Arquivos do mês julho 2018

IMG-20180731-WA0050

Na tarde desta segunda-feira, o ex-prefeito Guga Lins se reuniu com o pré-candidato a senador Bruno Araujo do PSDB e ali recebeu o convite para ser um dos coordenadores de sua campanha. Bruno será o candidato a senador da chapa encabeçada pelo senador Armando Monteiro.

Guga Lins falou com site Tribuna do Moxotó e mostrou toda sua satisfação por esse convite por parte de Bruno Araujo.

“Estou feliz por ter sido lembrado por Bruno Araujo para ser um dos coordenadores de sua campanha majoritária. Somos amigos de Bruno Araujo há muito tempo e por ele temos a maior consideração e vamos contar com nossos amigos, correligionários e familiares para ajudar no fortalecimento dessa chapa que irá mudar Pernambuco, fazendo-o voltar a ser o Leão do Norte, ocupando um lugar de destaque no cenário nacional de forma positiva. Fiquei feliz pela lembrança do meu nome por parte do amigo Bruno Araujo”, disse o ex-prefeito Guga Lins

A chapa majoritária encabeçada pelo senador Armando Monteiro será lançada no próximo sábado, dia 4 de agosto, a partir das 9h, no Classic Hall, em Olinda, a frente das oposições “Pernambuco Vai Mudar” realiza convenção para oficializar as candidaturas do senador Armando Monteiro (PTB) a governador e dos deputados federais Bruno Araújo (PSDB) e Mendonça Filho (DEM) para o Senado nas eleições do dia 7 de outubro.

“Está chegando a hora da mudança, Pernambuco precisa sair dessa inércia. As estradas estaduais estão um caos, a saúde está o caos, a educação está sendo mascarada e maldosamente maquiada, todos sabem que o professor está muito insatisfeito com o atual governo e em Sertânia o quadro é dessolador, temos quadras de escolas estaduais abandonadas, estradas também abandonadas, a água apesar de ter chegado do açude não está chegando nas torneiras do sertaniense. Não é possível continuar assim. A população pernambucana almeja mudanças e a hora chegou”, concluiu o ex-prefeito Guga Lins entusiasmado com o convite feito pelo deputado federal Bruno Araujo pré-candidato ao senado.

 

Fonte : Tribuna Moxoto

IMG-20180731-WA0034

Conhecida por “Terra da Romaria”, São Joaquim do Monte, no Agreste pernambucano, conhecerá, na noite desta terça-feira (31) todos os detalhes da 25ª Romaria do Frei Damião que acontecerá de 30 de agosto a 02 de setembro.

A ocasião definida para lançamento foi a Missa do Romeiro, que já vem sendo celebrada no último dia de cada mês, em preparação para as comemorações dos 25 anos da Romaria. Na celebração, os romeiros conhecerão a Programação Oficial 2018, material de divulgação impresso, digital e audiovisual e outras informações apresentadas por Padre Isael Torres, pároco e coordenador do evento. “É um momento muito importante para nossa paróquia que começa a preparar o coração e a casa maior, a nossa cidade, para receber a multidão dos romeiros que virão prestar homenagem ao nosso querido Frei Damião”, declara religioso.

A Missa dos Romeiros será precedida de Terço Meditado e Procissão com a imagem de Nossa Senhora das Dores, considerada a Padroeira dos Romeiros. A Celebração Eucarística será às 19h30min na Matriz de São Joaquim.

Serviço

Lançamento da 25ª Romaria do Frei Damião

Local / Cidade: Matriz de São Joaquim / São Joaquim do Monte – Pernambuco

Data: 31 de julho 2018

18h30min: Terço Meditado na residência de Dona Maria José da Silva, conhecida por Maria de seu Julhinho da Cohab – Rua José Coelho Xavier, 02, Cohab. Em seguida, procissão de Nossa Senhora das Dores por ruas e avenidas.

19h30min – Santa Missa dos Romeiros e Lançamento da Romaria do Frei Damião – A Força da Fé, Transformando um Povo na Matriz de São Joaquim.

IMG-20180731-WA0015

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, decidiu nesta segunda-feira (30) deixar para o ministro Ricardo Lewandowski o rumo do MDB de Pernambuco, relator do caso. A executiva nacional, aliada do senador Fernando Bezerra Coelho, havia pedido urgência na análise do caso por causa da proximidade da convenção estadual que deve oficializar o nome do deputado federal Jarbas Vasconcelos, opositor do grupo, ao Senado na chapa do governador Paulo Câmara (PSB), na próxima sexta-feira (3). A decisão da presidente da Corte foi considerada uma vitória de Jarbas.

Apesar de o pedido de urgência ter sido negado, FBC continua na expectativa de que uma nova determinação saia ainda esta semana. “Vamos aguardar a decisão do ministro Lewandowski”, afirmou.

O STF funciona em regime de plantão até esta terça-feira (31).

Nos bastidores, comenta-se que o MDB nacional deve judicializar a convenção, o que não é confirmado oficialmente. O presidente nacional do partido, o também senador Romero Jucá (RR), estaria planejando ir à Justiça para invalidar a decisão.

Opositor de Paulo Câmara, FBC se filiou ao partido em setembro do ano passado, com a promessa de Jucá de assumir a presidência no Estado. Para isso, seria feita uma intervenção, dissolvendo o diretório local. Depois da chegada de FBC, o atual presidente do partido, o vice-governador Raul Henry, levou a briga à Justiça e em outubro conseguiu a primeira liminar do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), impedindo os dois processos de dissolução instaurados. Após um imbróglio ainda no Estado, o MDB nacional levou a questão ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que concedeu decisão favorável a Jucá.

Com isso, o partido conseguiu intervir em Pernambuco, dissolvendo o diretório estadual e instalando uma comissão provisória que tinha Fernando Bezerra Coelho como presidente. O cenário ficou assim por três dias. Lewandowski, porém, acatou o argumento de Raul Henry de que há conflito de competência e que caberia ao TJPE decidir sobre a questão, não ao TSE. Jucá recorreu ao próprio ministro.

Esse mês, com a proximidade da convenção, o MDB nacional pediu urgência na análise do caso.

Fernando Bezerra Coelho, que fica com o comando do partido caso haja uma decisão favorável ao grupo dele e de Jucá, é uma das lideranças da oposição a Paulo Câmara que terá como candidato ao governo Armando Monteiro Neto (PTB). O próprio FBC tinha a intenção de postular o cargo, mas não conseguiu por causa do imbróglio jurídico envolvendo o partido.

 

Blog do Jamildo

IMG-20180731-WA0007

Enfático – O prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque, em conversa com este blogueiro, foi taxativo quanto a candidatura da petista Marília Arraes ao governo de Pernambuco. “Marília é candidatíssima para desespero dos que torcem contra, e querem que Pernambuco não se reencontre com o movimento popular. Marília é a mais pura expressão daquilo que o PT tem de bom. É uma mulher guerreira”, finalizou.

IMG-20180731-WA0005

 

Celina Brito Junto Com Três Vereadores Entre Outras Lideranças Também Apoia Silvio Costa Filho (Federal) E Claudiano Filho (Estadual).

A ex-prefeita de Jupi, Celina Brito, anunciou o apoio, no final de semana, as candidaturas de Marília Arraes para o Governo do Estado, Silvio Costa como candidato ao senado, Silvio Costa Filho (federal) e Claudiano Filho (estadual).

Três vereadores do município acompanham o posicionamento da ex-prefeita e todos estiveram presentes a um ato realizado no centro da cidade, que reuniu centenas de populares.
Segundo Silvio Costa Filho, receber o apoio das lideranças de Jupi é fundamental para dar continuidade ao trabalho em defesa de melhores condições para o Agreste. “Para mim é um privilégio poder ter o apoio e a confiança da ex-prefeita Celina e de todo seu grupo político. Ela, quando foi prefeita, trabalhou pelo desenvolvimento da cidade e, sobretudo, por uma melhor qualidade de vida para a população. Gratidão se retribui com trabalho. Espero, como pré-candidato a deputado federal, trabalhar pelo povo de Jupi”, pontuou Silvio.

Além de moradores de Jupi, o evento contou com a presença de líderes de outros municípios da região, dentre eles, os vereadores Janio Moraes (Brejão), Alcindo Correia (Garanhuns), Paulo Moraes de Brejão, Enilda, pré-candidata à prefeitura de Paranatama.

Roberto Almeida.

IMG-20180730-WA0081

Em votação na manhã desta segunda-feira (30.07), tribunal decidiu, por 4 votos a 3, que homenagem dos amigos ao ex-defensor público-geral do estado não se tratava de propaganda eleitoral

O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) julgou, nesta segunda-feira (30), improcedente a representação do Ministério Público Eleitoral de Pernambuco contra o ex-defensor público-geral do Estado, Manoel Jerônimo de Melo Neto, pré-candidato a deputado estadual. A ação contra o defensor foi motivada por uma homenagem feita por amigos a Manoel, através de outdoors, o parabenizando pelos “relevantes” serviços prestados à população menos favorecida enquanto esteve à frente da Defensoria Pública do Estado de Pernambuco (2014-2018).

A peça feita pelos amigos em homenagem ao defensor-publico foi veiculada dias depois que ele transmitiu o cargo para o seu adjunto, José Fabrício Silva de Lima. Na ocasião, o coordenador da Comissão de Propaganda do Recife, o juiz Heraldo José dos Santos, da 5ª Zona Eleitoral do Recife, determinou a retirada de todos os painéis, sob a justificativa de que se tratava de propaganda extemporânea.

Mas o TRE-PE, por 4 votos a 3, entendeu que não há empecilho na veiculação do conteúdo presente no outdoor (Manoel Jerônimo: o defensor do povo. Seus amigos se orgulham por sua luta pelos invisíveis). Votaram pela improcedência os desembargadores Agenor Ferreira de Lima Filho, Érika de Barros Lima Ferraz, Júlio de Oliveira Neto e Vladimir de Souza Carvalho. Os três que votaram pela procedência foram o relator do processo, desembargador Alexandre Pimentel, Gabriel Cavalcanti Filho, desembargador eleitoral, e Luis Carlos de Barros Figueirêdo, presidente do TRE.

A argumentação dos quatro desembargadores que votaram pela improcedência está na mesma Lei das Eleições. De acordo com seu Artigo 36-A, não configuram propaganda eleitoral antecipada a menção a uma pretensa candidatura e a exaltação das qualidades pessoais dos pré-candidatos, desde que não haja pedido explícito de voto. Manoel Jerônimo, 40 anos, se filou ao Partido Republicano da Ordem Social (PROS) em abril passado. Ele é vice-presidente do partido e pré-candidato a deputado estadual. A decisão do TRE cabe recurso junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Perfil

Manoel Jerônimo de Melo Neto (27 de julho de 1978) é um defensor público do estado de Pernambuco, atualmente em pré-campanha para concorrer ao cargo de deputado estadual pelo Partido Republicano da Ordem Social (PROS).

Tem grande parte da sua trajetória profissional destinada à justiça social e à cidadania. Nos últimos dez anos, se dedicou às causas sociais no exercício da função de defensor público. Cuidou dos direitos da família, da criança e do adolescente, do idoso, da mulher e concedeu a cidadania a uma legião de pernambucanos que estavam invisíveis para a sociedade, pois não tinham um registro de nascimento.

Formado em Direito pela Universidade Estadual da Paraíba, advogou na área criminal, cível e trabalhista durante seis anos. Mas se encontrou profissionalmente quando foi aprovado no concurso público da Defensoria Pública do Estado de Pernambuco, em 2006. Foi nomeado em 2008, quando começou a trabalhar como defensor público em Timbaúba e Ferreiros, municípios da Zona da Mata Norte de Pernambuco, localizados a cerca de 100 quilômetros do Recife.

