IMG-20180424-WA0002

O Governo do Estado, por meio das Secretarias de Cultura/Fundarpe e Turismo, Esportes e Lazer/Empetur, lançou a Convocatória do Ciclo Junino 2018. O edital tem a finalidade de escolher artistas, grupos e agremiações para apoiar os municípios pernambucanos que irão realizar as festividades. O edital é direcionado a Bandas de Pífanos, Bumba-meu-boi, Cavalo-marinho, Ciranda, Coco, Embolada, Grupo de Bacamarteiros, Mamulengo, Mazurca, Quadrilha Junina, Reisado, Repente, São Gonçalo, Viola, Xaxado, Forró pé-de-serra e MPB.

Os interessados em participar da convocatória poderão submeter suas propostas no período de 26 de abril a 9 de maio. As inscrições podem ser feitas na sede da Secult/Fundarpe (Rua da Aurora, 463/469, Boa Vista, Recife), das 8 às 17 horas, ou enviadas via Correios, através de SEDEX (só serão validadas as propostas que tenham sido remetidas até o último dia de inscrição).

Com objetivo de garantir a predominância das músicas e danças da tradição junina, a Convocatória destinará: 30% para a participação de artistas e grupos da categoria de cultura popular; 40% para categoria de música e dança da tradição junina; 10% para os grupos de forró pé-de-serra; e 20% para artistas da música popular brasileira. Ficam limitadas em até três, as apresentações para artistas e grupos das categorias de cultura popular, grupos de forró pé-de-serra e música e dança da tradição junina; e em até duas apresentações para artistas e grupos da categoria de música popular brasileira.

O Secretário Estadual de Cultura, Marcelino Granja, destacou a valorização da cultura pernambucana. “O formato da Convocatória, pactuado com o Conselho Estadual de Política Cultural, é a reafirmação de uma conquista importante dos fazedores de cultura em nosso Estado, além de estar em sintonia com propostas e debates recentes ocorridos em momentos de intensa participação popular, como a IV Conferência Estadual de Cultura”.

A presidente da Fundarpe, Márcia Souto, também ressaltou que o edital é exclusivo à contratação de artistas, grupos e agremiações pernambucanas, como vem acontecendo nos últimos anos, “Graças ao talento e dedicação de nossos artistas, é mantida viva a tradição dos festejos juninos de nosso Estado, que é tão rico e diverso culturalmente”.

O presidente em exercício da Empetur, Ciro Couceiro, enfatizou que os festejos juninos em Pernambuco, são importantes em todos os aspectos, tanto culturais como econômicos. “O São João é um dos principais festejos de Pernambuco e, por isso, estamos sempre trabalhando para promover a festa. Os eventos são voltados para os próprios pernambucanos, atraindo turistas nacionais e estrangeiros. Queremos promover uma festa integrada entre a Cultura e o Turismo”.

PROPOSTAS – As propostas serão analisadas por uma Comissão de Avaliação, formada a partir de uma seleção de profissionais de notório saber nas áreas de música, cultura popular e dança. Os interessados em integrar essa comissão, deverão se inscrever pessoalmente na sede da Secult/Fundarpe, no período de 26 de abril a 7 de maio, das 8 às 17 horas, ou por e-mail comissaosaojoao2018@gmail.com, contendo nome completo do proponente e opção de inscrição (registrar qual o segmento). Só serão validadas as inscrições via internet que sejam realizadas até às 23:59 horas do dia 7 de maio.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar