IMG-20190220-WA0003

Com a faca e o queijo na mão
Por Arthur Cunha
Enquanto a crucificação do ex-ministro Gustavo Bebianno se desenrolava nos holofotes, o governo trabalhava em silêncio para definir seu líder no Senado. E o escolhido foi mesmo Fernando Bezerra Coelho, cuja indicação estará no Diario Oficial da União de hoje. Com isso, o pernambucano terá servido a três presidentes em sequência: Dilma, Temer e Bolsonaro. FBC aumentará sua influência em Brasília, liberando recursos federais e levando obras para turbinar a gestão do filho Miguel, em Petrolina, e de aliados. Mais do que isso: tem tudo para se tornar a principal liderança de oposição no estado, deixando Armando Monteiro, Mendonça Filho e Bruno Araújo para trás.

No plano nacional, Fernando tem três grandes desafios logo de cara. O primeiro e crucial, até pelo trânsito que ele tem no Congresso, é ajudar na aprovação da reforma da Previdência, a principal aposta do novo governo. Com uma base ainda em formação, a tropa de choque de Bolsonaro precisará da experiência de quadros como FBC, haja vista a presença de muitos novatos e inexperientes nas duas casas. O pacote anticrime do ministro Sérgio Moro (Justiça) deve ser outra das prioridades do novo líder governista.

No entanto, a tarefa mais espinhosa de Bezerra Coelho na função será conter a ira e consequente rebordosa do colega de partido Renan Calheiros (AL). Preterido por Jair e Flávio Bolsonaro na catastrófica eleição para presidente do Senado, Renan não vai facilitar as coisas para o Palácio do Planalto. Pelo contrário, vai jogar muito contra o presidente da República e sua administração. E, se Bolsonaro perder popularidade, estará pronto para sangrar ainda mais o ex-capitão.
O posto de líder do governo no Senado também deve pesar a favor de Fernando na briga travada contra o senador Jarbas Vasconcelos pelo comando do MDB em Pernambuco. A tão sonhada candidatura de FBC a governador, em 2022, passa pelo comando de um grande partido, o que vai lhe assegurar boas condições na disputa. Enquanto os “companheiros” oposicionistas estão juntando os pedaços após derrotas nas urnas, Bezerra Coelho larga na frente. Está com a faca e o queijo não.

IMG-20190220-WA0005

Onde sempre esteve – Perguntado sobre o que achava da indicação de FBC para líder do governo no Senado, o ex-prefeito de Petrolina Julio Lossio soltou essa: “Fernando está onde sempre esteve, no governo, qualquer governo. Os governos mudam; FBC, não”. Outro adversário, esse em reserva, também tirou uma onda. “No dia em que envia um pacote anticorrupção para Congresso, Bolsonaro elege um acusado de corrupção para seu líder no Senado”.

 

Ligação – Presos na Operação Fantoche, que investiga corrupção em contratos do Ministério do Turismo com o Sistema “S”, Luiz Antônio Gomes Vieira da Silva e Lina Rosa Gomes Vieira da Silva, da Aliança Comunicação, integraram com destacado papel as equipes de comunicação das campanhas de Armando Monteiro Neto em pelo menos três eleições: 2018, 2014 e 2010. Também detido, o presidente da Fiepe, Ricardo Essinger, é outro que sempre esteve na órbita do petebista.

IMG-20190220-WA0004

Nova convocação – Quando você acha que o escândalo de Camaragibe já tinha dado tudo, surge a informação, também antecipada por este colunista, que o prefeito Meira escalou a noiva para outra prévia. Taty Dantas vai entoar hits como o da “Periquita” no Kalango & Cia, neste sábado. O bloco pertence ao irmão do prefeito, Davi Meira, que é também secretário de Saúde. Atenção, comissionados, vocês podem receber outra “convocação” a qualquer momento!

Textão – Taty Dantas, por sinal, escreveu um textão sobre seu show no Canário Elétrico – isso até se explica (É o amor). O que a cantora-secretária não conseguiu justificar foi o fato de o noivo-prefeito ter ordenado que os comissionados da gestão fossem lhe prestigiar. Segundo Taty, ela tem sido procurada por “diversos produtores do Brasil”. Conhecida ela já está mesmo…

Curtas

SENSATO – Muito sensata a entrevista do ex-ministro Gustavo Bebianno ao programa Pingos Nos Is, da Jovem Pan, ontem, depois dos áudios de suas conversas com Jair Bolsonaro terem vazado. Bebianno confirmou o que já se esperava: que ele foi demitido por vontade do filho do presidente, Carlos Bolsonaro, que comandou sua avassaladora fritura no governo e nas redes sociais.

CARLUXO SURTADO – A gente entende a influência que um filho pode exercer sobre um pai, e todo o amor envolvido nessa relação. Mas Jair Bolsonaro não pode submeter a Carluxo, seu 02, tamanho poder. Quem, de fato, é o presidente? O vereador do Rio só age com o fígado, e, junto com os irmãos, pode ser a ruína do pai. Parece até bíblico.

E AÍ, BIVAR? – “Dono” do PSL, Luciano Bivar se disse “estupefato” com os áudios trocados entre Bolsonaro e Bebianno. Também afirmou que o ex-ministro estava “desesperado” porque, na opinião dele, vazou as conversas. O que Bivar não explicou foi a acusação que recaiu sobre ele de supostamente ter usado “laranjas” para desviar dinheiro na campanha. Com a palavra, o deputado.

Perguntar não ofende: O que Meira vai aprontar hoje?

IMG-20190219-WA0187

O Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), órgão vinculado à Secretaria de Desenvolvimento Agrário, firmou parceria com a Universidad Autónoma Del Beni, da Bolívia. A assinatura oficializando o termo de colaboração ocorreu após reunião entre o presidente do IPA, Odacy Amorim; do reitor da instituição de ensino, Luis Carlos Aguirre, além do diretor de pesquisa Gabriel Maciel, na sede do órgão, no Recife.

O termo assinado trata de uma cooperação técnica de estágio não remunerado em áreas de atuação do IPA, ligadas à tecnologia e pesquisa agrícola, entre outros, em um período mínimo de seis meses. “O presente termo objetiva a viabilização e regularização de estágio, de interesse curricular num trabalho conjunto entre as partes, complementando o processo ensino-aprendizagem”, diz o diretor de pesquisa do IPA, Gabriel Maciel.

Vale salientar que o trabalho será desenvolvido como atividade opcional acrescida à carga horária do aluno, respeitando todas as regras vigentes. Qualquer aluno matriculado regularmente na referida instituição de ensino poderá se candidatar de acordo com tabela de vagas/cursos ofertados pelo IPA. Para o presidente Odacy Amorim, a parceria é importante pois possibilita a troca de experiência entre as instituições e ratifica o trabalho do IPA por inovações na área, buscando o melhor para o desenvolvimento agrário.

Fonte: Núcleo de Comunicação do IPA

IMG-20190219-WA0180

O Presidente Jair Bolsonaro (PSL) acaba de enviar comunicado ao Senado Federal, indicando o Senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) como líder do governo no senado. Com essa indicação, Fernando Bezerra Coelho ganha força nacionalmente e também a nível estadual.

O comunicado foi feito ao Presidente do Senado no final da tarde desta terça-feira.

Fernando Bezerra de Sousa Coelho conhecido também como FBC nasceu em Petrolina em dezembro de 1957, é um administrador de empresas pela Fundação Getúlio Vargas e político brasileiro, filiado ao Movimento Democrático Brasileiro (PMDB). Em outubro de 2014 foi eleito Senador por Pernambuco, cargo que exerce desde 01 de fevereiro de 2015.

 

Blog do Silvinho

IMG-20190218-WA0285

 

Crise política insustentável em Camaragibe
Por Arthur Cunha
Ficou insustentável a grave crise política instalada na Prefeitura de Camaragibe após o prefeito Demóstenes Meira ordenar que todos os cargos comissionados da gestão fossem prestigiar o show da sua noiva, Taty Dantas, no bloco Canário Elétrico, anteontem. Os áudios que o gestor mandou para um grupo de WhatsApp, divulgados por este colunista em primeira mão, fizeram com que o procurador-geral de Justiça, Francisco Dirceu Barros, determinasse a instauração de procedimento investigativo criminal para apurar se Meira cometeu peculato. Já a promotora de Defesa do Patrimônio Público, Mariana Vila Nova, abriu outra ação, desta vez para investigar se o gestor incorreu em improbidade administrativa.

Nos bastidores, a informação é que o posicionamento forte do Ministério Público, ainda que tardio, pode acelerar o julgamento de processos e andamento de investigações contra o prefeito, que correm em segredo de Justiça, resultando, o quanto antes, no seu afastamento do cargo. Mais rápida que o MPPE, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) entrou no jogo cobrando uma investigação rigorosa ainda ‪no domingo à noite‬. Durante o dia de ontem, a ampla cobertura dada pela Imprensa local e nacional ao fato deu contornos quase irreversíveis à situação do prefeito, que, nem com toda repercussão negativa, reconheceu exagero nos seus atos.

A oposição da cidade estuda entrar, via Câmara Municipal, com o pedido de Impeachment do prefeito. Como tem maioria na Casa, Meira não deve se preocupar com os vereadores. O clima nas ruas e nas redes sociais, contudo, é totalmente desfavorável ao petebista. O gestor recebeu uma enxurrada de críticas pela postura de ordenar que seus comissionados prestigiassem a noiva em um bloco de Carnaval organizado pelo secretário de Educação, Denivaldo Freire.

A insatisfação para com o chefe do Executivo também é grande entre os guardas municipais da prefeitura. Muitos foram convocados a deixar a folga do domingo e “fiscalizar” se os aliados de Meira realmente estavam no bloco. A decisão do prefeito acabou deixando descobertos outros equipamentos públicos, como um hospital, que ficou sem segurança. Relatos nas redes sociais dão conta de que até o cemitério da cidade foi fechado para os comissionados que lá trabalham pudessem ir acompanhar o Canário Baleado. Como eu disse ontem, Camaragibe parece a Sucupira da novela “O Bem Amado”. Uma pena.

Vou processar! – Em entrevista à uma rádio local pela manhã, antes de “mergulhar”, o prefeito de Camaragibe garantiu processar os que estão “levantando calúnia e difamação” contra ele, sua gestão e sua noiva. Também jogou o desgaste na conta da oposição (praxe); e ainda disse que vai provar sua inocência. “Estou tranquilo, quero dizer ao povo de Camaragibe que há uma meia dúzia de pessoas que perderam a eleição e estão querendo criar constrangimento”, disse Meira, sem saber que a “meia dúzia” viraria milhões de pessoas que o assistiram “brilhar” até no Jornal Nacional.

IMG-20190217-WA0116

Paixonite – Um deputado brincou, em reserva, que o “crime” do prefeito foi o de “paixonite” pela noiva. “Ela não recebeu nenhum dinheiro para cantar. Cantou porque quis ajudar, mostrar a marca dela em Pernambuco, começando pela cidade de Camaragibe, do noivo dela”, defendeu Meira. Que altruísmo da futura primeira-dama, nomeada secretária de Assistência Social. Os dois estão juntos há cerca de sete meses e casarão em junho, “se Deus quiser”, segundo o prefeito. Taty Dantas realmente deixou uma marca que o Brasil inteiro viu. Uma marca para lá de negativa!

Visão deturpada – A fala do prefeito de Camaragibe traduz bem como ele entende o serviço público. “Cargo comissionado não é funcionário público; não é contratado. Não convoquei nem contrato, nem funcionário público. Convoquei cargo comissionado, que é da minha inteira confiança. São meus amigos, pessoas que estavam comigo. Eles não sabem o que é cargo comissionado. Estava convocando, iria ser filmado, até para saber quem são os meus amigos e quem não são”, argumentou Meira, com uma naturalidade de espantar.

 

IMG-20190218-WA0284Sem noção – Altamente conturbada, mal administrada e com um desfecho ainda em aberto a crise que resultou na demissão do agora ex-ministro Gustavo Bebianno. Jair foi Bolsonaro desde o início; e fez o que sabe fazer de melhor: jogar lenha na fogueira! Não desceu do palanque e insiste em, já na condição de presidente, agir como se estivesse eternamente em campanha. Seus filhos, que, quando não manipulam, são manipulados pelo pai, são outros com absoluta falta de bom senso. Se preparem que Bebianno vem com artilharia pesada contra o ex-chefe.
Curtas

CONSELHO DE … – O deputado estadual Romário Dias quase conseguia embargar a eleição para o Conselho de Ética da Alepe, ontem. O parlamentar foi ao microfone dizer que o regimento estava sendo desrespeitado porque, na primeira composição do colegiado, havia colega seu que não poderia estar lá. Ele não adiantou o motivo, mas, supostamente, foi pelo fato de alguns estarem respondendo a processo.