Atualmente, é doutorando em Ciências Jurídicas e Sociais na UMSA, Universidade da Argentina, sendo também professor licenciado da Faculdade de Direito de Timbaúba, onde coordenou a Câmara de Mediação e Conciliação. Sua influência jurídica vem do seu avô Waldemar Farias, promotor de Justiça, cujo nome batizou a sede do Ministério Público da comarca de Pirpirituba/PB. Como defensor público, trabalhou nas comarcas de Recife, Igarassu e Goiana, além de Timbaúba e Ferreiros.

Foi membro da força especial do Tribunal do Júri, atualmente Grupo de trabalho criado para as Defesas em plenário do júri no Estado. Como integrante do Tribunal do Júri, atuou em várias comarcas de Pernambuco, alcançando a marca de 282 júris realizados. Foi chefe/coordenador do Núcleo do Consumidor da Capital e chefe/coordenador do Núcleo da Defensoria Pública na Comarca de Igarassu, onde promoveu várias ações civis públicas para ajudar a população para um melhor conforto social. Após vários anos de uma atuação expressiva e de reconhecimento de seus pares, tornou-se o Defensor Público Geral mais jovem do País, então com 35 anos.

Como Defensor Público-Geral de Pernambuco, desenvolveu uma gestão estratégica, democrática, transparente e impessoal, trabalhando pelas criações de novos Núcleos da Defensoria Pública, sedes administrativas e reformas, chegando a marca de 48 inaugurações e reformas realizadas em 30 meses de gestão. Avançou com a presença da Defensoria Pública nos municípios pernambucanos, conforme a Constituição Federal estabelece. Em um ano e dois meses de trabalho, a sua gestão de Manoel atingiu alcançou a marca de 95% das metas de cumprimento das ações previstas no planejamento estratégico. Foi eleito vice-presidente do Colégio Nacional dos Defensores Públicos Gerais (CONDEGE), realizou concurso para o cargo de defensor público e o número desses profissionais no Estado de Pernambuco chegou a 289, fazendo com que a Defensoria Pública estivesse presente em 108 comarcas, ampliando o raio de atuação em aproximadamente 40%.

 

Por Múcio Aguiar

IMG-20180730-WA0047

Reportagem é a alma do jornal, já dizia Otto Lara Resende. O repórter é o personagem mais importante da imprensa, posto que dele depende a notícia apurada para uma boa matéria, que deve vim com clareza e rica de informações – um contraponto ao que comumente vemos na proliferação de notícias falsas que facilmente são disseminadas em redes sociais. A credibilidade da informação é o futuro do jornalismo. Precisamos repensar a forma como dialogamos com o mundo atual e suas tecnologias.
Em recente artigo publicado no Estadão, Carlos Di Franco pontuou o jornalismo sem alma e sem rigor, como uma doença perigosa que contamina as redações e afastam leitores e escancaram as portas para os traficantes da mentira, a falta do pulsar da vida, com reportagens sem boas histórias e sem o sotaque do leitor. Talvez, justificado pelo fato de que jornalistas estão saindo dos bancos universitários sem o importante hábito da leitura, e leitura de jornais. Existe uma tendência de valorizar profissionais, que dominem o uso de novas tecnologias visando a otimização dos custos da redação, porém, sem o equilíbrio necessário, a otimização poderá ocasionar a queda da qualidade textual, afetando diretamente as receitas dos jornais, e em breve, sua credibilidade.
Saímos do tempo analógico para a solidão digital. Deixamos nossos álbuns de fotografia para termos galerias de imagens que com o toque do dedo corre na tela, e quando necessário são deletadas para obter novo espaço de memória no aparelho, comprovando a pouca representação afetiva, mas apenas um acumulo de informação visual. A cada informação que captamos no espaço virtual ficamos reféns da superficialidade crítica, e nos afastamos da profundidade que é possível no jornal impresso, e que a cada dia perde sua magia do bom jornalismo intelectualizado – valorizando um jornalismo digital (digitus, palavra latina para dedo, uma vez que os dedos eram usados para contagem discreta), sem identidade, comum também aos espaços físicos dos shoppings e aeroportos globalizados. Perdemos o encanto da notícia, e leitores.
O problema de notícias falsas não é atual, sempre houve na história da imprensa e da escrita, porém, o seu efeito atual é mais nocivo do que antes, em razão da sua rápida proliferação e deve ser diariamente combatido. Hoje, a novidade é a crescente baixa qualidade de profissionais que ocupam as redações, principalmente os jornais regionais, que são fundamentais na formação dos grandes repórteres. A sobrevivência da nossa imprensa tem, no momento, dois pilares: ter bons repórteres leitores, consequentemente a manutenção de sua credibilidade.
Múcio Aguiar – Presidente da Associação da Imprensa de Pernambuco (AIP), conselheiro da Associação Brasileira de Imprensa (ABI) e doutoramento em Ph.D. pela Universidade de Coimbra.

