IMG-20190105-WA0089A tresloucada petista Dilma Vana Rousseff entronizou o Palácio do Planalto em 2013 na campanha “Outubro Rosa” e na sequência “Novembro Azul”.

A infame turma do #EleNão, regiamente favorecida pelo governo onde predominou a maior roubalheira da história, não reclamou. Muito pelo contrário, participou ativamente da campanha.

No dia de sua posse, a ministra Damares Alves, num momento de extrema descontração, soltou a frase “menino veste azul, menina veste rosa”.

Pronto! O mundo caiu, num estrondoso e inconsequente espetáculo de hipocrisia.

A decadente Rede Globo utilizou o fato para despejar a sua insana ira.

Luciano Huck, o marido da doce e feminina Angélica, entoou o coro contra Damares.

Carlos Bolsonaro, o filho do presidente Jair Bolsonaro, calou a boca de Huck sem dizer uma palavra. Com a simples publicação de uma foto.

Eis:

 

IMG-20190105-WA0091Carlos postou uma foto de Huck carregando seus dois filhos mais novos, sendo que o menino veste uma roupa de mergulho preta e azul, enquanto a menina usa roupa e chapéu rosas.

 

Fonte jornal da cidade

1 Comentário

  1. Muita hipocrisia dos esquerdista, dos contras a restauração da verdadeira democracia, dos direitos constitucionais, e garantias. Lamentável porque tentarão mas prevalecerão. Deus acima de todas, o Brasil acima de tudo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Fechar