Especializada em política, a Revista Total antecipa resultados a partir de análises que envolvem articulações partidárias e estratégias de campanha

acertoEspecializada na cobertura política há doze anos, a Revista Total foi a grande referência na imprensa pernambucana para os resultados das eleições em 2016. A revista, como já é tradição, realizou prognósticos para os resultados das disputas nos mais importantes colégios eleitorais do Estado. O índice de acertos foi superior aos 90%, mostrando que além de trazer reportagens sempre interessantes, polêmicas e trazer opiniões e artigos, a Revista Total também funciona como importante observadora dos cenários regionais.

“Antes de apontar quem acreditamos que vai vencer, conversamos com muita gente do mundo político, empresarial e sindical. Eleições seguem tendências e o resultado que sai das urnas é fruto de articulações, que começam bem antes, e das estratégias de campanha. É somando todos estes fatores que damos nossas opiniões”, explica o diretor de marketing da Revista Total, Marcelo Mesquita. No Recife, a Revista Total apontou que Geraldo Júlio teria dificuldades para vencer no primeiro turno, dado ao número de candidaturas. Também apostamos que, caso enfrentasse o ex-prefeito João Paulo (PT), Geraldo teria um caminho mais tranquilo. O pior adversário seria o deputado federal Daniel Coelho (PSDB), por aglutinar também os eleitores de Priscila Krause (DEM).

A Revista Total apostou que Miguel Coelho (PSB) seria o vencedor em Petrolina, afinal o filho do senador Fernando Bezerra Coelho (PSB) conseguiu unificar a família em torno do seu nome e formar uma grande frente partidária, somando mais tempo de TV que todos os oponentes. Em Caruaru nosso palpite era que Tony Gel (PMDB) estaria no segundo turno, diante de Raquel Lyra (PSDB) ou Jorge Gomes (PSB). O socialista teve uma performance abaixo do esperado, terminando em quarto lugar. Porém, Tony e Raquel se enfrentaram na etapa decisiva. Em Olinda a Total antecipou que o advogado Antônio Campos (PSB) estaria no segundo turno. No entanto, nossa opinião era que ele enfrentaria a deputada federal Luciana Santos (PCdoB), porém o professor Lupércio (SDD), que realizou uma campanha surpreendente, encarou Tonca na segunda fase.

 

Em Jaboatão dos Guararapes também destacamos que o deputado Anderson Ferreira (PP) reunia grandes chances de chegar ao segundo turno, enfrentando o vereador Neco (PDT), que é um nome bastante conhecido na cidade. Mesmo apoiado pelo governador Paulo Câmara e pelo prefeito Elias Gomes (PSDB), Heraldo Selva não teria o tempo necessário para massificar a campanha e garantir uma vaga no segundo turno.

Pelo interior, apontamos Altair Jr (PMDB) como provável vitorioso em Palmares e Madalena Brito (PSB) vencendo em Arcoverde, fatos que aconteceram. Mesmo sabendo que seria uma disputa dura, também apostamos que Lucrécio (PSB) recuperaria seu prestígio e seria reeleito em Escada. Izaias Régis (PTB), em Garanhuns; Eduardo Coutinho (PSB), em Água Preta; José Patriota (PSB), em Afogados da Ingazeira e Joaquim Neto (PSDB), em Gravatá, foram outros prognósticos da Revista Total. “A Revista Total tem grande prestígio no meio político porque é especializada no assunto. As previsões da revista são bastante aguardadas por todos nós, porque elas são realizadas com base no que está acontecendo em cada cidade e região”, afirmou o prefeito eleito de Vitória de Santo Antão, Aglaílson Júnior (PSB), outra vitória que também antecipamos. “A Total é uma revista respeitada pelo mundo político do Estado e que tem grandes fontes de informação. Ela antecipa os fatos e pauta muitos debates em Pernambuco, por isso é uma leitura obrigatória para quem acompanha a política”, afirmou o ministro das Cidades, Bruno Araújo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Fechar