IMG-20180730-WA0043

Em livro, fundador do PSL diz ainda querer cortar gasto militar; advogada fez críticas
RIO – O presidente de honra e fundador do PSL, Luciano Bivar, que lançou a candidatura do deputado federal Jair Bolsonaro à Presidência nas eleições 2018, já defendeu propostas que contradizem algumas das principais bandeiras do presidenciável.
Bivar se declarou, no livro Burocratocia: A Invasão Invisível, de sua autoria, a favor da legalização do aborto. Em sua própria campanha para presidente da República, em 2006, ele pediu ainda um plebiscito sobre a união de pessoas do mesmo sexo e defendeu o Bolsa Família. Outra atual aliada, a advogada Janaina Paschoal também já se posicionou de forma contrária a Bolsonaro no ano passado.

Bivar lançou Burocratocia em 2006. Nele, quando recorda sua atuação como deputado federal, escreve: “Combati a retórica e a falácia dos defensores dos direitos humanos, quando propus a legalização do aborto e da eutanásia e a introdução da pena de morte para crimes de sequestro seguido de morte”.

Ele defende ainda tratados para que grandes potências participem da defesa do Brasil: “Com isso, podemos diminuir 60% do nosso recrutamento militar, poupando uma verba anual expressiva”. Bolsonaro é capitão da reserva do Exército e tem base eleitoral nos quartéis.

Além disso, Bivar pediu a extinção do tributo pago sobre quem tem imóveis em terrenos da Marinha. “Os custos da União para cobrar esse tributo não justificam a sua permanência”, afirmou aos leitores.

A assessoria de Bivar respondeu que “hoje, as posições (de Bivar) estão sendo amadurecidas em conjunto com todas as tendências que formam o PSL”.

Janaina Paschoal já criticou Bolsonaro
A advogada do impeachment Janaina Paschoal fez críticas ao candidato do PSL no Twitter. Em post de 24 de novembro do ano passado, disse não gostar “do tom” do deputado e que ele “haveria de cuidar mais de sua fala”. “Ando preocupada com isso”, afirmou.

No mesmo mês, Janaina declarou na plataforma que Bolsonaro precisava ponderar seu discurso e ouvir pessoas que pensam diferente. Foi o mesmo tom usado pela advogada no lançamento da candidatura do deputado, domingo retrasado.

Ao Estado, Janaina afirmou que não vê estes tuítes como críticas, “mas como conselhos” ao deputado. “Estão em consonância com o que eu falei na convenção. E, pelo que tenho observado, ele está cuidando dessas questões”, afirmou.

O presidente do PSL, Gustavo Bebianno, disse ao Estado que as opiniões de Janaina são de uma “mulher forte”, que pode “agregar” à chapa. Nesta segunda-feira, 30, Bolsonaro se encontrará com Janaina em São Paulo, na tentativa de acertar seu posto como vice na chapa. A aliança ficou abalada após o discurso da advogada na convenção do PSL.

PSL avalia sete nomes para vice
Após quatro tentativas, a campanha de Bolsonaro cogita sete nomes para vice: Luciano Bivar; a jornalista Joice Hasselmann; o empresário Paulo Marinho; o presidente do PSL de Minas, Alvaro Antonio; o astronauta Marcos Pontes; o general Fernando Azevedo e Silva; e o príncipe Luiz de Orléans e Bragança.

 

O Estadão

Paulo Câmara cria o Canal Expresso Pernambuco

 

IMG-20180730-WA0042

Decreto visa diminuir tempo de espera
de caminhões nos postos fiscais do Estado
Foi publicado no Diário Oficial do Estado no sábado passado (28), o Decreto 46.305/2018 que o governador Paulo Câmara (PSB) assinou instituindo o Canal Expresso Pernambuco, que é um modelo de fiscalização de mercadorias desenvolvido pela Secretaria da Fazenda de Pernambuco (SEFAZ), com o objetivo reduzir o tempo de espera de veículos de carga nos postos fiscais do Estado.
O novo sistema já vinha sendo testado, por meio de um projeto piloto, no Posto Fiscal de Xexéu, Zona da Mata Sul, quando ficou constatada a diminuição considerável na permanência dos caminhões, com mais velocidade na liberação dos documentos fiscais.
Para aderir ao modelo, a empresa transportadora deve estar credenciada à SEFAZ, apresentando ao Fisco estadual o Termo de Adesão, conforme modelo a ser publicado. Já os motoristas das empresas serão dispensados da assinatura do Termo de Fiel Depositário.
O Canal Expresso Pernambuco também prevê a instalação de guichês exclusivos para o atendimento às transportadoras habilitadas.
O governador Paulo Câmara explicou que a medida vai beneficiar bastante os motoristas, que não ficarão muito tempo parados nos Postos Fiscais. ““Esse modelo é um marco na fiscalização de mercadorias em trânsito, viabilizando a diminuição do tempo gasto pelas transportadoras no trajeto de suas cargas pelas fronteiras do Estado e contribuindo para a redução dos custos operacionais das empresas””.
Atualmente, existem em Pernambuco seis postos fiscais em operação localizados nos municípios de Goiana (Zona da Mata Norte), Xexéu (Zona da Mata Sul), São Caetano, Bom Conselho (Agreste), Ibó e Petrolândia (Sertão).

IMG-20180730-WA0037

Em reunião mensal realizada com lideranças do município de Primavera no último domindo (29), o empresário Eudo Magalhães (Eudo Primavera), mais uma vez demonstrou seu fortalecimento para o pleito deste ano.

Com a presença do Deputado Federal André de Paula e do seu pai e prefeito de Xexéu, Dr. Eudo Magalhães, o empresário apresentou inúmeras adesões ao seu grupo e demonstrou entusiasmo ao afirmar ’ter a certeza que seus deputados chegarão aos 2 mil votos, dobrando a votação de 2014’.

Outrora desconhecido, Eudo vem caindo na graça dos Primaverenses e praticamente quadriplicou seu grupo ao longo dos quatro anos, despontando politicamente como principal liderança da oposição no município, se credenciando a desbancar as oligarquias que se revezam no poder a mais de 20 anos.

Na ocasião, Eudo comemorou seu aniversário ao lado dos seus familiares – correligionários, revelando que a família Magalhães cresce a cada dia, ‘mais guerreiros chegam para reforçar a nossa famíla, agradeço a Esmeraldo de Brasa do Engenho Tabocas, Sr Ivanildo do Engenho Tabocas, Neo da família Sales do Engenho Tabocas, João Leite do Engenho Maracujá, Vado dos Belo do Engenho Rede Grande, Hélio Passo, Pô-la e Bia do Engenho Pratinha, Boy do Engenho Maracujá, Valdecir do Engenho Maracujá e muitas adesões que acontecem a cada dia’.

IMG-20180730-WA0041IMG-20180730-WA0040IMG-20180730-WA0038

Blog Cleiton Pereira

Fechar