… ÉTICA – Depois de consultar o regimento, o presidente Eriberto Medeiros mandou mudar as cédulas de votação com a justificativa de que Gustavo Gouveia, por ser suplente da Mesa, não poderia ocupar suplência no colegiado. Depois da votação, acabaram eleitos como titulares Aglailson Victor, Antônio Moraes, Francismar Pontes, Joaquim Lira, João Paulo, Tony Gel e Rogério Leão. Presbítero Adalto será o ouvidor.

APROVEITADOS – Seguindo uma tradição na Assembleia Legislativa, os deputados não reeleitos começam a ser aproveitados em cargos estratégicos na estrutura da Casa. É o caso de Ricardo Costa, nomeado superintendente de Comunicação, e Vinícius Labanca, que foi para a Superintendência Parlamentar ontem. A expectativa é que outros deputados sem êxito nas urnas também sejam convocados para funções na Alepe.

Perguntar não ofende: o prefeito de Camaragibe deve ser afastado do cargo? Respostas no ‪(81) 99198-0838‬.

IMG-20190217-WA0115

Sem crise de consciência

Por Arthur Cunha

Chegou a causar estranheza a normalidade com que o prefeito de Camaragibe, Demostenes Meira, mandou áudios de WhatsApp ordenando os “cargos comissionados” da gestão a irem para o bloco de Carnaval onde sua noiva fez um show, ontem – a agremiação do secretário de Educação, por sinal, foi patrocinada pela prefeitura com dinheiro do povo. Parecendo tratar de uma questão comum da administração, Meira usou um tom de ameaça ao revelar que havia mandado gravar o evento para ver, posteriormente, quem foi. Desde que este colunista divulgou com exclusividade o conteúdo dos áudios, o caso correu todo o estado gerando muita discussão sobre os limites éticos da relação entre prefeitos e comissionados. E confusão também.

Quem conhece o prefeito de Camaragibe, sabe que ele – digamos – não tem muitos filtros na hora de defender os seus pontos de vista. “Eu sei que tem gente que não gosta de Carnaval; eu também não vivo Carnaval. Mas minha noiva vai cantar, a minha futura esposa, Taty Dantas. E eu quero a presença de todos os cargos comissionados. Vai lá para dar presença. Depois que ela cantar as músicas dela está todo mundo liberado”, disse o gestor, curto e grosso, na primeira mensagem, horas antes de o bloco Canário Baleado, do secretário Denivaldo Freire, começar. Vale salientar que a noiva do prefeito só começou a cantar perto das 18h; e a convocação foi para todos estarem lá às 12h.

No segundo áudio, Meira aumentou o tom da ameaça. “Pessoal, aqui é o prefeito Meira! Quem clicou e ainda não viu a mensagem trate de ouvir a mensagem. Trate de ouvir a mensagem porque eu estou acompanhando de perto quem está clicando, quem está abrindo. Quem está dormindo, quando acordar, clica e escuta a minha mensagem. Quero todos os cargos comissionados no bloco, independente de ser crente, espírita, católico; de não gostar de Carnaval. Vou fazer uma filmagem, vou gravar todos os cargos comissionados que estiverem presentes”, cravou.

A única diferença de Meira para a maioria dos gestores municipais é que ele não faz questão de escancarar esse tipo de prática, tão corriqueira no cotidiano das prefeituras. Com o posicionamento, ele acabou mostrando como pensa uma grande parcela dos que nos governam, misturando o público com o privado sem nenhuma crise de consciência. Utilizando, na realização dos seus caprichos, funcionários que recebem do Município para executar serviços que beneficiem (apenas) a população. Se o Ministério Público não agir de imediato, será conivente e estará autorizando, tacitamente, a continuidade desses desmandos em Camaragibe.

IMG-20190217-WA0116

Periquita – Para quem não conhece, a noiva e futura esposa do prefeito de Camaragibe é a cantora Taty Dantas, que aparece em vídeos na Internet cantando músicas a exemplo daquela cujo refrão é: “Quem vai querer a minha periquita, a minha periquita, a minha periquita?”. A canção, da banda Forró de Aço, tem, claro, duplo sentido – Taty a cantou no bloco, ontem. Diz a letra: “Uma águia passou pelo meu quintal/ Num vento forte querendo namorar/ Acho que tá querendo a minha periquita/ Que há muito tempo estou doida para dar”.

