Mickaell Mesquita: o 1º voto a gente nunca esquece
Mickaell Mesquita: o 1º voto a gente nunca esquece

Por Marcos Lima Mochila

 

Com 17 anos, o jovem Mickaell Mesquita sentiu, pela primeira vez, o prazer e o orgulho de poder dar sua opinião e seu voto, sobre os destinos de sua terra, Vitória de Santo Antão, de Pernambuco e do Brasil.

Desde criança, ele acompanhou seus pais na hora da votação. Nas últimas eleições, por ter apenas 15 anos, ele não poderia votar. Ficou apenas olhando, mais uma vez, seus pais exerceram seus deveres de cidadãos.

Este ano, Mickaell viu  chegar o seu momento de também exercer esse dever. Acordou cedo e se dirigiu à sua seção sem, sequer, esperar pelos seus pais.

Jovem evangélico, de estilo tranquilo, que gosta de estudar e de fazer novos amigos, como os muitos que tem em sua escola, o Colégio Radar – instituição do grupo da Facol -, Mickaell tem outra grande paixão: a política.  Talvez pelo fato de seu pai ser um grande empresário da área de Comunicação, com foco na política local, estadual e nacional; talvez pelo fato de um dos seus ancestrais ter sido prefeito de Vitória de Santo Antão, o fato é que ele, desde muito jovem, sempre demonstrou um grande interesse pala política.

Este foi , portanto, o grande motivo de sua felicidade, no dia 07 de outubro, ao poder exercer o poder  da escolha, através do voto, pela 1ª vez.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar