IMG-20180826-WA0006

Assim como se destacou na Câmara Municipal de Carpina como um político que repudia qualquer irregularidade, sempre em defesa dos menos favorecidos, também como delegado, Antonio Resende pretende seguir esse mesmo caminho na Assembleia Legislativa de Pernambuco.

Em sua cidade, ele tem o respeito e o carinho das pessoas porque não se nega a lutar sempre pelo que considera ser melhor para a população. Assim foi quando fez denúncias contra queimadas irregulares nos lixões ou quando apresentou – e teve aprovado -, um projeto de lei proibindo a ideologia de gênero nas escolas, com o intuito de proteger as crianças e adolescentes.

“São dois temas que interferem diretamente na vida das pessoas, principalmente das crianças e adolescentes. A queimada irregular pode trazer inúmeros problemas de saúde, causando problemas respiratórios nas pessoas, além de ser uma situação perigosa para o meio ambiente”, explicou.

Quanto à proibição da ideologia de gênero nas escolas, Resende disse que não é homofóbico, que apenas quer proteger as crianças desse tipo de ideologia nas escolas. “A Constituição dá prioridade absoluta à proteção da criança. Crianças têm que ir à escola para estudar, para serem disciplinadas. Elas têm que ser protegidas e não ficarem vulneráveis com ideologias que mexam com sexualidade precoce. Alunos não estão na escola para serem incentivados a aceitar que não existe diferença entre sexo feminino e masculino, para serem direcionadas a aprender que o uso do mesmo banheiro para meninas e meninos no colégio é natural”, finalizou Resende.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Fechar