Secretária – A futura primeira-dama, inclusive, foi nomeada secretária de Assistência Social de Camaragibe pelo noivo prefeito. Em sua fala na posse, Taty Dantas demonstrou não conhecer muito sobre as atribuições da pasta. Disse que vai dar o melhor de si para, junto aos vereadores, “regulamentar as novas leis e fazer um Camaragibe melhor”. Oi?! Ela entrou na vaga de Júnior Borralho, filho de Val do Borralho, liderança ligada a Meira, que saiu do grupo atirando depois de o rebento ser preterido.

Cadê os guardas? – Para “fiscalizar” os comissionados no show da noiva, o prefeito de Camaragibe disse que montaria um cordão de isolamento com 30 guardas municipais. E que o restante do efetivo estaria fazendo a segurança do bloco. Dito e feito! Como resultado, começaram a chover denúncias da ausência desses servidores em outros equipamentos públicos da cidade, como o hospital Doutor Aristeu Chaves, que ficou desprotegido. Meira acabou deixando outras áreas da cidade descobertas para prestigiar a amada.

IMG-20190217-WA0114Até o cemitério fechou! – Se financiar com dinheiro público o bloco Canário Baleado, do seu secretário de Educação, já pode trazer muita dor de cabeça para o prefeito Meira, o que dizer do fechamento do cemitério de Camaragibe para que os comissionados que lá trabalham fossem prestigiar a noiva do gestor na agremiação? Pois, parece cena da novela “O Bem Amado”. Mas aconteceu! E quem denunciou esse absurdo foi a internauta Ana Paula Dias Melo, que não conseguiu enterrar a avó, falecida no sábado. É de causar perplexidade mesmo.

Curtas

FALECIMENTO – Faleceu o ex-secretário de Esportes de Paudalho, Léo Coutinho, aos 37 anos, vítima de uma descarga elétrica, na última sexta-feira. Jovem e bem articulado, Léo, que foi jogador de futebol, tinha um futuro político promissor. A coluna se solidariza com sua família e seus apoiadores.

ÂNIMOS – Ainda sobre a confusão que foi a eleição para a Presidência da Comissão de Cidadania, Direitos Humanos e Participação Popular da Alepe, um leitor atento da coluna relata que alguns deputados experientes trabalharam para apaziguar os ânimos. Foi o caso de Manoel Ferreira, João Paulo e Tony Gel, por exemplo.

ATIRANDO – Muito séria a declaração do quase ex-ministro Gustavo Bebianno, de que teria se arrependido em viabilizar as condições para a eleição de Jair Bolsonaro. Se confirmada a sua saída do governo, Bebianno deve cair atirando – ele conhece como ninguém o Bolsonarismo. A briga pode aumentar ainda mais a primeira grande crise do presidente.

Perguntar não ofende: Tem Ministério Público em Camaragibe?

ANAPF 8

Por Marcos Lima Mochila

 

Criada com o objetivo de defender os interesses dos aposentados e pensionistas da Polícia Federal nas esferas administrativa e judiciária, a ANAPF (Associação Nacional dos Policiais Federais Aposentados e Pensionistas), encerrou o seu I Encontro, na noite desta sexta-feira (15/02).

ANAPF 6

Tendo como presidente o policial federal aposentado João Carlos Sobral Martins, da Bahia, o encontro contou com representantes do Distrito Federal e dos Estados de AL, BA, SE e SP, além dos de Pernambuco.

ANAPF 9

Ao final do encontro, foi redigida uma Carta-Documento, onde foram estabelecidos os objetivos da associação, tendo como principal deles representa os policiais federais aposentados e pensionistas perante os poderes executivo, legislativo e judiciário.

ANAPF 10

“Estamos vindo para somar com as demais entidades classistas da Polícia Federal e não dividir. Somos antipartidários. Nossa bandeira de luta são os aposentados e pensionistas. Contamos com um quadro de diretores experientes e qualificados e eu, João Carlos Sobral, estarei à frente da nossa associação. Nossa maior riqueza são os nossos associados” discursou o presidente João Carlos, encerrando o Encontro.

Fechar